História O nosso amor... - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Shin Tsukinami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Yui Komori
Tags Diabolik Lovers, Incesto, Lemon, Mutilação, Shoujo, Violencia, Yaoi
Visualizações 20
Palavras 806
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OIEEEEE! Saudades?
desculpem-me ter sumido de novo de verdade, eu entrei em semana de prova '-' e arrumar tempo para escrever é quase impossível no meio disso,MAS! eu estou aquie com mais um cap, vou fazer de tudo para ñ ficar pequeno que nem o outro ok!
Boa leitura e até lá em baixo!

Capítulo 33 - Mais problemas.


Fanfic / Fanfiction O nosso amor... - Capítulo 33 - Mais problemas.

~Subaro~

Não gosto disso, nem um pouco, desde ontem o ayato anda ignorando o fato de eu ser o namorado dele, estava começando a entrar em desespero até que ele me assumiu pra garota que foi mecher com ele.

Eu ñ sei oque está acontecendo, se ele se arrependeu de me namorar, se ele quer um tempo para pensar, mas...depois que ele falou que precisava juntar a yui com o Laito...eu me pergunto se ele gosta dela agora e está tentando achar uma saída para não me magoar, so que todo esse processo está acabando comigo...haaaa! Porque que eu tenho que amar tanto esse ruivo idiota?! Porque tinhamos que ser irmãos?! 

-Subaro?-ayato me encarava vendo que estava completamente perdido em pensamentos e com uma expressão nada amigável.ele sorri e passa a mão no meu cabelo gentilmente.-no que estava pensando?-disse colocando as panquecas na mesa, assim que ele iria voltar para a cozinha eu o puxei e selei nossos lábios gentil e receioso com a sua reação.

-pensando porque não fizemos isso ainda.-ele me olhou estremamente assustado como se eu tivesse feito a pior coisa do mundo, nesse momento meu coração apertou, essa sensação...é tão desagradável.-ayato...oque está acontecendo? 

-na-nada...você só me pegou de surpresa...-ele disse e não olhou nos meus olhos, saindo outra vez para a cozinha e eu fui atrás dele.

Nada!? Nada?! A qual é?! Eu te conheço a 6 anos filhote de urso panda! você acha que eu sou algum tipo de idiota ou oque?!

-você sabe muito bem que eu sei que ñ foi só isso!!-falei ja bravo com aquilo.

-Haaaaa!!! MAIS COMO VC É CHATO !-ele disse bravo, me puxou pela camisa e me beijou, me deixando surpreso.-viu! Você está com a mesma cara que eu fiz! Já disse que ñ foi nada.

-eu te conheço! Sei que aconteceu alguma coisa!-eu disse insistindo para que ele falasse.

-oque eu tenho que fazer para você tirar essa ideia da cabeça?-ele me perguntou sério. Eu sorri pra ele.

-me de um bom motivo por não ter me beijado ontem. -falei ainda mais persistente.

-1°aniversário da morte do kanato, 2°revi meus irmãos depois de anos e ñ queria matar eles do coração tão cedo.3°estava cansado porque trabalhei. 4°queria te deixar carente.

-me deixar carente?! 

-sim-ele se aproximou-porque quando não te dou atenção-encostou os lábios do lado da minha boca rapidamente-você fica manhoso, que nem um gatinho pedindo comida.-ele disse de um jeito tão sedutor...-acredita em mim agora?

-ñ,mas vou fingir que sim.-ele revirou os olhos e sorriu, me deu um beijo e disse:

-vamos comer!

-hay.

~Quebra de tempo~

~ayato~

Olha aí eu ferrando com a minha vida de novo! Mas eu não podia mais evitar ele,tinha que deixar o ayato desse mundo comandar,eu amo tanto esse cabeça quente...quando eu vi que ele estava extremamente perdido em pensamentos, soube na hora que ele percebeu que o estou evitando...não podia continuar aquilo, não quero magoa-lo ele é importante pra mim.

Já haviamos terminado de comer e estavamos indo para o trabalho dele, pelo que entendi ele tem que resouver uma coisa ou outra e eu ñ quero ficar sozinho em casa, subaro trabalha como dono de um café aqui em Tóquio...ha é mesmo, a yui o mori e money trabalham lá também. Me pergunto quem são essas pessoas no meu mundo. 

-chegamos!-subaro disse dessendo do carro, eu fiz o mesmo.-eu vou ter que mecher em alguns papéis... se quiser pode comer alguma coisa.

-certo!-sorri para ele e o mesmo retribuiu.ele foi na frente enquanto eu procurava as chaves de casa que havia caido por ali, assim que as encontrei ouvi:

-RUIVINHO!-sakura?! Me virei bruscamente para olha-la-ruuiiiiviiinhooooo!!!!-não sei da onde ela tira tanta entimidade comigo do nada.

-ha, o-oi-lembrando que nesse mundo não a conheço...

-oiiii, lembra de mim?! No bar? 

-hum..-acenti um pouco invergonhado, mesmo já a conhecendo em outros mundos ela ainda é uma estranha para mim aqui.

-haaaa que isso!, fica com vergonha não gato, meu nome é sakura e o seu?

-ayato.

-prazer em conhecê-lo-sorri carinhosamente para mim.-eu vou tentar emprego nesse café-ela dis apontando para o local-e você oque faz aqui? 

-vim tomar um café  e esperar subaro.

-subaro... haaaa seu namorado?!-ela disse quase gritando, me causando um arrepio.

-é!é! Fala mais baixo por favor!-ela cossou a cabeça sem graça.

-gumena..-sorriu.

-certo-sorri de volta- anda logo antes que você perca a entrevista de emprego!

-haaaa é mesmo! Tchau ayato agente se vê por aí! -ela correu para dentro e me deixou pensando o quanto ela é doida e legal  mesmo tempo...hehe gosto dela.

Logo entrei e dei de cara com a yui que se assustou e tropeçou quase caindo porém eu segurei sua cintura, aproximando perigosamente nossos rostos,quando percebi me afastei imediatamente.

-gu-gumenasai! -eu disse quase entrando em desespero ao ver subaro sair andando, depois de quebrar alguma coisa,quase parei de respirar e corri atrás dele.

Tenho certeza que ele me viu com a yui em um momento muito ruim e como o conheço ele deve estar achando merda, e eu já estou em desespero.









Notas Finais


Comentem o que acharam! Sério comentem msm pq eu estou com saudades dos comentários. ^-^
A e me desculpem pelo capitulo curto !



Amo vocês ♡♡♡♡
E desculpem qualquer erro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...