História O gato selvagem ( Marichat ) - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Plagg, Tom Dupain
Tags Marichat, Romance, tarzan
Visualizações 231
Palavras 770
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Visual Novel
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá,meus queridos leitores, espero que gostem do capítulo de hoje.
Obrigada pelos quase 40 favoritos, pelos comentários também

Uma boa leitura.

Capítulo 11 - Com o passar dos anos.



~* Narradora Online -  Na selva - No passeio matinal da rainha pantera.
Depois que as tempestades  da noite passada,  a rainha pantera resolveu dar um passeio matinal na selva para cheirar as árvores molhadas depois das duas tempestades seguidas.
No meio do seu passeio , a rainha pantera  ouviu um choro de bebê vindo da selva, ao ouvir o choro do bebê usando a sua audição aguda , assim ela se guiou em direção ao choro do bebê.

~ *  Narradora Online -  Na selva - Na cabana dos Noir - Na chegada da rainha pantera.

Dentro pouco tempo, a rainha chegou na cabana dos Noir, viu o casal morto e cheio de sangue e ficou apavorada com a cena que via perante os seus olhos felinos.

~ * * ~ 

__   Rawr, Rawr !!  (  Oh minha nossa,  pobre casal, eles só queriam ficar aqui até voltarem para o mundo deles, quem fez essa barbaridades á essas pobres pessoas ?)  -  a rainha pantera  vendo o casal morto  e se perguntando quem poderia ter feito aquilo.

___ Rawr, Rawr !! (  Aqui eu tenho a certeza que eu ouvir o choro de bebê )  -  a rainha pantera entrando mais na cabana  e usando a sua audição para ouvir o choro melhor.

~ * * ~ 

A rainha pantera entrou mais na cabana , contornou o casal, cheirou  a localização do bebê que escutava chorando  e até que viu o berço improvisado aonde Chat chorava dentro.

~ * * ~ 

___  Rawr , Rawr (  Que lindo bebê ,  ele é um pouco parecido com o meu filho, mas eu acho que os dois vão se dar bem  )  -  a rainha pantera se inclinando para ver o gato que chorava alto  e começando a adotar o bebê naquele instante.


~ *  * ~  

   A rainha pantera começou a enrolar o bebê em um manto com cuidado  ,  Chat foi parando de chorar aos poucos e voltou a dormir  , enquanto a pantera real terminou de enrolar ele em um manto.

A rainha pantera pegou o manto com a boca dela com cuidado  , tirou o Chat do seu berço improsivado,  ela começou a se retirar da cabana dos Noir, deu uma última olhada para os pais mortos do menino  e saiu pela cabana fora levando o gato consigo para o seu castelo.

~ * * ~ 

~*  Narradora Online - No castelo dos panteras reais -  Na chegada da rainha pantera.

O jovem príncipe brincava com uma borboleta para treinar  ,  depois que ele viu a borboleta que ele brincava ir embora voando da sua vista  e depois ele se virou e viu a mãe chegando com um manto em sua boca.

~ * * ~ 

__   Mãe, seja bem vinda  -  o príncipe correndo em direção á sua  -   O que trouxe ?  -  o filho olhando curioso para  a mãe enquanto ela colocava o manto no chão.

__  Se lembra do seu desejo de ter mais irmãos ?  -   a rainha perguntando para o filho sobre o desejo dele  e  abrindo o manto com o seu fuçinho   depois que fez  a pergunta ao filho.

__  Sim,eu me lembro -  o príncipe pantera  dando pulinhos de alegria em responder  á pergunta da mãe  e olhando exitado a mãe abrindo o manto para ele.

__  Meu filho ,conheça o seu irmão Chat Noir -  a rainha pantera apresentando o gato para o filho  e se afastando para que o filho veja  o irmão adotivo dele.

___  Ele até que é fofinho, mas ele é um pouco diferente de nós, ele tem estes cabelos dourados como o sol  -   o príncipe olhando para o irmão adotivo e analisando ele para a mãe.

__  Sim,por isso ele é adotivo  -   a rainha concordando com o filho á respeito da análise dele.

__  Então tudo bem -   o príncipe aceitando a explicação da mãe dele com um breve aceno de cabeça.

~ * * ~ 

~ *  Narradora Online -   Com o passar dos anos  -  O crescimento do príncipe pantera e de Chat Noir.

Daquele dia em  diante, Chat foi adotado pela família de panteras ,  começou a crescer junto o seu irmão adotivo mais velho.


Com o passar dos anos, Chat ficou forte   e ágil feito uma pantera ,  ele sempre andava que um gato , poucas vezes ficava de pé que nem um humano.
O gato ficou mais musculoso do que as outras panteras, também ficou muito amigo dos outros animais que vinham na selva.


Tudo parecia calmo na floresta deles , até a chegada dos exploradores.
 


Notas Finais


Espero que gostem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...