História O Meu Melhor Amigo - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Lukas Marques & Daniel Mologni (Você Sabia?)
Personagens Daniel Mologni, Lukas Marques
Tags Romance
Visualizações 45
Palavras 1.200
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Bom meus amores, voltei com mais um cap, dcp ter sumido eu estava doente e meio que sem tempo pra postar mais.
Espero que gostem desse cap. ❤

Capítulo 4 - "Você me faz tão bem..."


Fanfic / Fanfiction O Meu Melhor Amigo - Capítulo 4 - "Você me faz tão bem..."

No capítulo anterior...

Professor: JÁ CHEGA! OS DOIS PRA FORA DA MINHA AULA AGORA!

Dizendo isso eu e Lukas nos levantamos pegamos nossas coisas e fomos para fora, quando chegamos lá fora ouvimos a porta ser fechada com força, e assim que ela se fechou nós caímos na risada instantaneamente,

Bia: Você é louco Lukas, nunca eu teria coragem (disse com a barriga doendo de tanto rir)

Lukas: Você também é! Do nada começa a rir na cara do sapo! (disse ele também rindo)

Bia: Acho que nós dois somos loucos (falei terminando minha looonga risadaria)

Lukas: É concordo nós dois somos doidos, formamos uma boa dupla até (disse ele sentando-se ao meu lado no banco que havia fora da sala)

Eu olhei em seus olhos e sorri, realmente daríamos uma boa dupla, afinal ele é louco igual a mim...

Continuação...

Depois daquele dia, eu e Lukas não nos separamos mais, todos os dias a gente aprontava alguma, na maioria das vezes eu era expulsa por causa dele, e vocês já devem até imaginar como os meus pais ficavam quando a diretora ligava lá pra casa com mais uma reclamação a meu respeito. Mas eu não estava nem ai, eu não gostava daquela escola mesmo, então pra mim era mais do que divertido quando meus pais  ameaçavam de me tirar da escola pelo meu mal comportamento, mas no final eles nunca tiraram.

Eu e Lukas, bom no começo eu gostei dele de outra forma (se é que me entendem), porem percebi que nós não podemos ser mais do que amigos,e no fim, nos tornamos melhores amigos..

Fazíamos tudo juntos, eu adorava sair com ele, porque sempre que voltava pra casa, minha barriga estava doendo de tanto rir. Meus pais que não apoiavam minha amizade com o Lukas, porém isso não me impedia de forma alguma, já até levei ele lá em casa várias vezes escondido, quando eles não estavam lá. O Lukas sabia de todos os meus segredos (tipo todos mesmo) , ele era a pessoa que eu mais confiava nesse mundo, quando eu terminava com algum namorado e ficava na Bad era ele quem me consolava, e no caso dele também era assim, mas a gente nunca ficou mais de 1 hora nesse negócio de chorar por ex, tanto que me lembro como se fosse ontem da vez em que terminei com meu namorado com o qual eu namorei 2 anos e o Lukas me ajudou, quer dizer do jeitinho dele né... 

Flashback on...

Eu estava péssima, havia acabado de terminar com o Rafael meu namorado com quem estava a pouco mais de 2 anos (na verdade ele acabará de terminar comigo), ele me disse coisas horriveis, um exemplo? Que eu era uma virgem de merda e que ele só estava comigo pra transar, mas como nunca aceitei ele se ''cansou''.

E agora mais do que nunca eu agradeço a minha intuição por nunca ter me deixado fazer tal idiotice, e lá estava eu, na minha casa, chorando por um idiota. Na verdade nem sei porque estou chorando, talvez por pensar em todas as coisas falsas que ele me disse, para no final só ir pra cama comigo. Liguei pra única pessoa que poderia me ajudar nesse momento. 

Ligação on 

Bia: Alô?  (falei com voz de choro)

Lukas: Oque foi Bia? Porque você ta chorando? (disse com uma tom de preocupação).

Bia: Lu, será que você pode vir aqui em casa? Te explico tudo quando chegar aqui... 

Lukas: Claro que posso, em 10 min tô ai, pede pra Nancy deixar o portão encostado pra eu entrar.

Bia: Okay, vou pedir pra ela, até logo... 

Lukas: Até logo baixinha...

Ao desligar a ligação já me senti um pouco melhor, só por saber que o Lukas estaria aqui, era como se metade dos meus problemas sumissem. Desci as escadas e pedi para que Nancy abrisse o portão, e assim ela fez, 8 min depois o Lukas já havia chegado e se dirigiu ao meu quarto.

Quando ele chegou eu estava na cama chorando, assim que o vi não me contive, corri para seus braços e desabei a chorar, ele apenas me abraçou, um abraço aconchegante onde eu me sentia segura, onde eu sentia que ninguém podeira me machucar...

Lukas: Ei baixinha, você precisa se acalmar e me explicar oque aconteceu. (disse ele me puxando para que eu olhasse em seus olhos e limpando as lágrimas que caiam sem cessar).

Eu não disse nada, apenas o puxei até a cama e sentei, e ele fez o mesmo, me deitei sobre seu colo e tentei começar a explicar tudo, com grande dificuldade por conta das lágrimas, então eu comecei...

Bia: Lu, o Rafael terminou comigo, e me disse coisas tão horriveis, doeu muito ouvir aquilo, não pelas palavras em si, mas por elas terem vindo dele, eu aprendi a amá-lo... (disse ainda com as lágrimas caindo sobre meu rosto)

Lukas: Oque aquele idiota disse? (disse ele com um tom de desprezo)

Bia: Eu prefiro não repetir... Mas foram as palavras mais duras que já me disseram até hoje... (falei olhando em seus olhos, e pude ver que ele percebeu que se tratava de algo sério).

Lukas: Se você quiser eu posso ir lá esmurrar a cara daquele idiota sem noção! 

Bia: Não vale a pena, eu prefiro é nunca mais ter que olhar pra cara dele... (falei num tom triste)

Lukas: Olha baixinha não liga pras coisas que saem da boca desse idiota, você é a pessoa mais incrivel que eu conheço, tanto que te aturo todos os dias, e olha que você não é fácil hein, mas enfim, não vale a pena ficar chorando por ele..

Bia: Eu sei mas é que...

Lukas: Mais nada, quer saber? Não vou deixar você ficar aqui chorando por gente que não merece, se arruma que você vai sair comigo, e isso não é uma sugestão. (disse ele com tom de determinação)

Bia: Lu, não tô com cabeça pra isso, entendo que você queria me ajudar, mas.. (ele me interrompeu antes que eu terminasse)

Lukas: Você não entendeu? Não é uma sugestão, vamos logo se não vai ficar tarde, se não se levantar eu mesmo vou te vestir. 

Bia: Fazer oque né. Sei que você não vai desistir dessa ideia mesmo. (falei me levantando da cama e indo em direção ao meu guarda roupa)

Escolhi uma roupa simples, e Lukas me levou a sorveteria, ele me contava várias piadas na intenção de me fazer esquecer dos problemas, e o mais engraçado é que deu certo, eu adorava sair com ele, adorava ter a sensação de quando minha barriga doía de tanto rir, adorava ter a sua companhia. Depois daquele dia, o Lukas nunca mais me deixou sequer pensar no Rafael e foi assim que eu esqueci do traste... :)

Flashback off 

Bom, os modos do Lukas de me fazerem esquecer do ex, não eram os melhores, porém sempre funcionavam, eu achava até engraçado, o modo como ele me fazia bem, já não podia imaginar meu dia sem rir de alguma de suas piadas (que na maioria das vezes era sem graça) porém para mim eram as melhores piadas do mundo. Eu amava o meu palhacinho...

CONTINUA...❤

 


Notas Finais


Bom meus amores, é isso por hoje, vou tenta postar o próximo capítulo em breve, espero que estejam gostando, estou procurando colocar tudo detalhado para que entendam bem, caso tenham conselhos para melhorar a fic me mandem nos comentários. Bjos e até a próxima...😘❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...