História O Mundo dos Mortos - Amor Doce - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Agatha, Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Charlotte, Iris, Kentin, Kim, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Personagens Originais, Priya, Rosalya, Violette
Tags Alexy, Amor Doce, Anime, Armin, Castiel, Dragões, Fantasmas, Kentin, Lysandre, Nathaniel, Seres Misticos, Seres Mitológicos
Exibições 141
Palavras 814
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishounen, Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Harem, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Primeiro capítulo bem simples só pra mostrar a chegada de Howaito { ou Kiberi } na nova escola: Sweeto Lovel, na cidade Central Death.

Capítulo 1 - Oi! Eu sou a Howaito!


 

Tokyo Sky, Segunda, 06:27 AM, Howaito P.O.V

*Despertador com som tenebroso* { Sabe aquelas musiquinha UUUUUUUHHHH quando aparece fantasma, então }.

*Ronco de troll* { mesmo sendo fantasma }.

--AHHHHHHHHHHH! - Grito do despertador fantasmagórico.

-- AHHHHHHHHH! O QUE-? OWOW - PAFT. - Caio no chão assustada com o barulho do meu despertador.

-- Ai...Já é a milésima vez que eu caio de cabeça no chão. Não sei porque faço questão de deixa-lo no quarto e não comprar um outro... - Digo passando a mão na nuca onde tinha batido.

-- Talvez porque você tem preguiça de sair de casa e só sai em dias de chuva ou na semana Ame*. - Diz minha tia Agatha, uma fada, abrindo a porta do meu quarto.

-- *Suspiro* quem sabe....

-- Não é você que deveria saber? - Diz minha tia em tom sarcástico. - De qualquer forma, hoje é seu primeiro dia na escola certo? Não vai querer chegar atrasada vai? 

-- Oh, é mesmo, meu primeiro dia de aula..... Na escola Sweeto Lovel.... É MEU PRIMEIRO DIA! - Me lembrando disso, repentinamente grito.

Sem esperar minha tia dizer algo me teleporto pro banheiro onde tomo um ótimo banho { pra fantasma }. Quando o termino,  volto pro meu quarto e vejo que minha tia não está mais la.  Abro o guarda-roupa e tento decidir qual é a melhor. Depois de 10 minutos eu decido uma roupa bem clássica: Uma camiseta branca escrita Keep Calm and love Kpop, um shorts jeans escuro, uma meia preta ate a coxa ( 3/4 eu acho ) e um all star preto de cano longo. Pego minha mochila que ja estava arrumada graças a minha tia e vou pra cozinha.

-- Então?Ja preparou o seu discurso para se apresentar. - Pergunta ela, curiosa.

-- Mas é claro.Me preparei perfeiramente pra esse dia desde que me informaram da minha matrícula na escola. 

- Hmm, tá se achando hein. De qualquer forma pegue esse lanche e coma lá porque você ja está atrasada.

--ok. - Pego o lanche da mão dela e só dou um DASHI RUN em direção à escola.

 

Central Death, Segunda, 7:15 AM 

Eu estava na entrada da escola, nem peguei ônibus,  vim voando mesmo. Quando dei um passo a frente vi alguns alunos no pátio. Uma pessoa com aura de demônio que possuía cabelos vermelhos com olhos pretos escuros e penetrantes. Tinha uma face meio debochada, como se acabasse de rir de uma verdade ridícula ou uma piada de mal gosto. Ao seu lado havia um ceifeiro de cabelos brancos com pontas acinzentadas e prateadas. Tinha olhos de duas cores,  aparentando ter heterocromia. Os olhos possuiam as cores de verde e amarelo. Tinha uma expressao que continha uma sombrancelha arqueada, como se o que acabará de dizer não fosse nada engraçado.

Você deve estar se perguntando: Como eu sei disso?

Sou um fantasma, então consigo sentir a aura das pessoas que ja morreram e ver por através de sua alma.

Aparentemente, notando meu olhar, o demônio de cabelos vermelhos, vira os seus olhos em minha direção. Rapidamente desvio o olhar. Tarde demais~

-- Ei, o que você pensa que está olhando? Sei que sou bonito, mas não precisa me fitar. Parece que vai me comer com os olhos. - Diz ele,  em tom sarcástico.

O que? Isso foi demais.

-- Você? Bonito? Comer você com os olhos? Ha, bela piada. Deixa eu adivinhar, vocês estavam falando sobre sua indelicadeza, não é mesmo senhor demônio? - Digo em tom desafiador e vitorioso.

-- Como sabe que sou um demônio? Estava me stalkiando? - Pergunta ele duvidoso, mas notavelmente me zoando. 

-- Castiel.. Vamos parar com as brincadeiras de mal gosto por favor. - Diz o rapaz ceifeiro que estava do lado dele. 

Então o nome do demônio arrogante é Castiel, huh? 

-- Tudo bem senhor ceifeiro - Digo em tom gentil, mas quando me viro para o Demonio Marrento, meu tom muda para irônico - Aparentemente seu amiguinho não sabe que fantasmas conseguem ver a aura e alma das pessoas

-- Você é uma fantasma??! - Os dois perguntam em uníssono, muito surpresos.

-- Sim, eu sou. Mas vocês não deveriam saber? Digo, ceifeiros cuidam das almas e as tem muitas vezes como empregadas ou ajudantes. A mesma coisa aos demônios.

-- É que nós não temos muito controle de nosso poderes. Sem mencionar que fantasmas como você são raros....

-- Talvez....De qualquer forma preciso falar com o representante sobre minha inscrição. Até mais senhor Castiel vulgo demônio marrento pra caramba - Quando eu falo isso ele arqueia uma sombrancelha - e senhor...

-- Lysandre - Ele diz  com um pequeno sorriso.

-- E senhor Lysandre ceifeiro fofo e gentil. - Quando falo isso dou um sorrisinho animado, ato que o deixa meio sem jeito. Depois disso, vou em direção a entrada do corredor, deixando eles sozinhos.

 

Fim~


Notas Finais


Continuei~ Provavelmente está curto, mas só é o primeiro capítulo. Até o próximo~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...