História O garoto solitário - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug)
Visualizações 106
Palavras 402
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Mutilação, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 8 - A primeira vez.


Acordei com o sol batendo no meu rosto.

Levantei fui me arrumar, coloquei uma saia jeans azul escura e uma blusa preta de alcinha.

Desço para esperar o Adrien.

Deu alguns minutos a campainha tocou. Quando abri vi um Adrien com uma cara engraçada,ele tava quase babando,por causa do jeito que eu estava vestida.

Marinette: Adrien o que foi? 

Adrien: Mari você está linda.

Marinette: Obrigada meu amor,agora vamos.

Fomos ao shopping, assistimos um filme, fomos lanchar .

Andamos pelas lojas,Adrien me encheu de presentes.

Quando cansamos fomos pra casa dele, chegando lá  fomos pra piscina nadamos um pouco e voltamos pra o quarto dele.

Adrien foi toma um banho,e eu bom fui atrás sem ele saber.

Entrei de mansinho e o abracei por trás, ele levou um susto e eu ri.

Adrien: Mari o que você tá fazendo aqui ? E pelada? Meu Deus Mari que corpo é esse ?

Marinette: Quer que eu saia?

Adrien: Não eu tô amando vee você assim.

Comecei beijar a Mari, ela começou a passarela a mão em meu membro e sinceramente eu estava amando.

A peguei no colo e a levei para minha cama.

Comecei a beijar seu corpo. Passei a mão em sua vagina e percebi que ela estava molhada. Não aguentei, comecei chupar sua vagina,quando fiz isso ela gemeu. Comecei a penetrar a minha língua devagar,pra ela se acostumar,quando vi que ela estava já chegando ao ápice eu parei e voltei a beija-la.

Marinette: Adrien por favor, me faz sua por favor.

Adrien: Seu pedido é uma ordem meu amor.

Comecei a penetrar meu membro em sua intimidade apertade. Ela começou a fazer uma cara de dor e eu parei,mas não sai de dentro dela.

Quer que eu pare?

Marinette: Não porfavor continua.

Continuei enfiando meu membro dentro dela,quando rompi sua barreira, o meu tesão foi tão alto que eu tinha que almenta a velocidade.

Adrien: Mari eu não vou aguentar eu preciso almenta a velocidade.

Marinette: Pode aumentar.

Não aguentei comecei a acelerar,Mari começou a gemer meu nome,isso tava me deixando louco, aumentei mais a velocidade,alguns instantes depois percebi que ia gozar.

Adrien: Mari o que você que? Engolir ou que goze em você?

Marinette: Goza em mim por favor.

Não pensei duas vezes, jorrei todo o meu gozo na Mari e a ouvi gritar.

Sai de dentro dela e deitei ao seu lado a abraçando.

Adrien: O que você achou? 

Marinette: Eu amei 

Adrien: Eu te machuquei?

Marinette: Não você foi incrível!

A beijei de novo . Ela era a mulher da minha vida .

Ficamos um tempo assim até pegar no sono...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...