História O Namorado Da Minha Irmã - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Dajan, Dakota, Debrah, Iris, Kentin, Kim, Leigh, Lysandre, Melody, Nathaniel, Personagens Originais, Priya, Rosalya
Exibições 42
Palavras 1.688
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 5 - Lysandre e Melissa?


Fanfic / Fanfiction O Namorado Da Minha Irmã - Capítulo 5 - Lysandre e Melissa?

Eles foram cantando as músicas do RBD o caminho todo, até chegarem em uma boate chamada “Inferno”. Eles entraram na casa noturna, reservaram uma mesa e foram dançar.

Mia: Legal essa boate! Vocês já tinham vindo aqui?

Rosa: Sim! Eu e o Leigh viemos aqui direto!

Alexy: Pena que meu boy não quis vir...

Melissa: Quem sabe você não arranja um aqui? – faz uma cara safada

Alexy: Naum! O Kentin que é meu! Eu não vou trair a confiança dele!

Mia: Alguém quer cerveja?

Rosa: Mas pera, quantos anos você tem?

Mia: 16. Porque?

Rosa: Só podem beber pessoas adultas! Ou seja, de 18 anos pra cima!

Mia: E você acha que eu não sei? Por isso mesmo que peguei sem álcool!

Rosa: Então tudo certo e vamos se jogar!

Mia entregou para cada um, uma cerveja sem álcool e foram dançar.
Mas antes de irem para a pista de dança, Melissa pediu ao DJ para colocar a música “Wanna Play” a mais erótica do RBD.
Enquanto a galera toda se divertia, no quarto do internato estavam Castiel, Armin e Lysandre

Castiel: Pois é cara! Elas são mó legais!

Lysandre: Jura? As novatas?

Castiel: Sim! Principalmente a ruivinha!

Lysandre: Acho que já vi ela...

Castiel: E você Armin? Armin? – Castiel joga um travesseiro na cabeça do amigo

Armin: OQUE É, AFF

Castiel: Ih, olha Lysandre! Ele estava no mundo da lua! Deve ter conhecido uma garota nova! – riu Castiel

Armin: Me deixem

Lysandre: Mas sério, diz aí cara!

Armin: Ok eu falo! Você acertou Castiel! Eu conheci uma menina nova aqui no colégio!

Castiel: Olha aí? Não falei?

Lysandre: Deixa ele falar! Continue Armin

Armin: Enfim, eu estava voltando do ginásio quando ela estava guardando os livros quando esbarrou em mim

Castiel: Mais um clichê! Odeio isso

Lysandre: Qual era o nome dela?

Armin: Mariana. Mas ela pediu que eu a chamasse de Mari

Castiel: Vish... Quando eu e as meninas estávamos na biblioteca ela chegou toda radiante... Assim como você tava agora!

Armin: J-jura? Sério mesmo? – Armin cora

Castiel: Seríssimo

Lysandre: Casalzinho apaixonado! Hummmm

Castiel: Essa garota chegou na hora certa! Porque quem sabe apaixonado, você não larga esse maldito PSP?

Armin: Aff Castiel! Falando assim você até parece o Alexy!

Castiel: Kkkkkkk

Na sala do 5° ano, Ambre estava impaciente esperando por Mia, já que ninguém apareceu, ela resolveu perguntar a seu irmão

Ambre: Ei Nathaniel! Cadê a Mia?

Nathaniel: Ela desmaiou e eu a levei até seu quarto.

Ambre: Oque? Então eu vou ter que fazer tudo isso sozinha? – Ambre faz uma cara de ódio

Nathaniel: Se você quiser... Sim!

Ambre: Ah mais isso não fica assim!

Ambre largou tudo no chão, e foi até o quarto de Mia, para dizer umas “verdades” na cara dela. Mas oque ela “não encontra” lá, não a deixa satisfeita

Ambre: CADÊ A MIA? – berrou

Nathaniel: Como assim? Ela está aqui no quar... – Nathaniel foi interrompido pelo susto que teve

Ambre: Ela fugiu! E as amigas dela também não estão aqui! Vamos procurá-las!

Os dois andaram o colégio inteiro procurador por ela. Cada canto, cada sala, eles olhavam para ver se tinham pista da garota. Até que foram para o quarto dos meninos

Ambre: Cadê a amiguinha de vocês? A Mia? – abre a porta com violência

Castiel: Ih, tá ficando louca? Ninguém aqui sabe onde ela tá!

Armin: Estão loucos? Saiam daqui!

Nathaniel: É sério! Alguém tem que saber onde ela tá!

Castiel: *GLUP* – Castiel engoliu o seco

Lysandre: Cast, você sabe de alguma coisa, não sabe? – Lysandre sussurrou para o amigo

Castiel: Digamos que sim...

Armin: Não estão vendo que ela não está aqui? Então f-o-r-a! – Armin bateu a porta na cara dos dois

Nathaniel: De todo jeito, ela vai ter uma surpresinha quando chegar!

Na boate...

Mia: Uhuull! Que legaal!!!

Rosa: Tô amando! Vamos dançar mais um pouco!

Alexy: Melissa, menina! Você tá bêbada!

Melissa: C-como pode? Era sem álcool!

Alexy: Dá pra ver na sua cara! Parece que você rodopiou umas 100 vezes!

Melissa: Deixa disso! V-vamos dançar!

Todos estavam na pista de dança, Rosalya e Leigh beeem agarradinhos, enquanto Alexy, Mia e Melissa se jogavam na dança.
Já eram 01:30 AM, como o grupo viu que era tarde demais, voltaram para o colégio cantando a música: “Nací Para Amarte” já que Mia era MUITO fã do RBD.

Melissa: Uhulll!! Nací para amarte, mi vida entregarte... – Mia tapa a boca da irmã

Mia: Ficou louca? Quer que alguém nos descubra?

Melissa: Eu só quero dormir... Minha cabeça tá quase explodindo!

Mia: Vamos! E agora, silêncio!

[...]

Nathaniel: E aí? A festa estava boa? – Nathaniel se impõe a frentes das duas, com um ar autoritário

Mia: N-Nathaniel??

Nathaniel: Eu mesmo! Onde estavam a essa hora da noite?

Mia: N-nós estávamos... Er... Na varanda! Isso! Estávamos contemplando as estrelas! – Mia diz nervosa

Nathaniel: Sério? Indo apenas para a varanda? Tão arrumadas assim? – Nathaniel olhou as meninas de cima a baixo

Mia: É sério acredite em nós!

Melissa: Pois é...

Nathaniel percebeu que Melissa estava com uma lata de cerveja na mão, então tudo se esclareceu

Nathaniel: AH, ENTÃO ESTAVAM BEBENDO?

Mia: Olha, você quer saber de uma coisa? Estávamos bebendo, em uma boate dançado e se divertindo enquanto você estava aqui, seguindo ordens daquela velhota que parece uma sobrevivente do Titanic! Você acha que pode mandar em todo mundo só porque é o representante da turma! E fique sabendo que pode mandar em todos! Mas em mim, você não manda!

Mia puxou Melissa pelo braço e foi correndo pro quarto bufando de raiva de Nathaniel.

Mari: Até que enfim chegaram!

Melissa: Eu tô morta! – Melissa cai na cama

Mia: Você não sabe o ódio que eu tô daquele loiro!

Mari: Vish... Oque ele fez?

Mia: Achando que pode mandar em todos, só porque é o preferido da diretora e o representante de turma!

Mari: Eu ainda não conheço ele... Mas tenta ser mais calma um pouco, poxa!

Mia: Ser mais calma? Nesse lugar que parece uma creche? Eu preferia passar minha vida toda num manicômio do que estudar nesse colégio!

Mari: Tá bom vai! Vamos dormir! – Mari que já estava de pijama, só fez pegar o cobertor e se cobrir

No dia seguinte, Melissa acorda vomitando e morrendo de dor de cabeça

Mia: Viu só? Eu falei pra você não beber tanto!

Melissa: Suas... *splahs* palavras vão estacar o vômito? Não! *splash*

Mari: O negócio aí tá feio, hein! – Mari gritou de baixo do quarto

Mia: Quando você estiver melhor, vá para a aula! Eu tô indo! Vamos Mari! – Mia vestiu seu uniforme, um blazer rosa e pôs sua gravata da mesma cor

Ambas saíram para a aula de História. Quando Mia entrou na sala de aula, Nathaniel olhava pra ela como se estivesse envergonhado

Alexy: Mia!! Cadê a Melissa?

Mia: Kkkk tadinha bebeu tanto ontem, que acordou vomitando!

Alexy: Kkkkk! Tadinha!

Prof: Então, jovens, lembrando que o trabalho é para próxima semana!

Mia: Ai... Meu... Deus... Eu vou ter que fazer dupla com a galinha despenada!

Mari: Quem é?

Mia: Tá vendo aquela loira imbecil, ali? Então, é ela!

Mari: E por falar nisso, eu não tenho dupla pra esse trabalho...

Mia: Eu posso arranjar uma dupla pra você... – Mia olha maliciosa para Armin

Mari: Sério? Aii! Valeu!

O professor deu a aula de história enquanto Mia e Ambre se olhavam mortalmente.
No intervalo, Mari estava estudando sentada nas mesas que tinha ao redor da piscina. Armin, do outro lado jogando PSP.

Mia: Rosa, eu vô ali rapidinho

Rosa: Aonde você vai?

Mia: Vou ajudar uma amiga...

Mia vai em direção de Armin

Mia: Armin!! Preciso falar com você!

Armin: Pode dizer

Mia: Então, você tem dupla pro trabalho de história?

Armin: Não! Porque a pergunta?

Mia: Porque eu conheço alguém que também está sem dupla e quer muito fazer com você!

Armin: Jura? Quem? Quem? – o garoto se anima

Mia: A Mari!

Armin: O-oque? A Mari? A japinha que eu conheci ontem?

Mia: A própria! Ah! E ela me falou umas coisinhas de você...

Armin: Oque ela disse?

Mia: Disse que você era lindo, que adoraria fazer dupla com você e que ela te amava muito!

Armin: Meu deus... Ok! Eu super aceito fazer dupla com aquela fofa!

Mia: Ótimo! Valeuzão! Armin! Ah! E encontra com ela lá na lanchonete do colégio hoje, ás 7:00! – Mia sai correndo

Armin: Kkkk essa menina...

[...]

Mia: Mari! Mari!

Mari: Nossa oque foi Mia?

Mia: O Armin... *puf puf* disse que quer fazer dupla com você!

Mari: Sério????

Mia: Seríssimo! Eu até estava conversando com ele agora!

Mari: Que ótimo!!! Onde posso encontrá-lo?

Mia: Ele disse que iria estar te esperando às 7:00 na lanchonete do colégio!

Mari: Aii!! Obrigada Mia! – a abraça

Mia: De nada! Agora vou voltar pra mesa!

Mia voltou para a mesa onde Rosalya ainda permanecia lá. Enquanto Melissa estava no banheiro, mais pálida que a morte.
Nesse exato momento, Lysandre passou por ali, e resolveu perguntar oque estava acontecendo:

Lysandre: Melissa? Você tá bem?

Melissa: Não... Você é o Lysandre não é?

Lysandre: Sim... Precisa de alguma coisa? Percebi que você está bem mal...

Melissa: Não, obrigada. – Melissa se senta

Lysandre: Vamos fazer assim, fica aí que eu vou ali na lanchonete pegar algo pra você comer, ok?

Melissa: Ok... Obrigada Lysandre!

No jardim do colégio, Mia e Rosalya continuavam conversando até que o celular de Mia toca e ela vai até a lanchonete atender. Lysandre também que estava indo pra lá, encontra Nathaniel e os dois acabam conversando.

⇜Mia: Ok, mamãe! Eu vou me cuidar!

⇜Lucy: Ok... Mas fica bem meu amor!

⇜Mia: Mãe para de drama! Eu tenho que ir ali... Tchau!

⇜Lucy: Tchau!

Mia, que mal conhecia Lysandre, se virou para voltar pra mesa.
No mesmo instante, Lysandre virou-se para pegar o lanche, então os dois olhares se cruzaram intensamente. Mia e Lysandre estavam paralisados contemplando o brilho nos olhos que permanecia em cada um deles.
Rosalya chamou Mia, a mesma quase não se mexeu só de olhos vidrados em Lysandre.
Eles, nem preciso dizer muita coisa, estava como se estivesse num paraíso contemplando a pessoa mais bela do mundo.

Continua...


Notas Finais


Sobre a troca de olhas dos dois no final, (só pra quem é fã de rebelde rsrs) imaginem o 1° encontro de Mia e Miguel :D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...