História O mundo de Lyra - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Lyra
Exibições 7
Palavras 792
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Esta fic é de uma amiga minha ela pediu-me para a enviar para o social Spirit , porque ela não quer postar.

Capítulo 1 - Sou a Lyra


    EM PAUSA

Narrador: Passaram dois anos depois a grande vitória da Dawn na liga Sinnoh muita gente decidiu experimentar os combates pokemon e gritar agora é considerado um talento.

Ei eu sei que estavas a gozar!

Narrador: Tecnicamente sim estava. Quem no mundo é que gosta de barulho?

Eu!

Narrador: Ai mas que pessoazinha!

Olha lá porquê que eu sou a pessoazinha?

Narrador: Porque és uma pessoazinha!

Isso nem sequer faz sentido!

Narrador:Passou a fazer.

Meninas, meninas e senhoras o Arceus chega para todas. (diz o Arceus piorando a situação)

CALA A BOCA SEU POKEMON MANHOSO!

Dawn o quê que me chamas-te? (diz o Arceus zangado)

Repete o quê disseste.

Dawn o quê que me chamas-te? (diz o Arceus )

(A Dawn começa a rir)

Qual é a piada? (pergunta o Arceus)

Tu não consegues GRITAR!

(O Arceus fica envergonhado)

Narrador: Não te preocupes Arceus todos somos gozados uma e outra vez na vida.

Que convincente. (diz o Arceus sendo irônico)

Narrador: Mas a sério Arceus é um bocado estranho porque tu és....

O pokemon mais forte do mundo. (diz o Arceus)

Narrador: Eu não ia dizer isso mas também serve. E ela é tua treinadora e gritar é o talento dela e o facto de tu não conseguires gritar é um pouco constrangedor.

Falemos de outra coisa! (diz o Arceus)

Narrador: Adeusinho!

Dawn!? O que é isso? (Pergunta o Arceus)

Creme de baba de caracol.

Pousa isso! (diz o Arceus)

Porquê?

Para que queres isso? (diz o Arceus)

 Vou pregar uma partida a Laki!

O quê nem penses em desperdiçar creme de baba de caracol faz maravilhas a pele! (diz o Arceus)

E?

Vou contar-te uma historia sobre uma menina que se tornou campeã de Johto como tu de Sinnoh e aprendeu a amar. (diz o Arceus)

SECA!!!!!

EU NEM SEQUER COMECEI! (diz o Arceus)

Pronto começa-lá!

                  ON PLAY

Bom dia Lyra está na hora de acor... Este quarto está uma bagunça como sempre comida no chão, mangas e livros fora da prateleira  e o quê é isto? Isto também é normal nega nos testes de matemática. (diz a mãe da Lyra)

(a Lyra começa a ressonar ainda mais alto)

Que vergonha nem acredito que ela é minha filha. Exatamente cara do pai. Bem não há outro remédio. (diz a mãe da Lyra)

AHHHH! ESTÁ FRIA!!!

                      EM PAUSA

Olha lá onde é que está a parte em que tu dizes que a partida que quero pregar é má?

EU ANIDA ACABEI DE COMEÇAR!

Pronto, pronto continua-lá.

Como eu ia dizer...(diz o Arceus)

                     ON PLAY

 MÃE QUANTAS VEZES É QUE EU TE DISSE PARA NÃO ME ACORDARES ASSIM!

Desculpa filha mas não há outra maneira de te acordar. (diz a mãe da Lyra)

Lembras-te do meu rádio?

Ah o rádio. Bem é uma história engraçada. (diz a mãe da Lyra)

Tu partiste-o não foi?

Foi um acidente desculpa querida. (diz a mãe da Lyra)

Mãe a Lyra já acordou? (pergunta a Kris irritada)

Sim Crystal mas vê se não discutem! (diz a mãe da Lyra)

Então finalmente decidiste sair do teu sono de beleza. (diz a Kris)

Kris quanto tempo falta?

5 minutos. (diz a Kris)

5 MINUTOS! KRIS PORQUÊ QUE TU NÃO ME AVISAS-TE MAIS CEDO? 

Como é que achas que a mãe ia passar por esta muralha de lixo que é o teu quarto? (pergunta a Kris)

Eu odeio-te tanto Kris. (cai da cama)

Eu também te odeio e muito Lyra desastrada. (diz a Kris)

Bem eu não tenho tempo para isto eu tenho de ir a casa de banho ou banheiro ou sei lá. (sai do quarto e cai das escadas)

Ai que dor! (diz o Ethan)

Oh meu deus peço imensa desculpa Ethan. (corada)

Não tem problema. (diz o Ethan corado)

Kris o teu namorado chegou! (grita a mãe da Lyra)

       EM PAUSA

O que foi agora? (pergunta o Arceus)

Já acabas-te?

Eu ainda estou no inicio. (diz o Arceus)

Sério? 

SIM! (diz o Arceus)

Mas que seca quem é que quer ouvir uma história de um triângulo amoroso.

Narrador: Eu quero!

Calei-me!

                         ON PLAY

Hey  prince. (diz a Kris)

Estás linda como sempre. (diz o Ethan)

 Muito bem pombinhos vão lá para escola. (empurrando o Ethan e a Kris)

Lyra porquê que os despachas-te? (pergunta a mãe da Lyra)

A uma razão mas eu não te vou dizer nada!

Como queiras ainda só tens 2 minutos! (diz a mãe da Lyra)

2 ! EU ODEIO-VOS A TODOS! 

                                 EM PAUSA

Outra vez Dawn? (pergunta o Arceus)

Não podemos continuar.

Eu não posso deixar mal os fãs da história. (diz o Arceus)

Não me refiro a isso.

Tu partiste outro comando não foi. (diz o Arceus)

Sim! Foi um acidente não tive culpa! 

Narrador: Dawn tu não tens remédio!


Notas Finais


A S. é muito tonta de vez enquando.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...