História O Garoto Herói - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Descoberta, Estilo Anime, Léokai, Luta, Poderes, Yaoi
Visualizações 11
Palavras 783
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shounen, Super Power, Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oii gente tá saindo tarde hj kk

Como eu disse hj vai ser mais o ponto de vista dos outros ou seja Léo e Katrina

Próximo capítulo(8) meio triste

Ps: quando eu usar p ou m significa pai e mãe quando vão falar mas se seus nomes forem mencionados irá mudar para letra inicial do nome

Boa leitura

Capítulo 6 - So mais um dia normal se n fosse​ por ele


Fanfic / Fanfiction O Garoto Herói - Capítulo 6 - So mais um dia normal se n fosse​ por ele

Leonardo

Acordei com o despertador as 8:30 da manhã com dificuldade, eu apertava e coçava meus olhos pra eles se acostumarem com a luz do sol escaldante do domingo. Já acordei lembrando q tinha uma apresentação na segunda e o nervosismo e o estresse já tomaram conta de mim pois eu ainda tinha que decorar minhas falas mas meti um foda-se e fui bater uma no banho.

Atingi meu limite em um 5 ou 6 minutos sentia q todo aquele estresse tinha ido embora ralo a baixo; respirei fundo e tomei meu banho e fui comer algo.

L: Pai tô com fome o que tem pra comer?

P: Fiz umas panquecas estão ali pra você- fala tomando um gole de café bem quente pois a xicara estava soltando muita fumaça-.

L: ok.

Fui e comi as panquecas e estavam muito boas meu pai cozinha muito bem. Como n tinha nada pra fazer fui jogar videogame. Joguei por umas 3 horas seguidas e meu pai já chegou me chamando a atenção.

P: Leonardo acho que dá pra você dar um tempinho aí e sair de casa tomar um ar fresco né até pq tá um dia lindo.

L: Tá falando sério? Bom então tá né vou andar de skate e vou demorar pra voltar.

P: Ok mas não volte de noite pode ser perigoso.

L: Eu sei vou voltar antes das 20:00.

Minha mãe avia morrido num tiroteio a noite entre policiais e ladrões, desde então nem eu nem meu pai ficamos até muito tarde na rua.

Comi alguma coisa rápida e leve e fui me trocar. Joelheira, cotoveleira, capacete e peguei meu skate e tive a idéia de ligar para alguém que anda muito bem de skate, Katrina Arcmeny a melhor skatista da escola.

Peguei meu celular e liguei pra ela.

L: Alô.

Katrina.

Acordei super disposta lá pras 8   9 horas e fui tomar banho. Lavei meu cabelo, sequei e penteei depois disso fui tomar café.

K: Mãe o que tem pra comer????

M: Seu yogurte e geleia fovoritos estão na geladeira e tem pães fresquinhos em cima da mesa.

Fui direto atacar a comida depois de 10 minutos preparando meu café. Comi rápido e depois fui pro celular/Notebook/Tv na sala e fiquei lá umas 2 horas até que senti meu pescoço doendo então desliguei tudo e fui pro meu quarto.

Quando eu me sente meu celular toca.


Ambos.

L: Alô oi Katrina?

K: Oi Léo o que foi?-disse me deitando na cama e me esticando toda-

L: Eu vou andar de skate lá no parque e queria saber se vc quer vir junto.

K: Vc disse skate?! Tô dentro- me levantei com tudo da cama-.

L: Certo. Eu passo aí umas 12:40 ok?

K: Ok tô esperando até-desligo o celular e vou me trocar e pegar meu skate-.


Katrina

Estava esperando ele quando o vi de longe acenei e ele veio mais rápido, já estava em cima do skate e chegou em uns 10 segundos. Me comprimentou com um beijo e fomos até o parque.

Passamos uns 20 minutos andando de skate quando já meu deu fome então fomos comer algo. Quando estávamos indo vi um drone focando a gente fiquei incomodada mas depois de um tempo parei de me importar e voltei a me divertir.

Ele pediu um hambúrguer e eu peguei um burrito, nós comemos e ficamos andando pelo parque, ele disse q tinha chamado Kaike mas ele ia sair com o irmão então n insistiu. Nós dois sempre saímos juntos assim mas eu nunca senti nada por ele por mais bonito que ele é pra mim ele é só meu amigo mas eu já percebi q Kaike deve sentir algo em relação a ele mas eu sempre deixo em off pra n envergonhar ele.

Léo

Depois de comermos  e andarmos pelo parque nos andamos de skate e fizemos umas manobras e tal e ela estava tão bonita hoje acho q sinto algo por ela mas eu pensei: sempre senti isso por ela e por outras amigas então é só amizade mesmo rsrs.

Nós ficamos andando mais um pouco até q o sol começou a se por então nós tínhamos ficado muito tempo lá mas uma coisa observava o gente desde o começo mas quando vi o sol eu esqueci dele.

Nós ficamos observando aquela linda visão e quando acabou nós voltamos pra casa.

Estávamos exaustos então fomos direto dormir mas segunda eu iria me ferrar.

Teve uma coisa q eu percebi. Em vários momentos vi Katrina incomodada com um drone q focava a gente o tempo todo. Nós começamos a ignorar já q ele n fazia nada.

Era o mesmo q focava em mim e no Kaike eu achei estranho e me incomodei mas aí deixei quieto quando vi o por do sol. Acho q Katrina já deve ter esquecido dele. Agora tenho q dormir sinto minhas juntas doerem acho q amanhã vai ser difícil levantar.










Notas Finais


É acabou saindo no sábado me perdoem por favor.
Gomen gomen gomen

Gente por favor se tiver erros ou algo do tipo comentem pra eu arrumar pra ficar melhor pq meu corretor acaba com tudo kkkk.

Próximo capítulo algo triste(pelo menos pra mim) n se esqueçam.
Até segunda

Bye


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...