História O Inverno mais quente. - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook
Exibições 25
Palavras 1.015
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Fluffy, Lemon, Poesias, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Voltei! Sim, com uma hora e 36 minutos de atraso, mas tô aqui.
Relembrando, Voltamos a visão do Kook

Capítulo 10 - Esquecemos o Namjoon


Fanfic / Fanfiction O Inverno mais quente. - Capítulo 10 - Esquecemos o Namjoon

 |Jungkook

Na manhãzinha, eu estava com o rosto dolorido e com as costas doendo. Essa bela manhã de verão, ia se transformar em uma noite quente de festa.

Depois de toda a decoração que fizemos ontem, Jin só faltou grampiar na minha cara que hoje era o Aniversário do Namjoon, eu tinha várias mensagens dele avisando para fingimos que esquecemos o aniversário dele, mas não tinha como esquecer.

— Kook! Você está me ouvindo? — Jin me cutucou na sala de aula.

— Que foi? — Eu me virei para atrás. — Fala.

— Sério? lá olha o grupo. — Jin falou não acreditando.

《Festinha sem namjoon》

Tae: Vamos direto pro container?

Hoseok: Acho que sim, Jin vai levar o Namjoon pra lá.

Yoongi: Gente, eu chamei todos que lembrei e Kook, chama o Jimin.

Me: Já chamei.

Tae: Só tô observando teus rolo com o Jiminnie.

Jin: Gente, vai começar as 18:30, não se atrasem.

Me: Isso é coisa do Taehyung

Tae: Vai se ferrar!

Eu ri.

— Jeon Jungkook? O que há de tão engraçado na matemática ? — Meu professor perguntou.

— Nada. — Eu falei guardando o telefone no bolso e voltando a assistir a minha aula.

[…]

Eu estava me arrumando, para ir a festa surpresa de Namjoon, e estava com uma dúvida do inferno…Camisa do homem de ferro ou uma preta? Que difícil! Eu quero ir com a do homem de ferro, mas acho que é melhor ir com a preta.

— Aish! Que indecisão! — Falei pegando a camisa do homem de ferro e a vestindo. — Tô parecendo uma menininha.

Admito. Eu estava um pouquinho atrasado, mas nada que faça o Jin me socar de novo. Por culpa dele eu tive que passar maquiagem pela segunda vez, sim não é a primeira vez que eu passei maquiagem.

Eu saí de casa e como estava atrasado pedi um táxi para o bendito lugar, e também por preguiça mesmo.

Quando cheguei ao local da festa, o som estava alto demais, se ouviam gritos e risadas e coisas como "Vai Jin!Jin!Jin! AEEEEEEE" ou então "A MESA INFERNO! ".

Paguei o táxi e fui caminhando até o contêiner, eu queria era saber o motivo da gritaria. Bem, o motivo era Jin virando diversas doses de bebida, uma atrás da outra, e Hoseok dançando em cima da mesinha.

Mano, a mesinha que acabou com as minhas costas, se quebrar eu quebro a cara dele na parede com direito a prego nela.

— Kook! — Tae pulou em cima de mim, ele fedia um pouquinho a álcool o que me fez imaginar que ele também tinha chegado a pouco tempo. — Traidor.

— Quê? — Eu perguntei e então vi que ele estava com a jaqueta do capitão América. — Acabou a amizade.

— Acabou mesmo. — Tae falou rindo.

— Tae, O Namjoon já veio? — Perguntei.

— Namjoon? CARACA! MEU DEUS. — Tae começou a correr até Jin.— JIN DO CÉU, NÓS ESQUECEMOS DO NAMJOON.

— SÉRIO?! TAEHYUNG! MEU DEUS. — Jin parou de virar as doses e saiu correndo do container.

Sério? Eles esqueceram da pessoa principal? Tão lerdos.

Eu fui em direção ao Yoongi que estava bancando o Dj da festa, ele estava tão concentrado que nem me viu sentar ao seu lado.

A vista que Yoongi tinha, era a melhor. Ele podia ver o contêiner inteiro e um pouco do lado de fora do contêiner, que ainda tinha gente dançando e bebendo.

Naquela noite, eu estava torcendo para que Jimin aparecesse, mas hoje a sorte estava ao meu favor.

Jimin entrou no contêiner meio perdido e envergonhado, ele estava usando uma linda jaqueta vermelha e uma simples blusa branca por baixo, seus jeans meio gastos, mas estilosos.

Seu olhar foi imediatamente de encontro ao meu e por algum motivo, por qualquer um, eu poderia jurar que vi ele sorrindo pra mim. Jimin fez um sinal para que eu fosse até ele, É óbvio que eu fui.

— Está gostando? — Falei ao me aproximar dele.

— Acabei de chegar. — Jimin riu. — Mas ela parece estar indo bem.

— Bem? Jin esqueceu o Namjoon e Hoseok quase quebrou a mesa.

— Pelo menos não está chata. — Jimin riu. — Ah! Essa é uma das minha músicas favoritas.

— Pera…Você gosta dessa música?

— Sim, vem. — Jimin puxou a minha mão para o meio do tumulto.

Nos fomos para o meio, bem no meio e ali ficamos dançando como loucos.

Bebidas caiam em cima de nós, comida, papeizinhos, confetes e purpurina. Jimin estava sujo de diversas coisas que grudaram no seu corpo por causa do suor, a minha blusa do homem de ferro estava toda molhada, mas eu não ligava. O Sorrisinho dele era muito recompensador.

— Namjoon está vindo. — Yoongi falou pelo microfone e então as luzes se apagaram e o silêncio prevaleceu.

A respiração de Jimin estava tão próxima a minha, estava quase em sincronia, as batidas aceleradas do meu coração podiam ser ouvidas a quilômetros de distância. Ele estava tão perto.

Namjoon abriu a porta do contêiner e em uma sincronia perfeita gritamos "FELIZ ANIVERSÁRIO! " E jogamos algumas bebidas em cima dele.

Jin sorria feliz pela cara de felicidade de Namjoon.

O Sorriso de Namjoon ofuscava qualquer outro, ele estava tão feliz que era impossível não notar.

— Vem. — Eu peguei Jimin pela mão e o arrastei até Namjoon.

— Obrigado! Vocês são incríveis. — Namjoon falou.

— Ei, agradeça ao seu namorado. — Tae falou. — Foi idéia dele.

— Ou! Sério? Todos os créditos pela idéia? — Hoseok falou se aproximando.

— É! Eu fui enganado, chantageado e manipulado várias vezes. — Yoongi falou.

— E eu? Tive que encher isso aqui de móveis e decorações e o Jimin teve que pintar. — Falei.

— Pera! Foi colaboração de todos. — Jin falou. — Melhorou?

— Não, mas o objetivo de hoje é ver Namjoon contente. — Hoseok falou contente. — Certo?

— Sim! — Nós falamos em coro.

E agora começa a parte mais complicada da minha vida. 


Notas Finais


O próximo capítulo tá incrivelmente estranho.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...