História O Gato Que Mudou Minha Vida - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Hoseok, J-hope, Kim Namjoon, Min Yoongi, Namgi, Rap Monster, Suga, Sugamon, Taehyung, Vhope
Exibições 107
Palavras 1.604
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Só queria dizer, vai ter atualização no meio da madrugada sim.

Amo vocês. s2

Capítulo 6 - Monnie, não estou com fome.


Fanfic / Fanfiction O Gato Que Mudou Minha Vida - Capítulo 6 - Monnie, não estou com fome.

Já faz uma semana que o Suga não fala comigo, des do ocorrido.

Não responde meus "bom dia", passa reto por mim, não olha na minha cara e nem me pede comida. Ou ele faz a comida dele ou ele vai na casa do Tae comer, até parece que não cuido dele. Ontem deixei comida pra ele antes de eu ir pro trabalho, mas quando eu cheguei a comida estava lá.

Agora mesmo estou no trabalho e acabo de chamar Tae em minha sala.

– Namjoon, me chamou? – diz o Tae abrindo a porta

– Sim, senta aí – aponto para a a cadeira em frente minha mesa

Tae se sentou e ficou me encarando. Por algum motivo, eu achava que ele estava tentando ser fofo com o olhar. Eu podia ver suas pupilas dilatadas ao olhar pra mim.

– Tae, o Suga disse alguma coisa pra você?

– Que tipo de coisa?

– Do tipo estranho...

– Só que você deve ter um fetiche doido por garotos usando roupas de mulheres...

Aquilo me deixou meio desajeitado. Poxa, pra que falar isso?

– Okay...

– Namjoon, você vai alimentar o Suga ou serei obrigado a lhe denunciar?

– Hey! Eu tô tentando cuidar dele, mas faz uma semana que ele nem olha na minha cara.

Tae me olhava fingindo acreditar em mim

– Ele não me pede mais comida. Ontem eu deixei comida pra ele antes de eu sair e quando eu voltei a comida continuava lá do mesmo jeito que eu deixei quando sai...

– Namjoon... Você tá querendo me enganar?

– Qual é Tae?! Eu tô falando sério!

– Tá é?

– Eu estou falando sério sim!

– Vou fingir que eu acredito... Porém, se ele for na minha casa mais uma vez pra comer, serei obrigado a lhe denunciar..

– Isso não será preciso.. Agora pode ir...

Tae saiu da sala e eu voltei aos meus devaneios.

~Yoongi On~

•1 semana atrás•

Após o ocorrido eu simplesmente dormi nos braços de Namjoon e não acordei até o dia seguinte. Quando acordei, Namjoon havia acabado de sair do banho. Eu nem conseguia olhar pro rosto dele, estava com vergonha de olhar pra ele.

Namjoon estava se trocando pra ir trabalhar.

Ele fica tão sexy com seu terno trabalho.

Meu deus Yoongi! Foca!

– Bom dia, né Suga?

Ele disse terminando de se arrumar e eu apenas o ignorei, não conseguia falar nada.

Namjoon tinha acabado de se arrumar, veio até mim e depositou um beijo em minha cabeça.

– Tchau Suga... Volto mais tarde, deixei seu café da manhã na mesa...

Ele saiu do quarto e só me levantei quando ouvi o barulho do carro dele sair. Mal conseguia andar, meu quadril doía muito.

Fui para a cozinha, comi o café que ele havia deixado pra mim e logo ouvi o telefone da casa tocar. Corri para atender, era o Hoseok.

~Ligação on~

– Vem pra cá agora!

– Por que?! Eu tô comendo!

– Eu sei o que aconteceu! Agora vem pra cá!

– O que aconteceu?!

– Você deu pro Namjoon! Agora vem!

~Ligação off~

Ele desligou sem nem me esperar responder, mas sinceramente, nem sabia o que responder.

Droga, gemi tão alto assim?

Andei lentamente até o quarto, coloquei uma roupa que o Namjoon me deu e fui pra casa do Hoseok. Ele já estava me esperando na porta, me puxou pela orelha para que eu entrasse.

– Aí, aí, aí!

Esbravejei e soltei a mão dele.

– Eu e o Mestre V conversamos ontem sobre você ter dado pro Namjoon...

Dei uma leve corada

– P-para de falar que eu dei pra ele..

– Prosseguindo! Ele disse que isso foi um bom passo, então, a partir de agora você irá ignora-lo e todo dia na hora de comer você virá pra cá. Mas só quando ele estiver lá, porque aqui não é puteiro pra você ficar vagabundeando!

– Certo...

Não precisava me chamar de vagabundo.

– O Mestre V sabe que logo o Namjoon ira chama-lo pra perguntar alguma coisa de você, então ele simplesmente vai chantagear o Namjoon...

– Chantagear como?

– Não te interessa... É só isso....

– Okay, estou voltando pra lá agora..

Quando eu ia me virar pra ir embora, Hoseok me parou.

– Antes.... Que roupas ridículas são essas?

– O Namjoon me deu, ele disse que queria me ver usando...

– São roupas de puta... Igual a você... Agora vá embora!

Eu sai de lá rapidamente e entrei na casa de Namjoon, não acho que eu também posso chamar essa casa minha.

Sinceramente, me senti humilhado. Apenas sentei no sofá e chorei. Eu gostei das roupas, não acho que são de putas e muito menos que eu seja uma puta.

Chorei o dia todo, até Namjoon chegar. Quando ele chegou, apenas o ignorei como pedido do Mestre V.

~Narração on~

•Atual•

Já passava das 20h e Namjoon havia acabado de chegar em casa. Yoongi estava morto de fome, mas como no plano, não iria pedir comida ao maior. Porém, também não iria pra casa do Tae, sabia que mesmo se fosse nem Hoseok e nem Tae dariam comida a ele.

Yoongi estava sentado no sofá, passando mal de fome. Não comeu desde que acordou. Não sabia como ainda não havia desmaiado, a barriga roncava alto.

"Droga, desse jeito Namjoon vai ouvir!" Pensou o menor.

Namjoon ouviu o roncar, mesmo sabendo que iria ser ignorado decidiu perguntar.

– Está com fome?

Yoongi o ignorou, mas sentiu uma enorme vontade de chorar. Queria comer, mas não queria sair do plano.

– Vou preparar algo pra você comer...

Namjoon disse indo a caminho da cozinha. Yoongi se levantou e foi atrás dele, segurou sua mão.

– Não precisa.. Não estou com fome...

Yoongi dizia sem olhar para Namjoon, não queria que ele visse seus olhos marejados.

– Suga, olha pra mim..

Yoongi balançou a cabeça negando. Sem esforço nenhum, Namjoon simplesmente levantou a cabeça do menor.

Yoongi estava chorando, sua barriga doía.

– Suga... Por que?

– Foi o Mestre V...

Yoongi falou sem medo e abraçou o Namjoon se derretendo em lágrimas.

– Quem é Mestre V?

– T - Tae..

Dizia Yoongi chorando igual louco. Namjoon serrou o punho.

– Venha... Vamos comer..

O maior levou Yoongi pra cozinha e o sentou na cadeira. Preparou rapidamente um miojo e deu para Yoongi. Não queria que ele continuasse com fome.

– Me explica direito essa história de Mestre V...

– Não é nada... Esquece..

Dizia Yoongi matando sua fome.

– Tae é o Mestre V? O que ele te fez? Ele não está te alimentando? Tem ponta de Hoseok nisso também né?

– M - Monnie...

Yoongi voltou a chorar. Namjoon não aguentou ver o menor chorar, simplesmente levantou e saiu da casa. Foi pra casa de Tae e praticamente esmurrou a porta.

Yoongi foi atrás do Namjoon segurou na mão dele e tentou o puxar pra dentro de volta.

– Monnie, por favor, para...

Dizia o menor tentando o puxar.

– Vamos entrar..

Tae abriu a porta. Namjoon furioso, soltou a mão de Yoongi e pegou o Tae pela gola da blusa.

– O QUE VOCÊ FEZ COM O SUGA?!

Gritava o maior. Tae olhou para Yoongi, que no mesmo momento apenas optou por entra na casa e se trancar lá dentro.

– FALA!

Hoseok saiu da casa.

– Namjoon! O que você tá fazendo?!

– NÃO É DA SUA CONTA!

Tae continuava sem responder e isso deixava ele mais nervoso.

Yoongi dentro da casa, chorava e tampava os ouvidos tentando não ouvir a gritaria do maior.

Namjoon não se aguentou mais e começou a bater no Tae.

Logo todos da rua saíram de casa para ver o que estava acontecendo.

Namjoon batia em Tae sem perdão. Hoseok tentava o parar arranhando seu braço, mas só parou quando a vizinha da frente segurou seu braço pedindo pra que ele parasse.

A senhora Haru era legal e bem receptora. Foi a primeira a falar com Namjoon quando ele se mudou pra lá, ela sempre ajudava o maior quando se metia em encrenca.

Namjoon bateu na porta já que não conseguia abrir. Hoseok levou Tae pra dentro e logo todos os vizinhos entraram em suas casas.

Yoongi abriu a porta, Namjoon entrou junto com a senhora Haru.

O menor olhava assustado para o braço de Namjoon que estava sangrando graças a Hoseok.

– Namjoon, pode me dizer o que estava acontecendo lá fora?! – esbravejou a senhora Haru

– Não é óbvio! Eu tava brigando com o Kim Taehyung!

– Isso eu percebi... Mas por que?

– Por que ele tratou mau o meu híbrido!

O maior apontou pro Yoongi que se encontrava no canto da sala.

– Namjoon, senta no sofá agora! – ordenou senhora Haru

Namjoon sentou no sofá e a senhora Haru pegou o quite de primeiros socorros.

Senhora Haru começou a cuidar do braço de Namjoon enquanto Yoongi o olhava de longe.

– Me conte como tudo isso aconteceu..

Namjoon contou, quase tudo. Não contou os detalhes extras(N/A:Seis sabem qual (aquela carinha)).

– Suga... Venha aqui.. – chamou a senhora Haru

Yoongi se aproximou lentamente dela e se sentou ao lado da mesma.

– Pequeno, Namjoon sempre foi meio cabeça quente. Eu o conheço desde quando ele começou a morar aqui. Eu também sou imortal, só que fiquei imortal em um corpo de velha – riu – Mas ele é uma boa pessoa, então não esconda nada dele. Ele só quer seu bem. – Haru sorrio

O menor abraçou a senhora Haru e a mesma retribuiu.

– Agora eu vou indo... Tenho que cuidar do meu velho... – ela sorriu soltando Yoongi e saindo de lá

Namjoon se encontrava de cabeça baixa, pensativo. Yoongi aproximou do mesmo e abaixou em sua frente.

– Monnie... Preciso te contar algo..

Namjoon o olhou, queria e não queria saber o que o seu híbrido tinha pra te falar.

– Eu não sou seu Suga e muito menos uma pessoa que você vai gostar depois que eu falar o que eu tenho pra falar...


Notas Finais


Eu sou uma idiota, antes eu estava usando - no lugar do – na hora das falas. Me desculpem, já vou arrumar isso.

Vocês querem cap especial falando relacionamento do casal Vmon e oque aconteceu entre eles? Se quiserem, manda a #HoseokeTaeNajas aí nos comentários.

E sim, a fic tá acabando.

E não se preocupem, logo teram outras fics que já estou providenciando.

Links:

Fools - https://spiritfanfics.com/historia/fools-7182309


Wild - https://spiritfanfics.com/historia/wild-7182791


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...