História O Dono do Morro - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Styles
Personagens Personagens Originais
Visualizações 11
Palavras 3.008
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Festa, Ficção, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura

Capítulo 1 - Primeiro Capitulo


Não Revisado, Sorry

Acordei com meu despertador tocando não exitei de lançar na parede como sempre faço, esse já foi o quarto só essa semana

-Pronto mas um - digo e calço minhas pantufas e vou me arrastando para o banheiro fecho a porta e paro na frente do espelho estava com a cara toda amassada, tomei um banho e fiz todas minhas higiene pessoal vestir o uniforme da escola que tá mas para uniforme de presidiário peguei minhas coisas e desci a e fui andando para a cozinha aonde estava vindo barulho de choro certamente seria da minha mãe

-Mãe? Tudo bem com a senhora por que está chorando?

-Oi filha eu estou bem sim só um pouco nervosa por conta de uma viagem que eu vou ter que fazer para fora do país

-QUE? QUE VIAGEM MÃE PRA ONDE, A SENHORA VAI ME DEIXAR?-Disse já em pranto ela veio me abraçou

-Isso é para seu bem meu amor e fiquei tranquila que ser acontecer alguma coisa comigo você tem ao seu irmão tenho certeza que ele vai cuidar de você para mim

-Isso está parecendo um adeus mãe e isso é só uma despedida! Mas para onde a senhora vai e quando? -disse limpando as lágrimas escorridas em meu rosto

-Talvez seja um Adeus Minha Querida ..-diz e tento interromper mas sou cortada

-Mas eu quero te lembrar que eu te amo muito minha menina que você sempre vai esta no meu coração! E Eu vou para Londres e eu vou ir hoje daqui 30 mim - ela disse e eu me desabei a chora

-Mãe por que não me contou antes?Por que hoje faltando 30 mim para a senhora me abandona? Por que mãe ?-disse e continuei chorando

-Por que tenho certeza que você iria fazer isso e eu não teria coragem e eu preciso ir minha filha para seu bem -diz e continuo abraçada ficamos assim em silencio até que ela se levanta e me dá um beijo na testa

-Nunca se esqueça que eu te amo minha filha e isso é para o seu bem

eu já não conseguia falar mas nada estava em choque eu preciso de conta para alguém talvez o Igor possa vir fica aqui comigo não tenho força para ir para escola hoje levantei e sentei no sofá ouço barulho na escada e olho minha mãe com duas mala uma grande e outra de mão olhou dentro dos meus olhos quando estava abrindo a porta e lá se foi ela levantei e olhei da janela ela colocou suas coisas dentro de um táxi e nem olhou para trás eu sentei no chao da sala e peguei meu celular preciso ligar para o Igor

Ligação On

-Alo?-fala e eu escuto um gemido

-A Igor está ocupado eu ligo depois -disse tentando manter minha voz mas não dá e eu acho que ele percebeu que eu estava chorando

-Nao keth, pera aí Ana

-Que disse?

-Não e contigo que estou falando, mas diz pq vc tava chorando?

-Eu preciso de você Igor eu estou sozinha agora todo mundo me abandonou

-Ei calma eu não te abandonei eu estou aqui eu já estou indo aí mas a sua mãe está aí

-Nao pode vim e pelo visto ela nem volte

-O que ?

-Nada Vem logo

-To indo chego aí em 10 mim viu não se mexer até eu chegar

-Ok Obrigada

Ligação Off

Subir para o meu quarto me trouquei vesti meu pijama branco e preto e desci para sala para fica esperando o meu irmão chegar assim a campainha tocou e fui atender

-Igor - digo e Abraço ele forte e comecei a chora bom acho que ele entendeu que eu não estava nada bem e apenas me consolou com seu Abraço

-Esta pronta para me dizer o que aconteceu com minha princesa eu não gosto de ter ver assim - diz e eu acento ele entra senta no sofa e eu fecho a porta e me jogo no seu colo como se eu fosse um bebe contei toda conversar com minha mãe para ele

-Eu sabia que ela iria ir embora com ele aquela mulher não me engana pow - disse andando de um lado para o outro

-Como assim Igor? Me explica o que está acontecendo

-Nada so arrumar suas coisas que você vai passar um tempo na minha quebrada ate eu resolver essas paradas

-Igor e a escola minhas férias e daqui a um mês

-Nao tem importancia agora vamos vou ter ajudar arruma suas coisas - ele disse e eu acinto e vou para meu quarto arrumar minhas coisas até agora a imagem da minha mãe indo embora não sair da minha cabeça, arrumei minha mala e peguei alguns sapatos e me trouquei de roupa vestir uma blusa branca com listas preta um short básico e uma blusa de frio

E calçei minha sandália de salto que ganhei de presente de aniversário

-TO PRRONTAA-gritei do meu quarto e logo o Igor veio

-então vam.. Uaao está uma gata - disse e eu corei

-Vamos essa é a mala que eu vou levar a espera só vou pegar meu nootbook e pronto - ele acente e eu pego meu nootbook que estava debaixo da minha cama e coloco ele no braço e fomos entrei no carro do Igor e coloquei minhas coisas no banco de trás e fomos o caminho todo em silencio e eu estava olhando para fora do carro estava cheia de pensamento na minha cabeça que nem vir que já tinha chegado

-Vem keth - Diz Igor me puxando para fora do carro e logo em seguida outro menino veio e o Igor tacou a chave para ele

-Então vou ter mostrar o morro e depois vamos almoçar e você vai conhecer a Vitória e o GB - ele disse e eu concordo tinha várias pessoas olhando como se eu fosse uma aberração então eu segurei firme em seu braço ele percebeu isso

-Pode ficar tranquila e por que ninguém nunca te viu daqui a pouco se acostumar

-Tabom mas eu prefiro começamos nosso guia por estou com fome - disse ele solta um gargalhada

-Sempre esfomeada né keth - ambos gargalharam

fomos conhecer o morro ele era bem maior do que parecia já tínhamos indo na padaria da Melissa na vendinha do senhor Miguel e em vários outros lugares então última parada "A Famosa Casa Da Rocinha " eu estava muito cansada aliás eu andei muito hoje e estava de salto

-Igor me levar de cavalinho meus pés estão me matando e eu estou de saltos

-Tabom preguiçosa

ele me pegou e colocou nas costas dele eu estava bem melhor até que vejo duas garota para o Igor e eu desco das costas do Igor

-Oi Amor já vejo que me trocou por uma puta só que você sabe que eu sou melhor que ela né

ela foi para beija ele só que ele desviar e empurrar ela que levanta com raiva e me puxar pelo cabelo me fazendo cair de cabeça no chão mas como não sou de levar desaforo para casa levantei e puxei o cabelo dela acertando um tapa bem na cara dela que logo virá para revida mas o Igor entra na frente

-SE VOCÊ ENCOSTAR UM DEDO NA MINHA IRMÃ EU JURO QUE ACABO COM SUA RAÇA ESCULTO GIOVANNA -só aí me lembro que eu cair de cabeça no chão e sentir um pouco de dor na cabeça mas logo passou

-Vem Keth não era para isso ter acontecido me desculpe Princesa eu prometo que vou cuidar de você - ele disse e me abraçou

-Ainda que uma carona ?- diz e e eu pulo na suas costas andamos mas uns cinco mim e enfim chegamos em sua casa era realmente umas das casas mas bonita que eu vir na rocinha era branca dois andares e

-Uaao Que casa linda -Disse olhando vidradamente

-Vai entrar ou vai ficar aí olhando - disse e o olhei sarcástica

-Quer que eu te responda ?

-Não estou com fome - disse

nos dois entramos na casa era realmente um sonho aquela casa nem parecia que meu irmão morava aqui Ele é muito bagunceiro mas em fim tinha duas pessoas na sala que com certeza seria a Vitória e GB (que nome estranho espero que esse não seja o nome dele de verdade ) assim que entramos os dois correram para me dar boas vindas eles era bem divertido e fora que o CB era CB? Não GB era bem gato estávamos na sala a Vitória tinha saído com umas amigas dela já tínhamos almoçado eu e Igor no chão eu estava deitada em seu colo e os dois estavam conversando ate que o telefone do Igor toca e ele se levanta rapidamente

-Gabriel Toma conta da minha irmã preciso resolver um problema e já estou de volta - ele diz para Gabriel e ele olha e pisca para ele e eu fico sem entender o Igor saiu e eu me sentei no sofá estava sentindo dores nas costas estava doendo por causa tombo de hoje e eu nem percebi que tinha soltando um gemido de dor

-O que foi keth parece estar sentindo dor nas costas se quiser eu posso fazer um massagem - eu não recusaria aliás estava precisando

-Claro eu irei agradecer -disse e sentei do lado dele no sofá me virando de costa para ele , e ele fez uma massagem ótima está novinha em folha

-Muito obrigada se não for incomodo poderia me levar até o quarto preciso tomar um banho e trocar de roupa - eu disse simpática

-Claro vem comigo - disse e eu subir mas como eu sou lerda escorreguei e quase vou para o chão sinto minha cintura ser agarrada Então sigo a mao e olho para o Gabriel que agora estava fitando meus olhos e ele foi chegando perto tão perto que podia sentir sua respiração ele olhava para minha boca como se fosse beijar e eu para sua até que sinto nosso lábios selando iniciando um beijo calmo sentir tipo um choque dentro se mim e paramos por falta de ar

-Me desculpe GB eu não devia - disse saindo mas sinto puxar minha mão

-Eu que tenho que pedir desculpas prometo que isso não vai mas acontece ao menos que quei...- diz e escuto a porta abri e olho para baixo era a Vitória graça a Deus o clima aqui esta pesado

-Vitória poderia mostra para Keth o seu quarto ela vai ficar lá até arrumar o outro quarto - diz descendo as escadas

-Claro Maninho - disse e vem em minha direção

-Vem comigo keth a e lembrando hoje tem baile e teu irmão pediu para que você arrumasse ele ia vim busca nos 22 hrs - ela diz

-Ok Vou me arrumar já são 17 hrs e 1 mim

-Eu acho que está cedo mas se você quiser pode ser arrumar agora

-Eu vou me arruma agora e outra preciso de um banho de diva - Digo solto uma risadinha

-Tipo um banho com tudo que é que tem direito - ela responde

-Tipo isso é mas um pouco - disse e fui mexer nas minhas mala para ver se achava alguma coisa peguei um blusa Rosa claro um short jeans lavagem clara e meu tênis da Adidas fui tomar banho sair do banheiro vesti minha roupa 👇

A Vitória está na cama mexendo no celular derepente ela vira e olha para mim

-Por que você realmente veio para cá de uma hora para outra não que eu tenha algo contra você ou algo assim e pelo contrario e bom ter uma garota pra conversar mas você veio sem avisa e meio estranho

-E verdade uma horas dessa era para mim tá dentro do quarto trancada lendo um livro besta escutando música mas eu não podia ficar sozinho em uma casa não é mesmo?

-Por que sozinha ?E sua mãe ela não mora com você? Ela tá sozinha agora!

- Não e bem assim "Sozinha" por que minha mãe me abandonou E morava não mora mas é ela não está sozinha agora vai sabe com quem está - falo e quando menos esperava já estava chorando que nem um bebê e a Vitória me consolando

-Tudo bem agora você tem a mim a seu irmão e o meu irmão também - ela diz e eu sorrir lembrando do que tinha acontecido mas cedo

-Vai tomar banho enquanto eu vou arrumando depois eu vou assalta a geladeira enquanto os atrasadinhos não chega - disse levantando indo pegar minhas maquiagem

fiz uma maquiagem forte nos olhos e um gloss nos lábios para não tira a atenção dos meus olhos que estava bastante chamativo fiz cachos na ponta do meu cabelo deixando ele solto logo em seguida eu coloquei o meu tênis e desci para ver o que tinha na geladeira abri e tinha um bolo de cenoura com cobertura de chocolate eu peguei um pedaço para mim e me sentei no sofá e liguei a TV para ver alguma coisa os meninos chegaram e sentaram no sofá

-Vejo que já atacou o bolo né esfomeada - ele diz e eu taco uma almofada nele

-Eu Estava com fome e certamente eu enceria seu saco se estivesse com fome - eu digo e percebi que o Gabriel estava me encarando seriamente então eu encarei ele também até que a louca da vitória chega gritando e nos olhamos para ela que Tava com uma blusa branca com renda e um short jeans

-Então vamos por que precisa de tomar umas - digo me levantando e o Igor me puxou pelo braço

-Nada de beber de mas em mocinha - Diz me encarando e e eu empurrei ele

-Eu sei o que eu faço se for pra ficar me controlando eu nem vou - Digo abrindo a porta e esperando eles que parecia estar mortos

Todos saiu e seguimos para a quadra que ia ter o baile já dava para escutar o som Tava passando Automaticamente e tinha vários carros e motos parado lá perto eu já estava no clima então sair puxando a Vitória aonde vendia bebidas

-Boa noite o que que as gatinhas vão querer?

-Eu quero uma bealts da verde ou vermelha - digo olhando as garotas daquele lugar estavam praticamente nuas os shorts delas davam pra ver até o ultero fiquei feliz por ser a única comportada

-E você gata ?-ele pergunta a Vitória

-Acho que essa gata e Minha e eh melhor tira os olhos - vejo um menino moreno olhos castanhos, vou confessa que era bonito abraça a Vitória e o cara abriu o olhos

-Foi mal aí Felipe eu não sabia que ela era sua não desculpa - ele disse e e eu peguei minha bebida e deixei os dois pombinhos namora então eu comecei a dança com todo mundo agora Tava tocando O grave faz bum e eu estava dançando até o chão taquei o vidro da cerveja no chão e fui pegar outra a Vitória e o namorado dela não estava mas lá vai saber o que eles estavam fazendo

-Me dá um whisky com limão e mas uma bealts

-Acho que a mocinha tá pegando pesado não? - olho para trás e vejo o Gabriel com um Copo vazio certamente estava vindo pegar mas bebida

-Só bebir uma até agora - disse pisquei para ele

-Saúde - digo e pego o copo de whisky e viro sorrio para ele e voltei a dança eu vi que ele estava olhando então começei a fazer quadradinho e descer até o chão até que ele sumiu eu ri e voltei a dança

-Acho que você está judiando em podia fazer isso na minha casa e na minha cama - sinto alguém agarra minha cintura e eu me virei vir um cara de uns 30 anos bêbado me agarrando eu empurrei ele que caiu no chão e levantou com fúria para cima de mim mas o Gabriel chegou e empurrou ele com mas força ainda fazendo ele cair no meio do povo o Gabriel chegou perto dele e falou

-Se chegar perto dela eu juro que te estrasalho na bala escuto meu irmão

-Foi mal chefe Eu não vou mas chegar perto da patroa - ele diz e minha cabeça rodava por conta da bebida

-Gabriel Onde está o Igor - digo e sinto uma tontura e ele me segurou pela cintura sentir um leve arrepio

-Vem keth acho que já deu por hoje vou te levar para casa - ele diz segurando minha cintura

-Nao precisa Gabriel pode curtir o baile eu nem estou tão bebada só não estou acostumada a Beber - digo e dou um sorriso para ele e sou retribuinda

-Eu não quero ficar aqui eu so vim aqui para resolver umas coisas da boca eu já ia ir embora

-Assim é menos mal não vou me sentir culpada de tira você do baile por que sou um bebê que não saber nem beber e só tá fazendo isso para tentar esquecer a droga de vida que ela tem todos mundo abandona ela eu já devia me acostumar não e mesmo? Aliás todos vão sair da minha vida entao não me apeg...-sou interrompida com um beijo selvagem e quente a língua dele pediu passagem e eu dei sentir a língua dele explorando cada canto da minha boca e da nossas línguas brincando e das mãos bobas que rolava e dos sorrisos no meio do Beijo paramos o Beijo com selinho eu sorrir para ele, e ele retribuiu

-Você Não tem medo de que alguém veja nos dois beijando? Meu irmão irá ficar uma fera com nois dois

-Nao já estão todos acostumado a me ver com alguém

-Como assim Gabriel?

-Niguem vai saber que e você por que sempre estou com uma pessoa diferente

-Por acaso você só me beijou por que eu sou carne nova no pedaço?Por que se for já está comprido seu dever!

-Keth -ele diz e eu o interrompo

-Você só me beijou por que eu sou nova aqui?

-Então Keth.........

Então como ficou? Espero que vocês tenham gostado 


Notas Finais


E Isso espero que gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...