História O Meu Sonho... - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Interativa, Sonho, Tempo
Exibições 68
Palavras 1.088
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá! Demorei uma eternidade, certo? Peço mil perdões! A vida de uma estudante é muito difícil. E a minha criatividade estava muito baixa.

Bem, não vou enrolar! Espero que gostem desse capítulo!

Capítulo 8 - #6 Uhuuu, melhor dia da minha vida!


Fanfic / Fanfiction O Meu Sonho... - Capítulo 8 - #6 Uhuuu, melhor dia da minha vida!

14/05/2014  12:58  Coréia do Sul

POV's Sah 

"OIII ALIENS! Bom, no vídeo de hoje eu vou..."

Estava gravando um vídeo para o meu canal. Sim, eu tenho um canal no YouTube, ele chama "fcksunn".

"... eu vou fazer um cover de uma música do BTS. A música se chama Just One Day..."

Sim, além de tudo isso faço covers. Não só do BTS, mas de vários outros grupos também. Também amo de coração fazer vídeos sobre games, é uma paixão muito grande. Não que eu queira me gabar, realmente, mas tenho 5.453.728 de inscritos. A melhor coisa do mundo é quando as pessoas gostam de algo, que é o que você gosta de fazer... Ficou meio confuso, não? Bem, o que quero dizer é que... Eu gosto de ser uma Youtuber.

Quer dizer, deixe eu me apresentar primeiro. Meu nome é Park Sasah Kwon, mas pode me chamar de Sah, Sunn ou Candy, o que você preferir. Tenho 17 anos, e acho que deu pra perceber que gosto do YouTube, certo? Certo. Vamos continuar.

Eu gosto de cantar, e pelo visto, as pessoas também. Tinha acabado de gravar um vídeo para o meu canal, só faltava edita-lo.

— Sah! Vem comer! — A minha irmã estava me chamando para ir à  cozinha.

— Já vou! — Disse, começando a guardar as coisas que havia usado para as filmagens.

Minha irmã? Sim. Na minha família só tem eu e a minha irmã, meus pais acabaram morrendo... Bem, posso falar que considero a minha irmã como uma segunda mãe para mim. Eu tenho um grande orgulho por ter ela cono minha irmã, além de ser uma boa mãe, ela também fez eu ter um grande sonho.

Vamos apresentar ela. O seu nome é Yuri. Já ouviu ele? Te lembra algo? Acho que sim. Porque ela é a Yuri do Girls Generation. Ela é o tipo de exemplo para mim. Ela decidiu ser cantora, não só por ser seu sonho, mas para conseguir me sustentar. Sempre penso que devo muito à ela. Mas agora que sou Youtuber, consigo ajudar a minha irmã nas despesas.

Depois de arrumar as coisas, fui direto para cozinha comer. Porque comer é uma coisa muito boa, certo? É. O engraçado é que como e como, mas não engordo.

— Cheguei. — Disse, me sentando na cadeira.

— Demorou, não? — A Yuri perguntou.

— Desculpa, estava arrumando as minhas coisas para gravação de um vídeo — Disse, meio envergonhada.

— Tudo bem, deu pra perceber que você estava cantando — A minha irmã disse, tentando me provocar.

— Para — Disse, dando um sorriso tímido. — Eu tenho que seguir o meu sonho, certo? — Disse.

— É claro... — Ela disse, dando o sorriso mais simpático. — Bom, vamos comer logo!

— Vamos! — Disse, animada.

~Depois do Almoço~

Bom, eu já comi o almoço, que estava uma delícia. Decidi passear um pouco na rua. É bom fazer uma caminhada, certo? Sim, então vamos lá!

Além de ser bom fazer uma caminhada, também faz bem pra de digestão, não é? Deve ser.

Eu sei que já almocei, mas queria comer algo doce... Tudo bem fazer, né? Vou comer algo de qualquer jeito.

Fui para uma cafeteria mais perto, além de querer comer algo doce, também queria tomar um café. Sempre é bom fazer uma parada pro café. Nunca vi uma cafeteria tão linda como essa, ainda mais com esse cheiro q vinha dentro dela... Era perfeito. Por ser um lugar maravilhoso, me deixava feliz, me sentia calma. Bom, não era de ficar pensando na vida, é hora de tomar um café e comer algo.

~Mais tarde~

Ahhh, como é bom comer<3 Bem, é melhor eu voltar para casa, antes que fique tarde.

Estava em frente à porta da cafeteria, até que... Awnt<3 Que cachorrinho fofo é esse. Não aguentei, tinha que ir até o cachorro, mesmo se tivesse com o dono.

— Que cachorrinho fofo — Disse, fazendo carinho no cachorro.

— Obrigado — A dona do cachorro disse.

— Af, sério? Em frente a cafeteria? — Um cara disse, saindo da cafeteria. — Por que tem que ter essa coisa nojenta em frente daqui?

O que? Foi isso mesmo que eu ouvi?

— Moço — Disse para o cara. — Desculpe falar desse jeito, mas, você tem que respeitar os cachorros, não acha? — Perguntei.

— Por que tenho que respeitar um negócios desses fedorento? — Ele disse, todo irritado.

— Porque ele é um animal, e merece respeito como qualquer um. — Disse para o cara.

— E quem é você para me falar? Ah! Vai se fu**! Tanto pra você quanto pro cachorro! — Ele disse, saindo de lá.

Ai meu Deus... Por que nesse mundo existe pessoas assim? Dá uma vontade de fazer um "Expelliarmus"( para quem não sabe, é um feitiço do Harry Potter) nele, não? Como queria fazer isso com ele agora.

— Não se preocupe, o seu cachorro é muito fofo, não precisa ficar se preocupando com um babacas desses — Disse para a dona do cachorro.

— É claro, é o melhor cachorro que posso ter. — Ela disse, dando um sorriso.

— Você também não precisa se preocupar— Disse para o cachorro, dando carinhos nele.

Nesse momento, o cachorro colocou algo na minha mão, como se tivesse jogado algo e ele me trouxesse de volta. Era um colar, que lindo... Fiquei observando ele por um momento.

— Bom, tenho que ir— A dona disse.

— Tchau —Disse, meio boiando por causa do colar.

Só me dei conta que o colar não era meu quando a dona já tinha ido. E agora? Aish! Ainda estou brava com aquele cara. Mas, acho que é melhor voltar aqui amanhã, para encontrar a dona do cachorro e devolver o colar. Agora, é melhor voltar.

~Voltando pra casa~

— Demorou um pouco para voltar, não? — A minha irmã disse.

— Desculpa, aconteceu alguns imprevistos. — Disse, meio triste.

— Tá bom, você me conta depois. Agora, acho melhor você tomar um banho... — Ela disse.

— Obrigada — Disse, indo tomar um banho.

~À noite~

Fiquei melhor, depois de desabafar com a minha irmã. É bom fazer isso, né? Mas também as vezes é chata... Ela disse que já era para eu dormir, porque está tarde. Mas é assim que é uma família, e ela se preocupa comigo, no fundo eu sei disso. Mas agora, eu tenho que dormir, até amanhã...

~Próximo dia~

" Uhuuu, melhor dia da minha vida!"


Notas Finais


E aí ficou bom? Espero que sim. Bem, não vou falar o dia que vou postar, porque não sei se vou conseguir postar no dia. Mas vou tentar postar o mais rápido possível!

Só falta mais uma! Meu Deus! Só falta mais uma! Aí que vai começar a história mesmo! Estou tão ansiosa!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...