História O mistério da criança Anny; Fanfic JungKook - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan, Bts, Fanfic Jungkook, Mistério, Romance, Sci-f, Sobrenatural
Exibições 64
Palavras 746
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Ficção, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Sci-Fi, Shonen-Ai, Slash, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Canibalismo, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi passoas! Desculpem a minha demora na postagem e pela exclusão dos capítulos, mas aconteceu que eu tive que fazer isso, porque eu estava com dificuldades de continuar daquele jeito, agora eu irei escrever melhor e não irei apagar, prometo, essa é a última vez que eu atualizou, promessa é divida.
Sobre a imagem do capítulo, a Anny não tem tatus tá, foi só um cover que encontrei e eu decidi pegar para imagem do capítulo.

Capítulo 1 - "O mistério de JungKook"


Fanfic / Fanfiction O mistério da criança Anny; Fanfic JungKook - Capítulo 1 - "O mistério de JungKook"

"O mistério de JungKook"

Passos pesados contra o solo coberto por folhas secas, eu corria ofegante e cansado, esperando conseguir me esconder dele, meus músculos tensos e enrijecidos, não tinha para onde eu ir, o único lugar que eu poderia achar seria a cabana na árvore, mesmo eu não tendo certeza corri mais e mais rápido por entre as árvores, estava escuro e se não fosse por minha lanterna eu teria batido em uma ou duas árvores no caminho.

Eu avistei a minha frente a casa na árvore e felicidade preencheu meu coração mesmo que ele ainda ficasse apertado e medroso. Num impulso certo eu pulei num dos galos e comecei a escalar a robusta árvore. Quando eu finalmente alcancei a corda da porta e fui puxá-la, uma mão comprida pegou em meu pé direito e me puxou com força para a direção do chão, eu bati a cabeça no processo. Esperei qualquer outra ação da criatura, mas nada veio, foi então que eu abri meus olhos e avistei a escuridão a minha volta. O cheiro familiarizado do meu quarto fez-me relaxar os músculos tensos de volta no colchão macio. Eu sentia cada canto do meu corpo molhado de suor. E ali estava eu, vivendo mais uma vez do mesmo pesadelo.

[. . .]

- JungKook? Arrumou sua mochila? - minha Omma me perguntou enquanto eu comia do meu desjejum quieto.

- Sim Omma! Arrumei ontem de noite - eu avisei sem olhá-la, com certeza ela estava procurando contato visual comigo, eu apenas comia quieto sem querer chamar atenção ou trazer trabalho para minha Omma.

- Dê o seu melhor filho, por favor, ok? Essa escola é uma das melhores de Seoul. Eu e seu pai estamos muito orgulhosos de você. Por favor filho, não estrague esta oportunidade - ela pegou em minha mãe e eu a olhei pela primeiro vez, e seus olhos estavam mais brilhosos que o de costume, eu sorri para ela, tentando a confortar e não fazer minha mãe chorar, o que ela estava prestes a fazer.

- E nada de arrumar namoradas - disse Kira, minha irmã mais velha, entrando na cozinha, mamãe entendi de um jeito, mas eu e Kira entendiamos de outro - Seus estudos são mais importantes agora você sabe - ela sentou-se com um copo de café morno nas mãos a minha frente. Eu assenti e voltei a encarar minha comida.

Sufocado. 

Eu me levantei assim que acabei de comer e avisei minha Omma que estava de saída, beijei sua bochecha e fui para a porta, onde estavam meus sapatos e minha bolsa, coloquei um par preto e sai de casa dando um último adeus para todos. Eu desci o degrau da casa e caminhei pela pequena área antes de abrir o portão e sair para o meu primeiro dia de aula.

Sinto-me sufocado. Meu peito está caindo.

Adentrei a porta da sala e o professor geral chamado Jin me apresentou aos alunos, eu me sentei em um assento perto de uma garota de cabelos tingidos de laranja, ela era bonita, mas quem me chamou mais a atenção, foi a menina a sua frente, seus cabelos eram curtos e negros, seu pescoço era muito pálido e seus ombros eram magros, as meias na panturrilha, a saia cobrindo as coxas, o blazer escolar cobrindo os braços e pulsos, ela era linda de costas, e eu não via a hora de vê-la de frente.

- Muito bem, façam duplas, vocês terão que fazer uma pesquisa para mim. JungKook... - olhei diretamente para o professor quando o mesmo me chamou, eu fiquei bem apreensivo com suas próximas palavras - ... Sente-se com Jung Anny, ela irá te ajudar por enquanto - ele pediu e eu apenas assenti, mas levantei a mão e ele me atendeu logo depois.

- Desculpe professor, mas quem é Jung Anny? -

- Sou eu! - a voz suave invadiu meus ouvidos, e aquilo passava e repassava na minha mente, eu gravei aquela fala, pois Anny era minha nova paixão, de olhos frios e indiferentes, ela era linda, sua pele pálida contrastava com seus olhos castanhos mel, enquanto seus lábios rosados e medianos estavam parados, inertes, esperando qualquer oportunidade para se abrirem. Ela não usava maquiagem, um pouquinho se quer, diferente de todas as outras meninas da sala que apresentava um desfile ridículo de cores.

- Então vamos começa - disse o professor me chamando novamente para terra.

Me salve, me faça respirar mais uma vez.


Notas Finais


Ei! Ficou bom? Espero que sim, obrigada por tudo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...