História O dinheiro não compra amor - Destiel. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supernatural
Personagens Bela Talbot, Bobby Singer, Castiel, Charlene "Charlie" Bradbury, Chuck Shurley, Claire Novak, Dean Winchester, Ellen Harvelle, Gabriel, Jo Harvelle, John Winchester, Kevin Tran, Lúcifer, Mary Winchester, Miguel, Personagens Originais, Rafael, Rowena MacLeod, Ruby, Sam Winchester
Tags Castiel, Dean, Destiel
Exibições 114
Palavras 575
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Mistério, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Minha primeira fic, espero que gostem.
Eu não vou ter certos dias para postar, só vou postar quando puder...
Fiquem com a história agora:

Capítulo 1 - FUI VENDIDO


Pov Castiel

Acordo com a luz do sol batendo em meu rosto, eu provavelmente esqueci-me de fechar as cortinas na noite anterior. Levanto-me com preguiça, e vou até o banheiro do meu quarto e começo a fazer minha higiene pessoal. Primeiro escovo os dentes, urino e, em seguida, vou até o box para tomar um banho quente. Após terminar o banho, me seco com a toalha que tem no gancho do banheiro, saio com ela enrolada na cintura e me deparo com meu irmão Miguel sentado na minha cama.

- Bom dia Miguel - Digo sorrindo e entrando no meu closet para pegar uma roupa. - O que você faz acordado tão cedo em pleno sábado?

- Na verdade eu preciso ter uma conversa séria com você - Responde Miguel seriamente, saio do closet usando uma calça jeans folgada, uma camiseta branca com "Salvem os McDonald's locais em extinção" escrito na parte de trás e um par de sapatos azuis da marca Adidas - e você não vai gostar do que eu vou te falar.

O meu sorriso desapareceu em questão de segundos. O que será que aconteceu para deixar Miguel desse jeito? Fora tão sério a ponto de eu acabar me machucando no meio da história ? E no meio dessas duas perguntas internas, o olhar de Miguel não respondeu a nenhuma delas.

- Castiel, eu sinto muito por dizer assim, mas ... - A frase de Miguel foi interrompida pela batida na porta, que estava entreaberta. Gabriel, meu irmão mais novo, estava na porta.

- Você já contou a ele? - Pergunta Gabriel com o rosto inchado, ele provavelmente estava chorando.

- Me contar o que, Gabriel? - Rebato rispidamente antes que Miguel conseguisse responder á pergunta do meu irmão caçula - Será que algum de vocês pode me explicar o que está acontecendo?

- Castiel, você lembra que a empresa do papai estava falindo quando ele morreu, e que eu fechei um contrato com outra empresa para melhorarmos a situação da nossa empresa? - Pergunta Miguel, recebendo apenas um breve movimento de cabeça em concordância vindo de mi. É lógico que eu sabia,  ficamos comemorando aquele final de semana inteiro. - Então, acontece que você estava nesse contrato da empresa, você foi considerado uma prova viva de que não vamos passar a perna nessa outra empresa.

- C-como assim Miguel? Você me vendeu, é isso o que quer dizer? - A raiva, tristeza e surpresa na minha voz eram palpáveis. - Como você pode fazer isso comigo, o seu próprio irmão, sangue do seu sangue? - Eu me segurava para não chorar ali mesmo, minha voz estava tão embargada que mal podia ser ouvida, por isso a frase não passou mais de um sussurro meramente alto.

- Eu  nunca achei que eles iriam levar isso a sério, Castiel. Como você acha que eu me sinto sabendo que é culpa minha o fatode você poder ser morto e o contrato desfeito? - Pergunta Miguel com lágrimas escorrendo entre as bochechas - E o pior é que você não vai poder ficar aqui, amanhã você vai ter que ir para a casa do empresário que te comprou, me desculpe Castiel. - Diz Miguel se levantando da minha cama para sair junto de Gabriel.

- Você pode pelo menos me dizer o nome dele? - Pergunto para Miguel quando ele chega à porta.

Ele me olha por algum tempo até que diz:

- Dean Winchester.

 


Notas Finais


Gostaram?
Não se esqueça de comentar porque isso me deixaria muuuuuito feliz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...