História O grande dia - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Casamento, Fluffy, Min Yoongi, One-shot, Suga
Exibições 21
Palavras 874
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Fluffy, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi galera!
Imagine do Yoongi pra vocês! Tive essa ideia na escola no meio da aula, chata como sempre!
Espero que gostem!

Capítulo 1 - Capítulo Único: O Grande dia


Havia  então chegado. Você tinha acordado bem cedo naquele dia e ido direto para o salão. Vez ou outra você recebia alguma ligação, ora de sua mãe, ora da organizadora, sobre algum detalhe da festa ou da cerimônia. 
Mas assim que deu o horário de almoço, você recebeu uma ligação do seu noivo Min Yoongi:
-Oi Oppa!- você saudou, e comocou no viva voz.
-Oi (S/N)... Acabei de acordar...- A sua voz ecoou pelo salão, provocando risos do cabelereiro e da manicure.- Você colocou no viva voz né? - Ele perguntou meio emburrado, o que te provocou um sorriso.
-Sim amor... Desculpa. É que eu estou ocupada agora, mas mais tarde a gente vai se ver... - Você disse doce.
-Sim... Bom, até mais tarde então... Beijos! - Ele disse, ainda com sono.
-Beijos! - Você exclamou e ele desligou.
Você terminou de comer e pouco tempo depois já estava pronta, então avisou seu pai que poderia trazer o vestido. Quando você o colocava, sentiu algo estranho na barriga, era o nervosismo chegando. Após fechar o vestido e acabar os últimos detalhes, encontrou seu pai na porta da frente, com a limosine já a esperando.
-Você cresceu tão rápido (S/N)- ele disse com os olhos marejados, e selou sua testa.
Você entrou no veículo com cuidado e enquanto se dirigiam para o local da cerimônia, seu nervosismo aumentava. Você olhava para a rua e tentava se acalmar, mas era complicado. Estava curiosa de como tudo ficaria, e acima de tudo, estava ansiosa para subir ao altar.
-Chegamos! - Seu pai exclamou e abriu a porta, estendendo uma mão em sua direção.
Você a agarrou e saiu delicadamente do carro, logo encontrando a organizadora na porta do local da cerimônia.
-Toma.- Ela disse e te estendeu um buquê. Nele havia as suas flores favoritas, e se encaixava perfeitamente na sua mão.
A organizadora te olhou de cima a baixo, vendo se estava tudo certo, e te conduziu junto ao seu pai até uma grande porta fechada.
-Assim que ouvirem a música, se preparem para entrar...- Ela disse e seu pai assentiu, fazendo-a sair logo em seguida.
O mais velho te estendeu o braço e você se engachou ali, segurando o buquê firmemente com as duas mãos.
-(S/N)...- Ele te chamou, fazendo você virar para seu rosto.- Eu quero que saiba, que você sempre será a minha menininha...
Aquelas palavras te provocaram um grande sorriso. Você ia dizer algo, quando ouviu a música começar, o que fez seu coração quase sair pela boca. Você virou seu rosto para frente novamente e respirou fundo, tentando se acalmar. 
O tempo parecia não passar, quando de repente, a porta se abriu. Você pode ver todos os convidados de pé, te olhando e sorrindo. Mais ao fundo, podia ver os padrinhos abraçados. Mas bem ao centro, bem ao final do imenso de corredor, você pode vê-lo. Ele sorria largamente, daquele jeito perfeito que mostrava um pouco de suas gengivas. Você e seu pai começaram a andar e uma lágrima escorreu por seu rosto, e surpeendentemente, Suga a seguiu. 
Você raramente via Yoongi chorar. Ele era um homem bem frio quando tratavasse de demonstrar seus sentimentos em público, mas ao vê-la caminhando em sua direção, ele não se importou. Assim que chegou ao altar, seu pai a soltou e foi para seu lugar, como o planejado. Você o observou sentar e logo depois virou seu rosto para frente, se deparando com a mão de Suga à sua frente. Você entrelaçou os seus dedos e subiu ao nível do maior, ficando diretamente de frente para ele.
-Você está linda...- Ele murmurou, ainda com os olhos cheios de lágrimas, e sem tirar o sorriso do rosto.
Aquelas palavras fizeram com que você corasse, e abrisse mais o sorriso. A cerimônia se iniciou e vocês não conseguiam desviar seus olhares. Yoongi colocou a aliança dourada em seus dedo anelar da mão esquerda e selou o dorso da mesma. Você fez o mesmo com ele e entrelaçou novamente seus dedos.
-Min Yoongi, você aceita (S/N), como sua legítima esposa? - A voz envelhecida correu por todo o grande comôdo.
-Aceito. - O maior afirmou com breve maneio da cabeça, o que te provocou uma pequena risada.
-E você, (S/N), aceita Min Yoongi, como seu legítimo esposo?
-Aceito. - A sua voz nunca soou tão convicta.
-Então de agora em diante, eu os declaro marido e mulher...- Ouve uma pequena pausa.- Pode beijar a noiva.
Naquele momento, tudo sumiu. Os padrinhos, os convidados, o salão, tudo desapareceu. Você só via o maior a sua frente, com um enorme sorriso no rosto e lágrimas nos olhos. Aquele que havia acabado de se tornar seu, e você dele, aquele que você mais amava.
Suga aproximou-se levemente de você e envolveu sua cintura, selando seus lábios. Você passou os braços por seu pescoço, com o buquê ainda firme em suas mãos, e inclinou levemente a cabeça, entreabrindo os lábios. O maior entendeu o recado e fez com que suas línguas se tocarem, provocando a sensação de milhares de fogos de artifícios explodindo a sua volta.
As suas línguas se envolviam e se abraçavam e bem ao fundo, você podia ouvir um leve barulho de pessoas aplaudindo pelo seu amor.

 


Notas Finais


Então gente, é isso!
Deixem suas opiniões e desculpe qualquer erro,
Beijinhos de áçucar <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...