História O Diário Do Futuro - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 5
Palavras 537
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Super Power, Suspense, Violência
Avisos: Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - Dia 14, 2062


   Essa noite quando eu estava dormindo escutei uma voz vinda da sacada do meu quarto estava frio, peguei o casaco e sai, eu não havia encontrada nada nem ninguém quando de repente alguém tenta me ameaçar com uma faca e tentei reagir sem sucesso e acabei desmaiando, quando acordei um homem com uma máscara completamente de preto gritava:

   -Você não pode ter escolhido ele! Ele é um simples jovem, não sabe nada, a vida não o ensinou a ser um de nós, ou de vocês, EU merecia isso mais que ele, o que acha ele ira fazer com esse poder? Mostrar aos amiguinhos que ele não sofre, porque eu vou fazer ele sofrer! Porque eu vou ter esse poder e ninguém vai me impedir!

   -Senhor, você dizer o que está acontecendo  - perguntei tentando me desprender da cadeira.

   -Meu caro jovem, eu venho tentando descobrir desde que nasci, mas está difícil e fica mais difícil quando um jovem inútil como você rouba o que lhe faz viver!

   Uma terceira voz argumentou:

   -John, você ainda não está preparado para esse poder...

   -Como assim mestre? Eu não estou preparado? Estou a 30 anos estudando a merda dos seus pergaminhos e eu não estou preparado? Pois saiba que eu não preciso disso para extermina-lo.

   -Este é o fato, você só quer o poder para acabar com a humanidade.

   -Isso era mentira, mas agora será a mais pura verdade, mesmo que eu não precise disso para matar o “deus” a quem eu servi desde a adolescência.

   Enquanto eles discutiam eu consegui arrancar as fitas que me prendiam, mas em questão de segundos, John me atingiu com um raio no peito, eu apenas coloquei a mão sobre o local atingido e me regenerei, rapidamente eu corri até a praia e me deitei para descansar, o sol estava se pondo, para mim era o melhor horário e lá eu fiquei até que minha namorada Emily me ligou e numa voz fraca ela disse:

   -Eles estão aqui, me ajuda, eles não vão me deixar viva por muito tempo...

   -Eles quem?

   -Venha o mais rápido possível, eu estou em casa, não desliga.

   -Estou indo.

   Desesperado, vi meu carro num estacionamento, peguei-o e fui em direção a casa da Emily, faltavam três quadra quando ela disse:

   -Não... Da...Mais... Tempo...

   E a ligação terminou.

   Quando cheguei, arrombei a porta e vi vários remédios espalhados pelo chão e vi Emily com uma arma na mão falando:

   -Se o meu tempo acabar, eu não vou mais dever esperar, eles não virão se eu não conseguir a tempo, e eu só tenho uma chance pra acabar com esse sofrimento.

   -Quem são eles?

   -Davey! Não se preocupe comigo se eu continuar viva só vou te atrapalhar.

   -Emy!

   E o tiro acertou o coração, não o dela e sim o meu, mas quando eu vi Emily não tinha atirado e sim John que estava atrás de mim e que falou:

   -David bobo, parece que caiu na armadilha, sua namorada é uma boa atriz, fique feliz por ela, porque você não vai mas ter sair vivo, o coração é seu ponto fraco. E alias eu não preiso mais dela.

   Ele atirou na cabeça dela.

   Tentei revidar, mas eu desmaiei até acordar em casa.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...