História I Love To Sin, I Love To Love You ( Taehyung ) Incesto - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin
Tags Drama, Hoseok, Incesto, Kai, Revelaçoes, Sun Hee, Taehyung, Xiumin
Visualizações 418
Palavras 725
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Escolar, Festa, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIN, Pois é gente, decidi criar uma fic de Kpop Tbm♥ Amo o Bts de vdd

Capítulo 1 - Vida Nova Então


Fanfic / Fanfiction I Love To Sin, I Love To Love You ( Taehyung ) Incesto - Capítulo 1 - Vida Nova Então

  – Mãee, por favor, não quero morar com ele – Dizia enquanto recusava me morar com meu pai na Coréia, não que eu não quisesse mais é que não quero ficar longe da minha mãe sabe? – Yumi está decidido, você vai e pronto filha, não adianta se prender aqui por mim lá você será muito mais recebia e educada do que aqui comigo e com seu padrasto – Fiz cara de nojo, odeio o meu padrasto pelo fato de ano passado ele ter tentado me estrupar mais não conseguiu pois minha mãe chegou na hora e mesmo assim ainda está com ele – Affe mãe! Você venceu – Fiz cara de choro, ela me abraçou me reconfortando e sem querer lembrei que já embarcaria no avião amanhã

[...]

 – Filha te ligarei assim que der viu? Se cuide e use camisinha – Disse me abraçando ri por tal palavra, sim eu acho a palavra camisinha engraçada – Tudo bem mãe mais agora infelizmente preciso ir mais saiba que sempre irei te ligar! Te amo muito – A Apertei e escutei a voz da aeromoça falando do voo. E sim eu entrei nesse maldito avião infelizmente... Ahh eu esqueci de me apresentar :3 Sou Yumi Harumi tenho 16 anos, 1,68 de altura, cabelos pretos até a cintura, branquinha, corpo escultural e sou marrenta ou seja: Muito marrenta. Acabo dormindo quando escuto musica no meu fone.

[...]

 – Senhorita? Chegamos no nosso destino – A aeromoça me acordou – Ah Sim, Obrigada por me acordar – Agradeço e desço do avião, me deparando com um homem auto segurando uma placa com meu nome – Cade meu pai? – Falei ao senhor Kakashi, o velho e fiel motorista do meu pai – Olá senhorita Yumi! – Disse me abraçando – Olá senhor Kakashi – O abracei de volta – Seu pai está no trabalho, volta mais tarde para casa, vamos? – Perguntou pegando minha mala – Ah sim, claro só vou ali na lojinha comprar uma coxinha – Digo e me dirijo a lanchonete que ficava do outro lado do aeroporto, no caminho passei por um menino bem bonito, branco dos olhos claros que estava com outros 5 meninos, passei pelo mesmo sorrindo, que retribuiu o sorriso me encarando – Uma coxinha por favor – Pedi educada para a garçonete que me deu a coxinha, paguei e passei de volta pelos meninos, dessa vez só tinha dois, o menino de olhos claros aproveitou que eu estava passando e resolveu puxar assunto, mais com a pessoa errada hahaha – Porque me olha tanto? – Ele diz em um tom divertido – Talvez seja porque eu quero – Digo grossa – Uie, já vi que é marrenta – Sorriu, e tenho que admitir ele é lindo, e dono de um sorriso lindo também – Tchau menin... – Ia sair quando o mesmo me agarrou pelo braço – Prazer Taehyung, mais conhecido como Tae – Se apresentou, e eu sorri – Que pena ne? – Disse irônica – Que não perguntei – Sorri vitoriosa, saindo e indo até o carro, pois queria conhecer a casa nova.

[...]

 – Uaau – Digo impressionada com a casa, que era uma mansão, na verdade todas as casas que vi até agora eram assim – Senhorita Yumi? – A empregada me chamava – Eu mesma – Sorri sapeca – Prazer em conhece-la, sou a Aiko, e pra sua sorte sei falar português – Rimos – Prazer é todo meu, e que bom que irei falar com alguém pois não sei falar coreano muito bem – Rimos de novo – Filha chegueei – Era meu pai gritando como sempre, imediatamente sem pensar duas vezes pulei no colo dele, o mesmo riu e me deu um beijo na bochecha – Pai, quanto tempoo! – Digo feliz em ve-lo – Pois é filha, muito tempo se passou, olha já está uma mulher – Disse me encarando de cima a baixo, sorri – Filha amanha irei lhe levar á escola, é um colégio de elite, o qual você só volta pra casa no final de semana e domingo á tarde retorna ao colégio, tudo bem? – Perguntou guardando suas coisas – Ah pai, colégio já de cara? Nem vai me apresentar a cidade? – Perguntei decepcionada, mais com uma carinha fofa – Haha, sim filha, quero que estude logo, para não perder muitos dias de aula, e dá sorte que é amanha que começa as aulas aqui – Rimos – Tá certo – Digo indo em direção ao meu quarto, arrumar o mesmo do meu jeito. Aiko veio aqui me chamar para jantar e sim hoje é domingo, desço conversando com Aiko, que é muito simpática. Comi e muito bem por sinal.


Notas Finais


Gostaram?
Atualizo em breve docinhos ♥
Bjinhos de luz ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...