História O meu ódio é você - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 15
Palavras 1.031
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Fluffy, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Resolvi reescrever o primeiro capítulo...
Então espero que gostem💞
Boa leitura mores💖

Capítulo 1 - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction O meu ódio é você - Capítulo 1 - Capítulo 1

{ Naomi}

Minha vida nunca foi uma das melhores. Rejeitada por meu pai e colegas de classe, sempre fui uma menina que vivia apenas no meu mundo, era isolada, estranha, anti social. Tive apenas uma amiga a vida toda.

Fui muito humilhada no passado. Aprendi com o mundo a me defender de tudo e de todos. 

Meus pais eram a única família que eu tinha, mas minha mãe morreu de câncer quando eu era muito nova, então meu pai começou a beber muito, tanto que chegava a me bater as vezes. Mas ele era a única pessoa com quem eu podia morar. Minha mãe, antes de morrer, deixou um colar de prata com um coração como pingente, eu o uso todos os dias des do seu falecimento.

Amanhã começam as aulas e eu vou para o primeiro ano da faculdade. Vou cursar fotografia, minha maior paixão é tirar fotos.

*Corte de tempo*

Hoje é o primeiro dia na faculdade. Vou tentar ser menos fechada e me inturmar mais.

Quando acordei, me levantei e fui até o banheiro e fiz minhas higienes, voltei para o quarto e comecei a procurar uma roupa para vestir. Peguei uma blusa simples branca, uma calça de jeans claro rasgada no joelho e amarrei uma blusa xadrez vermelha na cintura. Nunca fui de usar roupas estilo princesinha. Acabei de me vestir, fiz um coque meio bagunçado no cabelo, coloquei minha correntinha e coloquei meu all star preto. Saí de casa apenas com a mochila. Resolvi passar em uma cafeteria, pois não comi nada antes de sair de casa. Pedi um capuchino e fui para a faculdade tomando o mesmo. Acabei de tomar e joguei o copo em uma lixeira na rua.

Quando cheguei na faculdade fui procurar minha sala e logo encontrei. O sinal tocou e todos foram para suas respectivas salas. Não conhecia ninguém ali e não havia achado ninguém interessante. Apenas me sentei no fundo da sala sem falar com ninguém. As primeiras aulas passaram rápido e o sinal para o intervalo havia tocado. Fui até o refeitório, peguei uma bandeja com comida e me sentei em uma mesa um pouco isolada da multidão. Enquanto eu comia, um menino veio até mim. Levantei meu olhar para enxergá-lo melhor. Ele tinha a pele clara, olhos misteriosos e brilhantes, cabelos negros e usava roupas no mesmo estilo que eu.

Não demorou para ele quebrar o silêncio:

***: Meus amigos disseram que era pra eu vir conversar com você, mas confesso que não estou com a mínima vontade de começar um diálogo com uma menina que não sabe sorrir.

Naomi: Tarde demais, já começou– voltei a comer.

***: Nossa, curta e grossa, gostei de você, temos o mesmo estilo. Prazer em te conhecer meu nome é Yoongi.

Naomi: O prazer é só seu mesmo, mas o meu nome é Naomi.

Yoongi: Não sou de elogiar as pessoas, mas você e muito linda.

Naomi: Vai ficar aqui por muito tempo?

Yoongi: Não gostou da minha comanhia?

Naomi: Eu perguntei primeiro.

Yoongi: Pretendo ficar aqui até o sinal tocar.

Naomi: Que pena.

Yoongi: Sorria, essa é a segunda coisa que você pode fazer com a boca.

Naomi: Sério? E qual é a primeira?

Yoongi: Me beijar.

Naomi: O seu pai trabalha na indústria de plástico? Porque você é um saco.

Yoongi: É realmente uma pena que você pense isso de mim, porque eu andei te observando e eu fui o único que quis vim falar com você até agora.

Naomi: Não falei com ninguém porque eu não quero falar com ninguém.

Yoongi: Você deveria tratar as pessoas melhor, por isso que ninguém gosta de você.

Naomi: Quando eu quiser a sua opinião sobre a minha vida eu peço, Okay?

Me levantei e saí dali o mais rápido possível. 

Nunca ninguém gostou de mim, por que esse garoto iria querer falar comigo agora?

Para a minha salvação o sinal tocou, eu fui correndo para a sala. Entrei e me sentei. Logo todos os alunos foram entrando, então pude perceber que o garoto que havia ido falar comigo lá fora era da mesma sala que eu.

A aula toda ele ficou me olhando. Me senti um pouco incomodada, mas tentei prestar atenção no que o professor dizia. 

As aulas se passaram e eu fui uma das últimas pessoas a ficar na sala, então comecei a arrumar minhas coisas para ir embora e me levantei caminhando em direção ao portão da faculdade. Eu fui para casa, quando cheguei, meu pai disse que tinha uma pessoa me esperando me esperando no meu quarto. Fiquei curiosa para saber quem era, então subi as escadas o mais rápido possível, quando abri a porta do quarto, me deparei com Kyuna sentada em minha cama.

Naomi: Não acredito que você tá aqui.– falei indo abraça-lá. Ela se levantou e retribuiu o abraço.

Kyuna: Estava com muita saudade de você – falou ainda me abraçando.

Nos separamos. 

Naomi: Você não sabe o inferno que tava a minha vida sem você. Nunca mais fique tanto tempo longe de mim. 

Kyuna: Eu prometo que não vou mais sair do seu lado.

Ficamos colocando os assuntos em dia por um bom tempo.

 Kyuna foi a única pessoa que conseguiu conversar comigo e que me ajudou durante todos esses anos. Nós sempre fomos muito próximas, mas ela teve que viajar à três anos atrás por conta de sua família.

Kyuna precisou ir embora mas prometeu que iria na faculdade amanhã, então fui me arrumar para ir ao trabalho. Eu trabalho em uma lanchonete no turno da noite, pois quero juntar dinheiro para compra um apartamento só para mim. 

Quando acabei de me arrumar, saí de casa. Cheguei na lanchonete e comecei a trabalhar. 

*Quebra de tempo*

Faltavam poucos minutos para o meu turno acabar. Entrou um rapaz e se sentou, então a menina que fica no caixa disse para mim atende-lo, foi o que eu fiz.

Cheguei ao lado da mesa e percebi que era Yoongi que estava ali. Falei normalmente com ele, que fez o pedido. Fui até o balcão, entreguei seu pedido e logo levei o pedido pronto até a mesa. Como meu turno tinha acabado, fui me trocar para ir para casa.

Saí da lanchonete e vi que Yoongi começou a me seguir, então comecei a andar mais rápido. Ele me alcançou, segurou meu braço e me virou para olha-lo. 

Naomi: O que você quer comigo.

Ele ficou calado...



Continua...



Notas Finais


Então por hoje é isso...
Espero que tenham gostado💟
Kissus de diamente *-*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...