História O novato e o popular - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias ASTRO
Personagens Eunwoo, Jinjin, MJ, Moonbin, Rocky, Sanha
Tags Astro, Binwoo, Eunwoo, Moonbin, Myunghyuk, Sanjin
Visualizações 129
Palavras 1.949
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá~ Voltei mais cedo do que pensei. Eu agradeço muito pela paciência e compreensão se vocês. Obrigada para quem conversou comigo, eu realmente precisava disso, me sinto mais segura. Vocês são demais. <3
Me desculpem pelos erros.
Boa leitura~

Edit: Olha quem mudou a capa da fanfic. >.>

Capítulo 37 - Alianças


Eunwoo

Após terminar de me arrumar para a faculdade, saio do quarto, seguindo para a cozinha, já sentindo o aroma do café. Vejo minha mãe perto do fogão, sorri quando nota a minha presença.

Mãe:

_ Bom dia, filho. Acordou mais cedo. – Vem até mim e beija o topo da minha cabeça.

_ Bom dia. – sorrio de volta – É que... Estou ansioso.

Mãe:

_ Tem algo de diferente para acontecer hoje? – pergunta, animada.

_ Sim, mas não é nada demais.

Mãe:

_ Hm... Olha lá, hein. – fala, desconfiada – O café está quase pronto, daqui a pouco o seu pai vem.

_ Ele saiu?

Mãe:

_ Está acordando. Vemos que você puxou para mim, não é o último a acordar, como o seu pai. – faz uma careta.

Meu pai entra na cozinha, ainda de pijama. Minha mãe continua a preparar o café da manhã.

Mãe:

_ Bom dia, dormiu bem?

Pai:

_ Bom dia. Como um bebê. – brinca.

Eu e meu pai nos juntamos na mesa, esperando que minha mãe terminasse. Com todos reunidos, começamos a tomar o café da manhã.

Após terminar, me despeço dos meus pais e vou para o meu quarto. Procuro pela caixinha onde guardei as alianças e coloco-a no bolso da calça. Sigo para a entrada da casa e saio, indo para a casa de Moonbin. Ao chegar, toco a campainha, Sooa aparece, sorrindo.

Sooa:

_ Oi, Eunwoo! Veio buscar o Moonbin? Ele já saiu.

_ Saiu? – Sooa assente – Entendi...

Pensei em contar para a Sooa, que vou pedir o Moonbin em namoro. Mas acho melhor fazer uma surpresa.

Sooa:

_ Vai para a faculdade agora?

_ Ah, sim. Nos vemos depois. – sorrio 

Sooa:

_ Tchau~ 

. . .

Ao chegar na faculdade, sigo diretamente para o pátio, para me encontrar com a turma. Vejo que todos já estão reunidos, exceto Moonbin, Mj e Rocky.

Lisa:

_ Olha só quem chegou! Agora só faltam aqueles três patetas.

Sanha:

_ Os hyungs vão faltar?

Jin Jin:

_ Sei lá, não sou vidente pra saber.

Sanha:

_ Nossa. – faz biquinho.

Rosé:

_ Alguém acordou de mal-humor. – ri.

Jennie:

_ E esse alguém se chama Park Jinwoo, mais conhecido como Jin Jin.

Jin Jin:

_ Não sei do que vocês estão falando.

Jennie:

_ Você está com a cara emburrada e foi grosso com o SanSan. Não está de mal-humor. – ironiza, rindo logo em seguida.

Jin Jin:

_ SanSan? – finalmente, deixa uma risada escapar.

Lisa:

_ Sim, Jin Jin e San San. Adorei.

Jin Jin:

_ Ah, já chega. – bufa – E você, Eunwoo? Está tudo certo?

_ Certo?... – lembro-me das alianças – Sim, está.

O sinal toca, Rosé e Jennie soltam um "Ah, não", ao mesmo tempo e riem. A Lisa "arrastou" a Jisoo para fora do pátio.

Sanha:

_ Vamos, hyungs! – puxa o meu braço e de Jin Jin.

Ao chegarmos, nos sentamos diretamente em nossos lugares. Sanha vem até mim.

Sanha:

_ E as alianças? – pergunta baixinho.

_ Estão aqui, no bolso da calça. – respondo em mesmo tom.

Sanha:

_ Certo! Estou bem ansioso. Depois nos conta como foi.

_ Vocês contaram para as meninas?

Sanha:

_ Só para a Jisoo. Ela ficaria chateada se não contássemos, mas não se preocupa, ela não conta nada. Não vamos passar novamente por um telefone sem fio. – ri – Vou voltar para o meu lugar.

_ Ok, obrigado por terem me ajudado.

Sanha:

_ Não precisa agradecer. –sorri sem mostrar os dentes e volta para o seu lugar.

O professor começa a aula quando os alunos se "acalmam" um pouco mais. Depois de alguns minutos, Moonbin, Mj e Rocky aparecem na porta, pedindo permissão para entrarem, que foi permitida. Eles seguem para suas carteiras.

. . .

O sinal toca e ao me levantar, Moonbin vem até mim.

Moonbin:

_ Eu não pude avisar que não viria com você hoje, desculpe.

_ Não tem problema. Vamos?

Moonbin:

_ Vamos.

Andamos para o pátio e nos juntamos com a turma. Novamente, que não está completa. Faltam o Rocky e a Jisoo.

Lisa:

_ Ué, onde está a minha futura esposa? – olha para os lados e faz um biquinho.

Mj:

_ A Jisoo não nos seguiu, nem o Rocky.

Rosé:

_ "Futura esposa" Shippo muito. 

Jennie:

_ Eu também.

Jisoo e Rocky chegam e se juntam conosco.

Sanha:

_ Noona, a sua futura esposa estava perguntando por você.

Jisoo:

_ Quem? – pergunta, confusa.

Lisa:

_ Nossa. – deita sua cabeça no ombro de Rosé e finge de morta.

Jisoo:

_ Lalisa! – ri e segura os ombros da outra, choacalhando-a – Não morra, como quer que eu seja sua esposa, sendo que está morta?

As meninas soltam um gritinho fino, enquanto Sanha se diverte com a cena.

Lisa:

_ Opa, tô viva, muito bem. – "revive" e abre um sorriso.

Jisoo:

_ Besta. – ri e dá um tapinha no ombro de Lisa.

Jin Jin:

_ Que bonito, hein. Nós estamos segurando vela.

Mj:

_ Eu não. – recebe um olhar mortal do Jin Jin e ri em seguida.

Lisa:

_ O que vocês estavam fazendo?

Rocky e Jisoo se entre olham, parecem se comunicar por contado visual, Jisoo sorri.

Jisoo:

_ Estávamos conversando sobre você.

Lisa:

_ Eu? – pergunta, desconfiada.

Rocky:

_ Sim, a Jisoo disse que você está mais bonita nesses últimos dias.

Jisoo:

_ Eu disse?... Claro que disse. 

Lisa:

_ Que fofa. Viram só? 

Moonbin:

_ Vi, sim. – ri – Parece que a própria Jisoo não sabe o que disse. – Fala para mim e eu assinto, rindo.

Depois de conversar sobre mais assuntos aleatórios, o sinal toca. Saímos em disparada para a sala de aula. Até hoje eu não entendo o motivo de sempre irmos correndo, eu apenas sigo-os assim. Hoje tem aula da professora que faz o Jin Jin dormir.

A professora bate palmas, pedindo por silêncio. Bater palmas? Essa é nova. Vejo Jin Jin revirar os olhos e deitar a cabeça na carteira, mas Sanha cutuca-o, fazendo-o olhar para frente.

Ela é um dos poucos professores que nos fazem ficar calados. Não é como se nós gostássemos da aula dela, apenas é tão entendiante que perdemos a energia para bagunçar ou conversar.

Depois de tempo, o sinal toca. Os alunos gritam e saem correndo, como loucos. A professora faz uma cara de... Nojo? Talvez. E se retira da sala de aula. Levanto-me e caminho até Moonbin, que conversava com Mj, quando me avistam, param de conversar.

Mj:

_ Vou para casa com o Rocky, até amanhã.

_ Tchau, hyung.

Mj caminha até Rocky, que conversava com duas meninas, antes de ser "arrastado" por Mj até fora da sala.

_ Podemos ir para sua casa? Tenho que conversar com você.

Moonbin:

_ Eu ia sugerir a mesma coisa, preciso falar com você, também.

_ Então, vamos.

. . .

Ao adentramos a casa, encontramos Sooa atirada no sofá, segurando uma garrafinha de refrigerante numa mão e na outra, segura uma folha de papel. Quando a mesma se dá conta da nossa presença, levanta-se por imediato e solta um sorriso malicioso.

Sooa:

_ Eunwoo, você por aqui? Acho que tenho algo para fazer no quarto... Tchau. – sobe as escadas, rindo.

Eu e Moonbin nos sentamos no sofá e ficamos falando sobre coisas aleatórias, até que surge um silêncio no ambiente.

_ Tenho algo para falar. – falamos, em uníssono.

Moonbin:

_Você primeiro. – assinto.

_ Binnie, eu andei pensando sobre... Você sabe, aquele dia, o da confissão. Se eu me sinto bem ao seu lado, tenho sentimentos por ti e você também, não vejo motivo para continuarmos fingindo que nada aconteceu. Eu apenas me senti surpreso no início, mas agora tenho certeza do que quero. Binnie, você quer namorar comigo? – pego a caixinha do bolso e mostro as alianças.

Moonbin se mantém imóvel, com uma expressão surpresa no rosto.

Moonbin:

_ Eunwoo... – Ele pega uma caixinha no bolso e abre-a, são alianças, elas são prateadas e possuem uma estrela no meio de cada.

Depois de algum tempo tentando captar o que aconteceu, começamos a rir. O ritmo das risadas foi diminuindo, até cessar por completo, deixando-nos constrangidos com a situação.

Moonbin:

_ Bom... Já que nós fizemos uma proeza dessas, também vou fazer o pedido. – levanta-se do sofá e eu faço o mesmo – Eunwoo, não consigo esquecer de ti desde aquele beijo, na festa. Por mais que tenha sido rápido, foi o suficiente para me fazer ficar mais apaixonado por você. Vou estar ao seu lado nos momentos ruins e bons, por isso, pode contar comigo. Aceita... Namorar comigo? – sorri, corando um pouco.

Abro o maior sorriso que pude, e abraço Moonbin, dando um beijo em sua bochecha, após nos afastarmos, vejo-o sorrindo.

Moonbin:

_ Namorados?

_ Sim, namorados.

Eunwoo:

_ Mas agora... Quais alianças usaremos? Temos quatro... – pergunto, em dúvida.

Sooa:

_ Isso é simples de se resolver! – vemos Sooa descendo as escadas – Cada um usa duas alianças, é algo novo, certo? – sorri.

Moonbin:

_ Dessa vez, eu concordo com minha irmã. É uma boa ideia.

_ É mesmo. Sooa, você é criativa.

Sooa:

_ Eu sei. – se gaba, rindo – Coloquem, coloquem. – coloca as mãos nas bochechas, abrindo um sorrinho.

Moonbin retira uma das alianças da sua caixinha, segura minha mão direita e coloca a aliança no meu dedo anelar, em seguida, coloca a outra no seu dedo. Fazemos a mesma coisa, só que com as alianças que comprei.

Sooa:

_ Ai que bonitinho! – solta um gritinho – Eu esperei tanto por isso.

Moonbin:

_ Nós sabemos. – ri, bagunçando os cabelos de Sooa – Você já sabia que isso aconteceria?

Sooa:

_ Sim, a Jisoo sabia porque o Sanha contou pra ela e o Rocky também. Ela e o Rocky que me contaram por uma ligação.

Eunwoo:

_ Por isso que eles estavam juntos, conversavam com você.

Sooa:

_ Exatamente! Bom... Agora, vou deixá-los à sós. – abre um sorriso ladino e sobe as escadas.

_ Então... Eu deveria ir, certo? – falo, constrangido – Eu não sei como devo agir, digo, eu já namorei antes, mas com você... Eu não sei. – Olho para o chão.

Moonbin:

_ Aja como quiser, de maneira que se sinta confortável. – Olho para Moonbin e sorrio.

_ Até amanhã? – levanto-me do sofá, estava prestes a ir para a saída, mas Moonbin segura meu braço, sem grosseria.

Moonbin:

_ Até... Eunwoo. – segura nos meus ombros e olha para mim.

Ficamos assim por algum tempo, quando percebo, Moonbin encarava meus lábios, e eu fazia o mesmo. Seus lábios estavam entreabertos e levemente avermelhados. Nos aproximamos, deixando mínima a distância entre nós. Moonbin coloca uma de suas mãos na minha nuca e a outra segura a minha cintura, apertando-a levemente, em seguida, roça seus lábios nos meus, pedindo por passagem, que logo é concedida e por impulso, fecho os olhos. Iniciamos um beijo calmo, aproveitando cada momento, que para mim, poderia durar para sempre. Sentir o aroma do perfume do Moonbin, o gosto de seus lábios e o seu toque, me fazem esquecer de tudo ao nosso redor, nada importa agora. 

Por fim, separamos o beijo, dou dois selinhos nos lábios de Moonbin e deito minha cabeça no seu ombro, proveitando para lhe abraçar. O mais novo corresponde o aperto e faz cafuné em mim, fazendo-me me aconchegar mais em seus braços. Ficamos assim, sem perceber o tempo passar. 

_ Binnie, amo você. – falo, baixinho.

Moonbin:

_ Eu também te amo, Eunwoo.

. . .

Ao chegar em casa, encontro meus pais assistindo televisão juntos, eles não notam a minha presença, prefiro não incomodá-los e vou diretamente para o meu quarto. Deito-me na minha cama e soltando um suspiro. Levanto minha mão direita e encaro as alianças, sorrindo logo em seguida.

Eunwoo:

_ Ahh, não pense tanto. – cubro os olhos com as mãos, envergonhado, ao lembrar do beijo.

Continua...

 


Notas Finais


Olá~ >.> estou com vergonha, rs.
Me desculpem se a cena do beijo ficou ruim, não sou muito boa descrevendo beijos. Nem coisas muito fofas, apesar de gostar. :p
Então foi isso, espero que tenham gostado do capítulo! Novamente, agradeço pelo apoio de vocês
Até o próximo, bye~

EDIT: E meio que a capa nova serviu para comemorar o namoro de Binwoo na fanfic. É só isso que eu queria dizer. 😂


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...