História O meu destino - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts
Visualizações 62
Palavras 1.327
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii! Tô aqui com mais um capítulo, não me matem pelo que acontece... Eu já havia escrito esse capítulo a muito tempo, então pfvr não me matem! 😂😂
Se tiver algum erro, podem me corrigir , pq é errando que se aprende.
E
Boa leitura 📓❤

Capítulo 5 - .Five.


Fanfic / Fanfiction O meu destino - Capítulo 5 - .Five.

Julie me deu uma cutucada .

—Vai com tudo, miga -ela falou, logo saindo e nos deixando a sós.

Me virei para Yoongi.

—O-Oque você está fazendo aqui? -perguntei sem jeito.

—Vim te ver -ele falou com um sorriso em seus lábios.

—A-Agora?

—Óbvio! Se eu estou aqui, parado na sua frente! -falou sorrindo.

—Argh! -falei olhando para os meus pés que davam pequenos chutinhos no gramado verdinho —Sério, você é louco!

Ele apenas fingiu não ter ouvido minha última frase.

—Bem, vou indo, só vim te ver mesmo...

Ele discretamente me deu um beijo na bochecha.

—A-Anneyong!

Ele acenou com a mão e saiu.

Julie então correu em minha direção e quase me matou de um susto quando gritou.

—MEU DEUS! NÃO ACREDITOOOO!

—Fala baixo, louca. Será que alguém viu ele?

—Na verdade, eu tenho certeza! -ela falou virando minha cabeça para a esquerda, me fazendo ver várias pessoas com câmeras.

—Merda.

—Vamos entrar para a sala, eles estão vindo em nossa direção.

Confirmei com a cabeça e andamos até nossa sala.


[•••]


Depois da aula, fui diretamente para casa com Julie, ela iria dormir lá hoje.

Já eram 18:00 PM.

Ao entrarmos pela porta, vimos Clarissa ainda com a farda da escola, mexendo no celular. Quando ela me viu, deu um pulo do sofá e correu em minha direção.

—Você viu isso?! -falou virando o celular para que eu visse.

Era uma foto do Yoongi beijando minha bochecha, antes da faculdade. Merda!

Peguei o celular com minhas próprias mãos e li o que estava falando sobre a imagem.

"O integrante da banda sul coreana, Min Yoongi (suga) que veio para cá (Brasil) para um show da turnê mundial, acabara de ser flagrado com uma garota cujo nome não sabemos (ainda). De fato é uma garota muito bonita e realmente muito atraente. Os dois combinam perfeitamente, seriam um belo casal, ou melhor, são um belo casal."

Fiquei pasma. Como alguém faria...Porque?!

—É maninha, parece que alguém vai ficar famosa! -Clarissa falou se encostando em mim.

—Me poupe Clarissa, ninguém sabe que sou eu ...

—Então é você mesmo?! -ela arregalou os olhos.

Apenas a ignorei e puxei Julie até o meu quarto.

Quando entramos, Julie foi a primeira a falar.

—Eita amiga, parece que tudo vai ficar tenso.

Soltei um suspiro alto e me joguei na cadeira da escrivaninha. Eu realmente sabia que tudo iria se complicar, sentia que algo de ruim iria acontecer.

—Bom...Vamos mudar de assunto! -falei ajeitando minha postura na cadeira. —A gente tem que estudar!

—Aiish Yana! Você só sabe estudar?! Não sai pra se divertir não?!

Dei de ombros.

—Não, o importante para mim é estudar e...-antes que eu pudesse terminar de falar, Julie me agarrou pelo braço e me puxou até onde estava sua bolsa, que ela jogará assim que entrou no quarto.

—Hoje, você e eu na balada.

Eu ia protestar, mas pensei bem e deveria mesmo sair de casa. Era até que divertido.

Julie tirou então um vestido rosa clarinho de dentro de sua bolsa e estendeu para mim.

—Ok, esse vai ser o seu!

Peguei e olhei bem para o modelo do vestido.

—Acho que não é uma roupa boa para ir pra uma balada ...

—Não, é uma roupa ótima! -falou.

Revirei os olhos e me troquei no banheiro. Ao sair, vi Julie com um vestido meio curto, azul escuro, ela estava completamente linda.

—Amiga do céu! -ela arregalou os olhos. —Você tá linda!!!

—E você tá mais ainda!!

Sorrimos e começamos a passar maquiagem, quando finalmente ficamos prontas me olhei no espelho. Nunca havia me visto tão produzida assim..

Estava no mundo da lua quando meu celular começou a tocar. Balancei um pouco a cabeça para voltar ao mundo real e atendi a ligação.

—Alô?

—S/n? -era Yoongi.

—Oi Yoongi...

—Vamos terminar com tudo isso..

—O-Oque??

—É melhor não nos falarmos mais...

—O beijo que você me deu, não significou nada?!

—Entenda...Por favor....é que...

—É que eu fui só mais um de seus brinquedinhos, não é mesmo?!

—O-O quê??

—O famoso Min Yoongi que só escolhe uma garota para brincar com os sentimentos dela, não é mesmo?! -falei alterando um pouco a voz.

—Não é isso Yana... Não é mesmo...

—Ok, se não é isso, apenas me deixa em paz! Não me liga mais e nem fala comigo... Só me esquece! Não é o que você quer? Então pronto...

Desliguei na cara dele. Ele tentou ligar de novo mas desliguei o meu celular antes.

—O que houve?? -perguntou Julie com um olhar de preocupação. —Como assim você foi só mais um brinquedo?

—Julie...eu tô me sentindo péssima! -falei me sentando na cama e afundando meu rosto em minhas mãos. —Não estou mais com vontade de sair.

—Como assim S/n?! Me explica isso direito!

Comecei a falar tudo para ela que ficou pasma com tudo.

—Ai amiga...-falou se sentando ao meu lado e afagando minhas costas. —Sério, nunca imaginei que ele fosse assim...

—Mas ele é!

—Quer saber?...Esquece ele Yana! A vida que segue! Ele não te merece!

Por um lado, Julie tinha razão, não iria ficar chateada para o resto da vida, mas por outro...eu acho que realmente nutri um sentimento por ele...

Me levantei da cama.

—Ainda bem que não chorei, se não eu iria borrar minha maquiagem! -falei fazendo a garota no meu quarto sorrir um pouco. —Você tem toda razão Julie! Vamos sair mesmo!

Ela saltou da cama e pegou sua bolsa de festa, colocando nossas identidades, celulares e dinheiro.

Andamos até a sala e lá estava minha mãe e minha irmã, ambas riam de um filme que passava na TV.

—Vão sair? -perguntou minha mãe ao me ver andando até a porta.

—Sim, vamos para a balada...-respondi.

—Yoongi vai te levar?! -perguntou Clarissa se virando ligeiramente para me encarar.

—Não! Jamais! -respondi curta e grossa

—O que houve com você? -perguntou.

—Depois eu te conto ..

Ela afirmou com a cabeça e nos despedimos dela e de minha mãe.

—Tchau senhora S/m.

—Tchau Julie, cuide da Yana, ok?

—Pode deixar!


[•••]


O lugar era apertado e barulhento, não gostava muito de lugares assim, mas vim aqui para me divertir, então assim farei.

As luzes piscavam e me fazia ficar um pouco tonta.

Julie então me guiou até o bar, pedindo duas doses de tequila.

—Você vai tomar duas doses de uma vez?! -perguntei pasma.

—Não, louca! É uma minha e uma sua!

—Aaah não, Julie eu não bebo!

—Agora vai beber!

Depois de alguns segundos o balconista trouxe as bebidas e nos entregou. Fiquei olhando para o copo, sem nenhuma animação para beber algo como isso, já Julie, tomou de uma vez em um só gole. Em seguida ela ficou me olhando tentando me fazer beber aquilo. Criei coragem e virei o copo de uma vez. Minha garganta queimou quando entrou em contato com a tequila ,aquilo era horrível! Como pessoas conseguiam beber aquilo?!

Coloquei o copo de volta no balcão e Julie sorriu para mim. Logo ela começou a dançar e sem perceber ela sumiu da minha vista. Comecei a andar sem rumo, tinham pessoas quase se comendo em todo lugar. Quando passei por um grupinho de garotos, eles pareciam estar se divertindo bastante, apenas ignorei e voltei a andar sem rumo, mas quando dei o primeiro passo, alguém me segurou pelo pulso, eu rezava para ser Julie, mas não era.

—Oi linda, tá afim de dançar? -era Yoongi. Ele com certeza estava bêbado.

Por que?! Por que?! Por que de todas as pessoas do mundo, tinha que ser ele?!

—Se for pra dançar, eu danço sozinha! -falei puxando meu braço com brutalidade.

—Tá estressadinha?!

O ignorei e voltei a andar. Tinha que achar Julie para podermos sair daqui, eu não queria encontrar com ele de novo.

Eu com certeza não sabia mais onde eu estava, era tudo muito confuso, acho de eu estava andando em círculos. O pior era que ela estava com o meu celular e eu não podia ligar para ela, droga!

Fui até o único lugar que eu sabia ir, ao banheiro. Entrei em um box e o fechei logo em seguida, sentei no vaso sanitário ainda com a tampa fechada e afundei meu rosto em minhas mãos.

—Eu não deveria ter vindo! Deveria ter ficado em casa! -falei para mim mesma.

Eu estava ficando louca com tudo aquilo, som da balada, lugar apertado e..Gemidos? Isso mesmo, gemidos vindo do box ao lado.

Fiquei curiosa e subi no vaso, quando vi, desejei não ter visto.

Suga, de novo, estava agarrado com uma garota loira e alta.


~Continua...


Notas Finais


Dps cês vão entender o motivo de tuuudo isso....
Não me matem pfvr 😂😂😂💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...