História O garoto de Etéreos (Yoonmin) - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Suga, V
Tags Bangtanboys, Bts, Jimin, Magia, Mistério, Otp, Poderes, Taehyung, Yaoi, Yoongi, Yoonmin
Exibições 191
Palavras 1.161
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Super Power, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Vocês acharam que eu não ia rebolar minha bund.... Quer dizer. Vocês acharam que eu não ia postar capítulo hoje não é? HUEHU
Olaaaaaaaaa cerejeiras sz (Cerejeiras são lindas e eu as amo, muita semelhança com vcs não acham? Hehe). Eu demorei mas estou aqui com cap pra vcs ❤❤

Capítulo 24 - New way


Eu não poderia deixar Jimin sozinho, por mais que ele implorasse por isso sou teimoso o bastante para continuar ao seu lado mesmo em situações como essa. por tanto, decidi por mim mesmo entrar para a universidade em que ele e Hoseok estudam. Como sempre, Taehyung me deu uma lição de moral sobre o quanto Jimin ter privacidade é importante e sobre como tudo isso é errado, mas como sempre eu dei de ombros e fiz o que meu consciente desejava. O processo para conseguir uma vaga seria demorado, mas com um pouco de dinheiro aqui e ali conseguimos as vagas em menos de uma semana, “vagas” sim, estava arrastando Tae comigo e por isso ele estava irritado.

 Nessa última semana em que estive esperando pela vaga, voltei a vigiar Jimin como antigamente, e eu não me importei nem um pouco com isso, poder admira-lo todo o tempo era um passatempo incrível, assim como lhe roubar beijos e atenção pelos corredores do prédio onde estudava, mesmo recebendo sua reprovação por invadir secretamente o local, no fundo eu sabia que o deixava feliz. Tae por outro lado estava tentando deixar todos os nossos problemas e perigos de lado e focar mais em seus problemas com Hoseok. Fizemos questão de alugar a casa ao lado da de Jung ( Com o dinheiro que Lucya estava mandando depois de descobrir a loucura que estávamos fazendo por Jimin )e de algum jeito isso tem aproximado mais Hoseok de Tae, mesmo que ele não demonstre muito para mim por dentro eu sei que ele fica em chamas quando o mais novo aparece aqui. Só uma coisa atrapalhava todo esse sonho, os anjos negros. Sempre apareciam no campus, na maior parte das vezes não faziam mais do que observar, já em outras se aproximavam o bastante para assustar a Jimin, por sorte os olhos humanos não são capazes de vê-los nitidamente, menos um problema para nós. 

E lá estava ele, um casaco escuro até os joelhos, seu jaleco branco por baixo e seus tênis também brancos. Park Jimin chama a atenção de todos mesmo não querendo, como poderiam deixar passar esse sorriso encantador e essa beleza de 1,75?

—O que está fazendo aqui?—. Perguntou passando por mim carregando seus livros. —Já conversamos sobre invasão, aqui não é uma cidade sem leis Yoongie-Hyung—.

Hyung, é assim que ele começou a me chamar de uns dias pra' cá, não que isso me incomode mas ainda tento me acostumar.

—Em primeiro lugar, eu não estou invadindo lugar algum—. Disse puxando os livros de suas mãos e o menor me olhou surpreso pelo ato. —Eu sou um estudante agora!—. Disse por fim. Jimin congelou no corredor fazendo algumas pessoas esbarrarem em si e logo em seguida pediu desculpas e voltou a andar.

—V-você conseguiu uma vaga aqui?—. Perguntou parecendo ainda mais surpreso.

—Sim, isso te incomoda? —. Perguntei mostrando um sorriso de canto nos lábios. Esperava uma resposta mas o outro apenas sorriu em minha direção me fazendo sorrir maior também. O sinal da primeira aula tocou fazendo todos no corredor correrem para as salas, e assim Jimin também o fez depois de deixar um beijo no canto de minha boca. Eu não sabia aonde tudo isso poderia levar, mesmo ciente das consequências, tudo que eu quero é ver meu pequeno meio anjo feliz. Esse é um dos sintomas do amor, queremos o bem do outro sem nos importar com o nosso próprio bem, o que de alguma forma é errado e sem sentido mas fazemos mesmo assim já que quando se trata de amor o bom senso é parcialmente esquecido.

A princípio não me importava o curso com o qual eu teria que fazer, estava aqui para cuidar de Jimin e pouco me cativava qualquer desses assuntos, acabei optando por deixar Tae escolher, e surpreendentemente ele nos colocou no curso de gastronomia. Quando eu penso que ele não pode me surpreender mais, ele me aparece com essa. Tenho total certeza de que isso é algum tipo de vingança por tê-lo arrastado até aqui. Tae tirou a bolsa que carregava do ombro e colocou sobre o balcão ao qual estávamos dividindo. Logo a professora passou ao nosso lado e tirou a bolsa do local com um olhar nada amigável.

—É assim que você espera conseguir boas notas? Que tipo de chef coloca seus pertences sobre o local de trabalho? —. A mulher falou olhando para toda a sala e Tae segurou a bolsa antes que fosse para o chão.

—Você me paga Min Yoongi—. Sussurrou enquanto a mulher ia para a frente da sala, e bufou. Como a culpa disso poderia ser minha? Ele poderia muito bem escolher qualquer coisa, estava a mercê dele, e por causa da vingança boba dele entramos em uma aula chata sem ter noção nenhuma de comida, fala sério, tudo que eu como é feito por alguém. Se tem um curso que vai totalmente contra o meu estilo de vida, esse curso é gastronomia.

Assim que as piores cinco horas da minha vida acabaram, levantei apressado indo até a saída com Tae grudado ao meu braço direito enquanto implorava por meu perdão. Só agora ele foi capaz de entender a besteira que fez quando nos colocou nesse curso, e só para provoca-lo decidi continuar vindo e deixei claro que o arrastaria comigo se fosse preciso.

—Yoongi, por favor. Eu descobri que odeio aquela mulher, eu não posso passar mais nem um dia ouvindo-a falar sobre como os chefs da Itália são extremamente bons, ou sobre como os restaurantes de Veneza são conceituais—. Disse manhosamente apertando a barra de minha camisa com uma mão enquanto a outra me apertava o braço. Continuei andando pelo corredor como se um Taehyung desesperado e triste não estivesse pendurado em mim e logo avisto Jimin encostado perto do extintor. Andei apressadamente até ele mas parei assim que notei uma outra pessoa parada em sua frente. Um garoto de cabelos escuros, trajava roupas largas e carregava uma bolsa de lado, assim como a de Tae. Eles conversavam sem muitas expressões e pareciam preocupados, no entanto voltei a caminhar na direção do garoto de fios cinza e cumprimentei o moreno assim que perceberam minha aproximação.

—Ah, esses são Min Yoongi e Kim Taehyung. São como meus anjos da guarda—. Jimin falou nos apresentando ao outro que sorriu.

—Prazer, Jeon Jungkook—. Estendeu a mão cumprimentando a mim e logo em seguida a Tae ainda com um sorriso no rosto, esse que chamara não só nossa atenção mas também a de todos que passavam pelo garoto. Seus traços bem definidos e o cabelo escuro bagunçado, os olhos como duas grandes bolas negras, ele era muito bonito, não há como negar.

—Ouvi falar muito bem de vocês. Jimin me deixou ansioso para conhece-los—. Disse se voltando ao menor que sorriu tímido. —Infelizmente preciso ir, espero poder vê-los mais vezes. E Jimin, depois conversamos mais—. Se despediu acenando rapidamente e seguiu para fora assim como todos faziam.


Notas Finais


Primeiramente, não tenho intenção de fazer a fic mudar o estilo pra ter um estilo colegial. Não mesmo, mas faze-los ir para a faculdade é importante agora, desculpe se alguém não gostar mas vou fazer isso sim bjo.
Eu demorei sim mas voltei para dizer que estou oficialmente entrando de férias e isso quer dizer que FINALMENTE VOU DAR MAIS ATENÇÃO A HISTÓRIA E TERMINA-LA, ufa.
Muito obrigado a vocês que não desistiram pela demora, obrigado de coração mesmo. Um beijo no coraçãozinho de cada um e até o próximo cap❤❤❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...