História O Meu Delírio - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Ruki Mukami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Yui Komori, Yuma Mukami
Exibições 35
Palavras 1.382
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ooooi sem prolongas.
Espero que gostem.

Capítulo 1 - Confusão no primeiro dia


Fanfic / Fanfiction O Meu Delírio - Capítulo 1 - Confusão no primeiro dia

ฯฯ KOU ฯฯ

Hoje acordei ainda mais animado que o normal, ontem tive um dos melhores shows que já fiz aqui em Seul.
Consegui ainda tirar fotos com 50% das minhas fãs, como poderia pedir mais coisa?
Me levantei e fui tomar banho, já tinha avisado a empregada que eu acordei.
Liguei o chuveiro e deixei a água gelada cair sobre meu corpo, fiquei assim por uns 15 minutos, comecei a me ensaboar e depois em enxaguei.
Me enrolei na toalha e fui para meu quarto.-  Ah sen..hor, me desc..ulpa eu n..ao sa- eu a cortei, sabia o quanto ela ficava envergonhada quando me via só de toalha.

- Habi eu já te expliquei que não precisa ficar com vergonha certo? - eu apertei suas bochechas.-  é normal você só tem 16 anos, vai aprender que mulheres precisam ver homens bonitos e bem formados como eu.

- S..enhor.- ela piscou os olhos e começou a ficar rubra.

- Me chama de Oppa.- comecei a rir, como amo essas coreanas mas até agora só provei sangue de uma e era amargo.

- O..ppa? - ela sorriu. - Oppa.

- Sim, seu oppa. - olhei para o relógio, sao 07h20 da manhã já, a diretora vai me matar se eu chegar atrasado. - Ah Habi tenho que me trocar, se importaria se? - eu olhei para a porta e depois pra ela. - vazar?

- Sim oppa.- ela saiu correndo e eu comecei a rir.

¤¤ YUZUKI. ¤¤

- Filha você se arrumou primeiro que eu. - minha mae dizia enquanto comia uma torrada e eu rir.

- Normal mãe, sempre fui bem pontual com os meus compromissos. - dou de ombros e aperto suas bochechas - mãe voce é tão amorzinho.

- EI GAROTA- ela começou a ficar rubra e eu tive um ataque de risos, ela é um verdadeiro amorzinho, é mais baixinha que eu e olha que meu tamanho é 1,50 cm. - o que aconteceu com você em? - dizia ela já se levantando.

- saudades suas mãe, papai nunca foi de me dar atenção - me levantei junto a ela, mas indo em direção ao banheiro.
Comecei a escovar meus dentes, depois retoquei a minha maquiagem, fui ate a sala peguei minha bolsa e calcei as sapatilhas. - Mãe to indo, ve se não atrasa ok?

- Ok filha! - grita minha mae do quarto, aposto que ainda esta procurando uma saia que combine com sua blusa social da cor pastel, fracamente que blusa horrível.

Sai do apê da minha mãe, na escondida, não quero encontrar nem fã agora, sabe eu quero as vezes ter uma vida normal? O motorista já estava a minha espera, entrei no carro e fui em rumo a prisão, no caso escola.

ฯฯ KOU ฯฯ

Desci da minha BMW da cor preta, estacionando ela atras da escola,  desci e fui andando rápido, ao pisar no jardim do colégio vieram milhares de meninas encima de mim, pedindo fotos e autógrafos , dando presentes, ou só elogiando. - Obrigada meninas, vocês são o meu melhor presente. - dou um sorriso amarelo e abraço uma delas, que por sinal desmaiou, eu a peguei no colo e joguei na enfermeira, as outras meninas que gritavam: ELE É TÃO AMORZINHO - vieram atras de mim, feito carrapato.
Eu estava conversando com uns amigos que eu tinha encontrado enquanto estava indo para sala, quando um grupo enorme de garotos e garotas passaram correndo, Shinobi, meu melhor amigo perguntou a um dos garotos o que estava acontecendo e ele respondeu apenas com - ELA É MAIS LINDA PESSOALMENTE-  gritou e voltou a correr, seguimos ele.
Passamos pela multidão, que deu espaço quando percebeu que era eu tentando passar, parei ao perceber a garota que entrava na escola - é linda. - só consegui dizer isso a mim mesmo.

¤¤ YUZUKI ¤¤

Desci na frente da escola e fui andando até o portão, uma garota me avistou e saiu correndo pro lado oposto, eu não entendi muito bem a princípio mas não me importei.
Quando olhei novamente para frente, vejo uma multidão, dei um passo para trás - ah então ela foi chamar as pessoas? - pergunto a mim mesma, suspirei e botei um sorriso no rosto indo até eles. - Bom dia - falo com a maior suavidade na voz.
Eles começaram a gritar : LINDA, PRINCESA, MELHOR K-IDOL. - e eu apenas sorria.

- Você sabe quem eu sou né? - um menino loiro, que tinha a voz gravemente sedutora, que tinha o oceano no seus olhos, se aproximou de mim, ficando ao meu lado, ele é muito mais alto.

- D..esculpa mas não. - engoli seco quando as pessoas olharam para mim, parecia estar surpresos, o garoto loiro que tinha ficado boquiaberto agora me olhava com raiva, eu fiquei imóvel esperando uma reação dele.

- Bom..eu sou um k-idol. - ele disse sarcasticamente. - e você quem é? - Não entendi, ele perguntou se eu o conhecia mas ele nao me conhece?

- Ela é a Yuzuki, uma cantora linda e talentosa - um das garotas falaram pegando na minha mao - sua pele é tão macia. - os olhos dela pareciam ser duas pérolas.

- Você é linda.- eu a elogiei. - suas mãos sao delicadas. - eu as apertei e sorri. - Ah, eu tenho que ir na secretaria, mas tarde vejo vocês. - Eu reverenciei e sai andando, ainda tinha umas pessoas gritando meu nome ou me elogiando. Eu estava girando o corredor do 2° andar quando meu pulso foi puxado, o garoto que antes fez meu coração acelerar estava a minha frente agora.

- Como voce nao pôde me reconhecer? Tenho varios  outdoor espelhado na cidade.- ele mantinha os olhos firmes e suas mãos ainda segura meu pulso. - Voce é esnobe ou algo do tipo?

- Não sou esnobe só por não te reconhecer e deveria mandar botar Outdoor maiores pela cidade, assim como os meus.- puxei meu pulso. - não seja tao arrogante porque alguem nao te reconhece.
Sai andando o deixando parado ali, quando virei o outro corredor  sai correndo até o banheiro, eu entrei e pude respirar melhor quando tive a certeza que estava sozinha, meu coração bateu tão forte quando eu estava com ele, mas pera.
Ele é arrogante, eu não posso dar atençao a um grosso.
Suspirei fundo e arrumei meu cabelo, voltando a sala.
Bati três vezes na porta e esperei o professor dizer algo - Entra - gritou e eu abri a porta com ranceio.

- H..um Prazer - eu me reverenciei a turma e prolonguei. - Sou Yuzuki, conto com vocês. - sorrio.

-  e quem não te conhece bebê? - um menino lá atras da turma, gritou fazendo todos concordarem.

- Eu não conhecia. - a voz do loiro sobressaltou sobre a sala e eu o olhei fuzilando.
   
- Somos iguais, não te conhecia também. - rebati e fui sentar na primeira cardeira, ele sentava na quarta cardeira.

ฯฯ KOU ฯฯ

O tempo demorou ainda mais passar que o normal, quando o sino bateu para o intervalo, a Yuzuki saiu apressada da sala e eu fui logo atrás dela.
Ela entrou na biblioteca, me mantive um pouco longe dela, mas logo resolvi chamar sua atenção. -

Você me deixa tão irritado e furioso sem motivo
Estou falando sério, mas você me faz brigar com você
Porque eu me importo tanto com você? Você me faz agir como uma criança - cantei e ela me olhou rápido, e saiu andando.
Puxei ela pela sua cintura. - Garota por que você é assim?

- eu sou como?  Te conheci a poucas horas e voce já acha que pode me encostar - ela começou a me bater e eu rir a deixando mais irritada.- ME SOLTA.

- Ui ficou estressadinha? - a puxei para mais perto - deveria agradecer, eu cantei para voce.

- Não ligo, quer parar de me seguir? - ela bufou.

- Tsc.- aproximei meu rosto junto ao dela - o que voce faria se eu te beijasse?

- Te matar..ia.- ela começou a ficar rubra e eu ri baixo.

- GENTE OLHEM ELES ESTÃO NAMORANDO! - pessoas formaram um círculo ao nosso redor, nos deixando sem saída. - MEUS ÍDOLOS ESTAO NAMORANDO, TIREM FOTOS!


Notas Finais


Yuzuki : SUA CULPA!
Kou : Ah nao fica irritada.
Yuzuki : VOU FERRAR SUA VIDA.
Kou : Veremos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...