História O irmão do meu melhor amigo _ Captain Swan - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens August Wayne Booth (Pinóquio), Capitão Killian "Gancho" Jones, Cora (Mills), David Nolan (Príncipe Encantado), Elsa, Emma Swan, Lacey (Belle), Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Personagens Originais, Princesa Aurora, Regina Mills (Rainha Malvada), Robin Hood, Ruby (Chapeuzinho Vermelho), Sr. Gold (Rumplestiltskin), Tinker Bell, Vovó (Granny), Will Scarlet, Xerife Graham Humbert (Caçador), Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Tags Amizade, Aposta, August, Captain Swan, Captainswan, David Nolan, Emma Swan, Fofura, Justo Você, Killian Jones, Mary, Onceuponatime, Outlawqueen, Regina Mills, Robin, Ruby, Swan Jones, Swanjones, Tink, Vai Vê Eu Não Te Odeio
Visualizações 78
Palavras 1.035
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Romance e Novela, Universo Alternativo

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpa os erros...

Não esqueçam de votar no que está nas notas finais

Capítulo 4 - Charles?!


Fanfic / Fanfiction O irmão do meu melhor amigo _ Captain Swan - Capítulo 4 - Charles?!

POV Killian:

(Cerca de cinco dias depois)


Um novo dia, uma nova hora. Um dia para ser melhor. Com todo desgosto e cansaço levado em minha costa sento na beira da cama cabisbaixo fitando o chão. O cansaço me deixando com uma sensação amargurada e aflita, a dor de cabeça maltratando meus neurônios, levanto-me e arrasto-me até o banheiro, assim me despindo. Andando vou para baixo da água fria que desabava da ducha.
O tempo já estava frio, entrar embaixo daquela água gélida só fazia com que meus lábios ficassem trêmulos. Ao acabar a ducha de água fria saiu sem ao menos me enrolar em uma toalha, mas afinal eu estou no meu quarto. Após me enxugar visto uma boxer preta e me deitei na cama. Com a intenção de ficar o resto do dia dormindo, arrumo o travesseiro e me enrolo no edredom quente me protegendo do ar frio que saia da central de ar.
Ao fechar os olhos escuto a porta do quarto sendo aberta, ignorando totalmente me arrumo na cama abraçando um dos travesseiros ao meu lado, sinto alguém me cutucando, mas continuo ignorando. Porém o ser infeliz do quinto dos infernos continua sendo um ser insuportável e não para de cutucar.
Respirando fundo, começo a contar de um a dez mentalmente, passo minha mão pelo rosto tentando me acalmar, suspiro e viro-me na cama. E toda raiva foi embora, tendo apenas um sorriso grande em meu rosto, o ser que eu mais amo 'tava ali do meu lado.

Killian: Oi meu amor!-Sentei e o puxei para meu colo.
Charles: Eu achava que o senhor 'tava momino(dormindo).
Killian: Não, campeão! Mas me diz ai, o que você 'tá fazendo aqui?
Charles: 'Mamã veio me deixar com o papa, ela vai passar um tempão fola(fora).-Deu ênfase no tempão.
Killian: Como assim tempão, amorzinho?
Charles: Ela vai pala(para) a casa do daborado(namorado) dela.
Killian: O Graham 'tá aqui?
Charles: Sim. Ele disse que nós vamos morar com vocês.
Killian: Toca aqui!-Estiquei as mãos fazendo ele bater com suas duas mãozinhas.

Charles é meu sobrinho, filho do Graham o irmão mais velho de nós três ele tem vinte e cinco anos. Mesmo com David sendo o mais comunicativo e mais feliz, eu e o Charles somos mais apegados, toda vez que ele nos vê o primeiro para quem ele corre para o colo sou eu, pelo simples fato de eu brincar e conversar mais com ele, sem falar que ele é a paixão da minha vida, durante a vida dele toda eu sempre fiz questão de estar presente. Ele tem dois anos e oito meses. Além de que temos uma ótima relação ainda fazemos aniversário no mesmo mês.
Levanto da cama com meu bebê no colo, desço as escadas correndo com ele, enquanto o mesmo ria afoito pelo desespero de correr enquanto desce. Vou até a sala onde encontro um Graham cheio de malas sorrindo vindo em minha direção. O abraço com força quando chega perto de mim, no mesmo instante Charles abraça a nós dois.

Killian: Eu estava morrendo de saudades!
Graham: Eu também, estava com mais saudades de ser recebido por ti só de cueca.-Fez piada pelo fato de que toda vez em que ele chegava em casa eu estava só de cueca.
Killian: Agora licença que eu e meu filho vamos passear.
Graham: Ei! Devolve meu filho!-Fez sinal para que Charles fosse para seu colo, porém Charles me abraçou ainda mais.
Killian: Perdeu, playboy!-Sai correndo com Charles.
Graham: Cadê o Dav?
Killian: No quarto dele, eu acho.

Graham saiu dali rindo, indo acordar o irmão do meio.

Killian: E você campeão? Já falou com o tio Dav?-O garoto balançou a cabeça negativamente.-Vamos lá.

×Já no quarto×

David: Oi, Charles!
Charles: Oie!
David: E ai garotão? Como você tá?
Charles: Com fome.
David: Vamos comer?
Charles: VAMOS! Mas eu vou sair com o tio Killi.
David: Você come comigo enquanto o Killian se arrumar, 'tá bom?
Charles: 'Tá.
Killian: Eu só vou me vestir, e já volto.
David: Killian, o seu passeio poderia ser rápido? É que a Emma vem 'pra cá hoje é eu queria apresentar o Charles para ela.
Killian: Ah... Ok... Mas você não pode usar o Charles para interferir na aposta.
David: Eu sei! Eu sei!
Graham: Que aposta?
Killian: Estamos apostando quem consegue pegar primeiro a garota, a mesma garota.

David falou alguma coisa no ouvido do Graham mas eu ignorei e sai do quarto indo me arrumar.

.
.
.
.
.
.
.

"Viu amor? Ele foi pai cedo mas cuida melhor que você", "Porque eu você não é igual ele com o nosso filho", "Amor ele é gostoso e ainda cuida de criança, você é um imprestável mesmo". Eu 'tô rindo dos comentários do pessoal achando que eu sou o pai do Charles.

Killian: Escorrega, vamos?
Charles: Eu tenho medo.
Killian: Eu seguro sua mão.
Charles: Tudo bem.

Depois de muitos brinquedos do parquinho perto de casa vi uma silhueta conhecida passando em direção a rua de casa.

Killian: EMMA! Emma!-Corri até ela, ainda olhando de longe para Charles que brincava no pula-pula.
Emma: Oi?
Killian: Vem aqui, eu tenho uma pessoa para ti apresentar.
Emma: Killian, não dá. Eu marquei com o Dav daqui cinco minutos.
Killian: É rápido! Eu juro! Por favorzinho!-Fiz biquinho.
Emma: 'Aff. 'Tá bom, 'bora logo.

A puxei até o parquinho e peguei Charles no colo, indo em direção a mesma, antes citada.

Killian: Emma esse é o Charles. Charles essa é a Emma.
Charles: O que eu tenho que dizer pala(para) ela?-Falou alto porém perto do meu ouvido.
Killian: Diga oi, amor! Dê um abraço e diga a ela que é linda, assim que se trata moças, moças de respeito, não moças como a sua mã.... Esquece, só diga oi, dê um abraço e diga que é linda.
Charles: Oi, meu nome é Charles. Você é linda!
Emma: Obrigada! Você também é lindo!-Sorriu e pegou Charles no colo.-Você é muito lindo. Seus olhos lembram o do seu tio.-Eu abri a boca para falar mas ela me cortou antes de falar algo.-Eu disse que olhos são iguais os seus, não que você é lindo.-Sorriu para mim e depois para Charles. 


Notas Finais


Dúvida:
Se fosse haver um casal qual vocês preferiam; votem nos comentários
1 para Ruby e David.
2 para Mary e David.

Votações abertas!😙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...