História O Gato Que Mudou Minha Vida - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Hoseok, J-hope, Kim Namjoon, Min Yoongi, Namgi, Rap Monster, Suga, Sugamon, Taehyung, Vhope
Exibições 91
Palavras 989
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Droga, por que justo comigo?


Fanfic / Fanfiction O Gato Que Mudou Minha Vida - Capítulo 4 - Droga, por que justo comigo?

  Era um beijo, vindo de Yoongi.

O menor parou o beijo pedindo desculpas, mas Namjoon o puxou de volta o beijando e deixando o beijo intenso.

O maior pegou Yoongi no colo, ainda o beijando, e o levou para o quarto.

Os mesmos pararam o beijo para respirar e Yoongi olhou para Namjoon, corou, parecia um pimentão.

– Suga... Você fica tão fofo assim..

O maior foi se aproximar de Yoongi para voltar a beija-lo, mas o menor o empurrou que acabou caindo para trás e indo direto ao chão. Namjoon se abaixou e ajudou Yoongi a se levantar.

– Você está bem, Suga?

– Estou sim Monnie, obrigado

O Yoongi não conseguia olhar para Namjoon, afinal, havia acabado de lhe beijar e sabia o porquê de Namjoon o trazer para o quarto.

– Me desculpe por lhe beijar Monnie..

– Como sabe o que é beijar?

– Eu vi isso em um filme que o Hope colocou pra mim assistir na casa dele..

– Entendi.. Mas por que ele te mostrou esse filme?

– Ele disse que queria que aprendesse o que era isso... Pra usar com você..

Yoongi permanecia sem olhar para Namjoon, mas imaginava várias expressões que o maior fazia ao ouvir aquilo. Namjoon permaneceu em silêncio, pensando em como matar Hope sem saberem que foi ele.

– E ele te disse mais alguma coisa?

– Sim... Ele pediu para perguntar o que é "amor" pra você...

Yoongi finalmente conseguiu olhar para Namjoon, ele tira uma expressão meio nervosa no rosto.

– Amor e quando duas pessoas sentem um sentimento forte uma pela outra, e geralmente seu coração bate mais forte quando está perto dessa pessoa..

Namjoon ao explicar o que era amor, parecia mais calmo e Yoongi o olhava hipnotizado e podia sentir seu coração forte e ardente. Sua boca pediu por mais daquela boca quente de Namjoon e seu coração pedia que o maior desse amor a ele. O menor queria sentir a ardência do corpo do maior, mas também não podia fugir do plano.

Queria falar tudo para Namjoon, mas achava que ambos os lados ficariam bravos com ele. Yoongi podia falar para Namjoon, mas temia que ele fosse o "odiar" e se ele falasse para o maior, Tae ficaria bravo com ele e o deixaria na rua.

Yoongi acabará de se perder em seus pensamentos, enquanto Namjoon explicava. O maior logo parou e deu um leve peteleco no menor, o fazendo acordar pra realidade.

– Entendeu o que é amor?

– Entendi Monnie, obrigado

O menor sorrio fazendo o maior sorrir.

– Acho melhor você ir dormir.. Boa noite Suga..

Namjoon ia saindo do quarto mas o menor o segurou pela mão.

– Monnie... Dorme comigo?

– Por que?

– Noite passada eu fiquei com medo é nem consegui dormir direito...

Namjoon sorrio e deitou na cama. Yoongi foi até ele é deitou ao seu lado, se cobriu e cobriu o maior junto.

Logo os dois se encontraram adormecidos, porém no meio da noite algo acordou Namjoon. Era Yoongi, que estava dormindo mas estava chorando.

Namjoon afagou a cabeça do menor e aos pouco o maior não ouvia mais o choro de Yoongi.

– Não chore Suga...

Sussurrou e deu um leve beijo na testa do menor, que agora se encontrará acordado com o sussurro que o maior deu.

– Monnie...

O maior olhou para Yoongi e pode ver, mesmo com a pouca luz que a lua fazia, os olhos dele encherem de lágrimas.

– M-Monnie..

O menor dizia com voz de choro.

– O que ouve, Suga?

O maior passou a mão em seu rosto, o menor logo o abraçou.

~Namjoon on~

Dizem que se o Gato não te ama a primeira vista, ele nunca vai te amar e nem nunca vai deixar você chegar perto dele.

Posso dizer que o Suga me ama?

Posso dizer que ele me beijou por que me ama?

– M-Monnie.. Eu sonhei que você me abandonou... Me largou na rua depois de me bater... Você faria isso Monnie?

Senti um aperto no coração, por que ele sonhou aquilo?

– Não Suga.. Não faria..

– Eu te amo Monnie...

"Eu te amo Monnie"

Essas palavras ecoaram em minha mente. Ele me ama realmente?

– Monnie... O que uma pessoa faz quando ama a outra?

Ele me olhou ainda com os olhos marejados.

– Ela espera que a outra a ame também...

– Você me ama?

Fui pego no susto, como iria responder aquilo?

– Eu gosto de você como meu bichinho de estimação

Pude sentir o suspiro pesado de Suga

– Vamos voltar a dormir então, Suga..

O Suga olhou para meu rosto e se aproximou, me beijou.

Beijo doce e calmo, eu desci minha mão até sua bunda e aperte sua nádega. Ele parou o beijou e me olhou, seus olhinhos hipnotizantes me chamavam, ansiando por mais.

– Monnie... Eu, quero mais dessa sensação..

Ele falando daquele jeito me deixou louco.

Ataquei seu pescoço, o chupando. Deixando, a pele branca como neve, roxa como uma uva.

Podia sentir sua respiração quente em meu pescoço.

– M-Monnie... Isso é bom..

Passei minha mão por suas coxas livres, por ele estar apenas usando meu moletom, e fui subindo até suas costas. Levantei o moletom o tirando.

Suga me encarou e parecia surpreso.

~Yoongi On~

O que eu ia deixar o Namjoon fazer?

Eu estava louco, já havia falado que o amava e ainda por cima ia deixar ele me comer.

Yoongi, caia em sí!

Me afastei de Namjoon e peguei no moletom.

– Me desculpe Monnie..

Eu estava me deixando ficar cada vez mais vulnerável, não podia deixar isso acontecer.

Coloquei o moletom e me virei de costas para Namjoon.

Depois de uma meia hora eu ainda não havia conseguido dormir.

Não tirava aquele toque do Namjoon da minha mente, e aquela ardência que o ele havia deixado em meu pescoço.

Quando percebi estava excitado. Segurei meu membro é comecei leves movimentos, brincava com minha própria glande.

Tentava não gemer para não acordar Namjoon que estava ao meu lado.

Em pouco tempo, minha mão estava grudenta.

Droga, por que justo comigo?


Notas Finais


Sorry, é curto, mas eu não queria fazer vocês esperarem mais.

Dêem amor a essa fic❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...