História O Mafioso - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Suga
Tags Kpop, Máfia, Suga
Visualizações 51
Palavras 1.115
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Como é bom estar de volta.

*Sorrisos*

Capítulo 9 - Lua de mel


Fanfic / Fanfiction O Mafioso - Capítulo 9 - Lua de mel

Yoongi on

Estava dormindo tranquilamente até que certa pessoa se mexe na cama e me acorda. Abro meus olhos e percebi que a Sun Hee não tinha acordado. Percebo que estava abraçado com ela e não pude evitar de sorrir. Olho a hora e vejo que estar um pouco tarde pra quem costuma acorda cedo pra fazer vários nada. Resolvo levantar e assim faço, vou no banheiro logo o chuveiro e logo me despir e entrei embaixo do chuveiro. Estava pensando muito e não tinha percebido minha demora no banheiro. Logo saio e pego a toalha enrolando na minha cintura. Antes de sair do banheiro escovo meus dentes e dou uma leve arrumada no cabelo. Saio do banheiro e olho pra cama e vejo que a Sun Hee estava dormindo.

Essa daí dorme mais que eu.

Sorri a olhando e logo vou procurar uma roupa pra mim. Resolvo por colocar uma calça preta rasgada com uma camisa branca é um casaco xadrez por cima (roupa do dance practice de i need u) volto a enxugar meus cabelos rosa desbotado e quando estava terminando sinto braços me rodearam.

Sun: você me acordou.

Falou ela com uma voz manhosa o que me fez solta um riso e me viro a olhando.

Ainda bem, você dorme mais que eu 

Sun: e domingo, o que eu vou fazer a não ser dormir?

Arrumar suas malas, e se arrumar.

Sun: pra que?

Eu esqueci de dizer. Iremos sair de lua de mel.

Sun: lua de mel?

Sim, vai lá tomar um banho, eu vou ver se o café já tá pronto.

Sun: tá. É aproposito, você tá lindo assim. 

Eu sou lindo.

Sun: já me acostumei.

Com o que?

Sun: com você sendo convencido sempre.

Ri a olhando e me aproximo com intenção de beijar ela, vejo ela sorrir então a provoco, ao invés de beijar sua boca, beijo sua bochecha.

Sun: porque beijou minha bochecha?

Porque eu quis, vai tomar banho.

Vejo ela bufar e ir pro banheiro. Não me contive e desci as escadas rindo dela. Assim que chego na cozinha, entro já sentindo um cheiro de comida pronta.

Já tá pronto o café?

Yang: sim senhor, vai comer agora?

Não, irei esperar a minha mulher, ela já deve tá descendo.

Falo sorrindo, acho que meus empregados nunca me viram sorrir. A não ser a Yang. 

Yang: vejo que o meu menino tá feliz. 

Tô sim Yang, hoje sairei de lua de mel, o pai dela me disse que ela sempre quis ir para o Japão, só que não foi por causa da faculdade. 

Yang: e você irá levar ela?

Claro, que presente melhor eu poderia dar a ela?

Yang: me diga Yoongi, você sempre foi tão aberto comigo, porque você ficou ontem na cozinha o tempo todo?

Eu queria dar mais privacidade pra Sun, acho que ela ainda não tá pronta pra outras coisas.

Yang: eu me admiro vendo você falando assim.

Porque yang?

Yang: porque, todas as prostitutas que você pegou, era só gritos que eu escutava. 

Aí que Yang, eram prostitutas. Não era a Sun. Elas não me agradavam nem um pouco 

Falo e vejo a mesma olhar por cima do meu ombro. Me viro e vejo a Sun na porta da cozinha.

Sun: bom dia Yang 

Ela fala toda sorridente.

Porque não falou toda sorridente pra mim?

Fiz um bico finjindo estar triste.

Sun: porque você me acordou, com o barulho do chuveiro e principalmente dizendo que eu durmo amis que você.

Ah, só por causa disso?

Ela ri e a Yang também. Olho as duas e me diz de triste.

Yang: bom, o café estar pronto. Podem sentar irei servir vocês. 

Não precisa, pode deixar que nós nos servimos. Ah, e sei que você é teimosa provavelmente não obedeça, mais ficarei de olho. Enquanto eu estiver de lua de mel, não quero que por nada você venha trabalhar. Vá visitar seu filho, seu neto, vá fazer qualquer coisa, mais não entre nessa casa. 

Sun: Yoongi por que tá falando assim?

Porque ela trabalha demais, e nem menos a folga dela ela obedece. O jeito é falar assim.

Yang: pode deixar, ficarei longe da casa.

Ela falou rindo e eu sorri e fui andando pra mesa com a Sun atrás de mim. Olho pra trás e vejo a Yang vindo também, ri sabendo que ela não deixaria nós nos servimos, então deixei. 

'quebra de tempo'

Depois que tomei café e arrumei minhas malas, estava pronto pra sair quando a Sun praticamente se joga na frente da porta.

Que foi agora pequena?

Sun: pra onde você vai?

Ver uns amigos, porque?

Sun: posso ir com você?

Você não vai gostar, eles só falam merda.

Sun: não importa. Eu só quero ir.

Tá bom, mais você não vai com essa roupa.

Falei por que a mesma está com um short um pouco curto e uma blusa curta.

Sun: o que tem de errado?

Eles são muito maliciosos.

Sun: tô indo trocar de roupa.

A olho e sorri vejo ela sair andando pro quarto e logo vou pra sala de estar e me jogo no sofá, me deito e fico mexendo no celular, avisando aos meninos que já estava chegando. 

GRUPO BTS ON

Hyung: Yoongi cadê você?

Maknae de ouro: suga-hyung, por que tá demorando?

Eu: só estou demorando, porque do jeito que vocês são maliciosos, minha mulher estaria correndo perigo com vocês.

Namjoon puteiro: ata, é só por causa disso que você tá demorando?

Eu: não é só que eu morri e revivi só pra dizer que eu morri.

Hobi: vixi arrogante.

Eu: chegou a diva olha.

Hobi: eu sei.

Eu: não falei de você hoseok.

Hobi: de quem então?

Eu: do TaeTae.

TaeTae: oi hyung.

Eu: oi. 

Chimchim: hyung, quantos anos a sua mulher tem?

Eu: pra que você quer saber?

Chimchim: pra ver se dá pro kookie.

Eu: PARK JIMIN, ELA E MINHA MULHER, NAL UMA PUTA QUE VOCE PEGA E DEPOIS LARGA 

Chimchim: aí calma hyung, foi só uma brincadeira. 

Hobi: brincadeira de mal gosto Jimin.

Hyung fofo: crianças deixem de falar de mulher e vamos falar do suga.

Eu: não vai dar não, MINHA MULHER chegou.

Namjoon puteiro: Jimkn-ssi irritou l suga hyung. 

TaeTae: esperamos você hyung. Bjs

Maknae de ouro: porque o suga colocou "MINHA MULHER"?

Eu: certas pessoas querendo roubar ela de mim. 

Maknae de ouro: Jimin-hyung?

Eu: exatamente.

Eu: preciso ir. Tchau.


GRUPO BTS OFF.

Vi a Sun entrar na sala me procurando e a olho.

Que foi?

Sun: tava te procurando. Podemos ir?

Ah sim, vamos.

Me levanto e pego a chave do carro e meu celular indo até Sun, a beijo e pego sua mão, saio andando da sala com ela atrás de mim e antes de abrir a porta de entrada a olho de cima a baixo. Ela tava com uma calça jeans rasgada na coxa e no joelho, confesso fiquei com ciúmes, ela tava com uma blusa curta só que preta. Sorri e abro a porta e sai andando até o carro com ela. Abro a porta pra ela e a mesma entra assim que fecho a porta, entro no meu lado e começo a dirigir. 



Notas Finais


Ai gente como é bom escrever de novo. ❤ Estou tão feliz de ter voltado. É tá aí mais um capítulo (um pouco longo) pra recompensar.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...