História O Filho da minha Madrasta - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, Taeyoonseok, Vhope
Exibições 726
Palavras 1.100
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Esse cap. é só um bônus, eu só vou contar como Taehyung conheceu Jungkook e como foi o primeiro beijo de Jungkook,
não vai mudar nada na fic é só um capitulo extra.
Boa leitura e desculpem os erros!

Capítulo 11 - Eleven - Especial dia das Crianças


Fanfic / Fanfiction O Filho da minha Madrasta - Capítulo 11 - Eleven - Especial dia das Crianças

~ 3 Anos atrás ~

 

Jungkook acordou cedo como todos os dias, foi ate o banheiro e fez suas higienes, quando terminou se arrumou e desceu para o café.

 

-Jungkook querido! Você esta atrasado para a escola!-disse sua mãe assim que ele sentou-se na mesa.

-Sério?!-olhou o relógio na parede e já eram 6:40, entrava as 7:00 e sua casa era um pouco longe da escola.-Nossa não vou conseguir chegar, mas vou tentar! Tchau mãe!-beijou o rosto de sua mãe e quando estava prestes a sair sua mãe o chamou.

-Jungkook!-virou-se para ela.-Eu te levo!-assim que disse isso abriu um sorriso, um dos que Jungkook mais gostava ele amava ver sua mãe feliz.

-Mas não ira se atrasar para o trabalho?-perguntou de cenho franzido pois sua mãe pegava no trabalho na mesma hora que ele na escola.

-Não se preocupe, um atrasinho não vai garanti minha demissão!-riu.- Seus estudos são mas importantes!-pegou a mão do filho e o levou até o carro, assim que chegaram lá fechou a porta e entregou a Jungkook uma pequena marmita.

-Hm? O que é isso?-perguntou.

-Eu sabia que não daria tempo de você comer, então preparei isso. Coma logo temos tempo pra você terminar antes de chegar na escola!

-Obrigada!-deu um sorriso e abraçou sua mãe logo dando-lhe um beijo na testa, era sempre tão carinhosa e sempre sabia tudo que ele precisava, essa era uma das muitas coisas que amava na sua mãe.

 

Assim que chegaram a escola por sorte ainda faltavam 5 minutos e dava tempo de entrar, Jungkook deu um beijo em sua mãe e correu para sala, assim que chegou em sua sala sentou-se em seu cantinho de sempre, literalmente cantinho.

Jungkook ficou sabendo que chegaria um aluno novo, e assim que a professora mandou ele se apresentar foi como se algo dissesse a Jungkook que o garoto era legal e deveria ser amigo dele.

 

-Alunos, esse é o nosso novo colega de classe!-a professora apontou para o garoto que estava sorridente ao seu lado.-Apresente-se!

-Oiie! Eu me chamo Kim Taehyung e vai ser um prazer estudar com vocês!-disse Taehyung com um sorriso extremamente fofo e quadrado.

 

Taehyung pareceu procurar um lugar para sentar-mesmo tendo vários-, algumas meninas o chamaram e ele apenas sorriu para elas e voltou a procurar.

 

-Porque ainda não se sentou senhor Kim?

-Ah. nada não professora!

 

Assim que recebeu uma reclamação da professora sentou-se na primeira cadeira que encontrou, de frente para Jungkook.

 

-Oii! Como é seu nome? Você tem quantos anos? Estuda aqui a quantos anos? Você é tão fofinho! Podemos ser amigos? Diz que sim! Você parece legal! Porque não responde? Oh meu deus, você é mudo? Desculpe...-Jungkook olhou Taehyung espantado, o garoto nem lhe deu chances de falar algo.

-Eu... eu me chamo Jeon Jungkook...

-Ooh, que nome bonito.-parou para pensar algo.-Kookie é mais legal! Vou te chamar só de Kookie a partir de agora tá?

-S-sim... então vou te chamar de Tae!

Okaay! Tae é legal! Kookie-ah você tem quantos anos?

-13 e você?

-15!

-Porque estamos na mesma sala? Você deveria ta no outro corredor.

-Eu tive que viajar então repeti 2 anos na escola.

-Ah... Que pena.

-Mas eu nem ligo!

 

Conversas e mais conversas, reclamações as vezes por conversarem  tanto. Assim que acabou a aula Jungkook chamou Taehyung para ir em sua casa, estava feliz havia feito um amigo depois de passar 2 anos na escola, então queria apresentar a sua mãe e jogar video game com ele.

 

-TaeTae!

-Hm?

-Vamos a minha casa... eu sei que a gente se conheceu hoje e se você não quiser eu vou en-foi cortado pelo garoto que deu um pulinho.

-Sim, sim, sim! Vai ser legal! Mas...-fez um biquinho nos lábios.- Preciso pedir a minha mãe e não sei se ela vai deixa...

-Oh entendo.

-Mas acho que ela deixa!

 

Depois de ligar pra sua mãe e a mesma deixar ir pra casa de seu novo amigo-contanto que desse o endereço- Taehyung e Jungkook foram para casa de Jungkook.

 

Quando chegaram lá passaram a tarde jogando video games e comendo muitas besteiras, a noite a mãe de Jungkook chegou e se surpreendeu ao ver alguém ali com o seu filho, pela primeira vez viu Jeon feliz com algum amiguinho e isso a fez ficar feliz.

 

Um ano depois Jungkook e Taehyung eram inseparáveis, se um se metia em confusão o outro ajudava mesmo que apanhasse junto, se não se dava bem nos estudos o outro ajudava a estudar, e assim eles eram, bons amigos. Em uma tarde qualquer Jungkook pediu para que Taehyung dormisse em sua casa, assim que Taehyung chegou ja eram 19:35 eles tinham apenas 25 minutos para conversar pois Jungkook dormia as 20:00 horas, subiram as pressas para o quarto de Jungkook e começaram a conversar várias coisas aleatórias até que Taehyung começou a falar sobre beijo e essas coisas.

 

-O que foi Kookie-ah? Parece até que nunca beijou!-Riu mas logo parou assim que viu o rosto do amigo corado e a cabeça baixa, Jungkook tinha 14 anos e nunca havia beijado, aquilo para Taehyung era o fim do mundo.-WOW! Você realmente nunca beijou ninguém?

-N-Não!

-Hm... então podemos resolver isso agora!

-Com-antes que Jungkook pudesse terminar Taehyung pulou em cima de si e lhe deu um selinho.

 

Jungkook arregalou os olhos com a surpresa mas logo fechou pois sabia que beijos se davam de olhos fechados, assim que Taehyung tocou com a língua em seus lábios pedindo passagem ele se assustou e tentou afastar o amigo, não conseguiu, Taehyung então acariciou os cabelos de Jungkook e de algum modo o deixou calmo, Taehyung pediu passagem de novo e dessa vez Jungkook cedeu, até que não beijava mal para um primeiro beijo, então quando o ar fez falta eles se separaram.

 

-Você beija bem Kookie-ah!-Disse rindo enquanto recuperava o folego.-Não fique com vergonha!

-Você me beija e pede para mim não ficar envergonhado?

-Finja que foi um beijo de amigos!

-Como assim de amigos?

-Hm...-parou um pouco para pensar.-Já sei! Esse beijo foi nosso pacto de amizade!

-Um pacto de amizade?

-Sim, esse beijo significou que você não pode deixar de ser meu melhor amigo nunca mais ouviu?-Jungkook assentiu.- Muito bem, então nós seremos amigos para sempre!

-Para sempre!-Jungkook repetiu o que o amigo falou e lhe abraçou.

-Nunca se afaste de mim, ou eu bato em você!-falou e os dois riram.

 

O beijo não foi algo apaixonado, realmente tinha sido apenas um beijo normal para os dois-mesmo sendo o primeiro de Jungkook- e então repetiram ao mesmo tempo como se tivessem combinado falar aquilo mentalmente.

 

"Para sempre!"

 


Notas Finais


Espero que vocês tenham gostado, até o próximo cap.
Acho que o próximo só vai sair umas 18:00 a 19:00 hrs, bjinhus!
Esse foi só um capituluzinho que resolvi fazer como bônus ^~~^

~Momento interação~

Qual sua musica preferida no BTS?

Me: Não consigo decidir, todas são muito lindas!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...