História O ódio nasce para proteger o amor - Capítulo 13


Escrita por: ~

Exibições 53
Palavras 274
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Super Power, Suspense, Violência
Avisos: Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Gente hoje estou postando mais cedo(bem na hora do Recreio mas...😅) terei um dia cheio, essa é a desculpa. Esse capítulo é bem pequeno, talvez o menor de todos que já fiz. Mas prometo compensa-los amanhã com o capítulo maior...

Capítulo 13 - Me diga o por quê...


- Eu estava procurando por você.- diz Lila sentando em posição de índio debaixo da pé de árvore ao lado de Marinette.

- Diga logo o que você quer.

- Eu sei porque você tá assim...

- Você Sabe? Então me diga o por quê! - fala Marinette em tom ignorante, mas também em tom sincero.

- Dark Black fez com que as trevas que viviam dentro dele passasse pra você. Coisa que não é Boa, mas que você deve reverter. 

- Mas eu não consigo...

- Faça o possível e impossível por todos nos, coisa que inclui a você mesma. Mas pra eu ajudar preciso saber como você está se sentindo...

- Estranha...

- Mais detalhadamente. - pedi Lila.

- Quer saber mesmo? Eu não consigo olhar em seus olhos sem ter odio de você. Não há porque, Eu sei, só apenas sinto isso sem mesmo perceber. Olho para as pessoas e sinto que elas estão pensando mal de mim. Na minha mente parece que tem algo ou alguém que grita com a intenção de se libertar, por isso meu coração aperta e eu não sei o que fazer! Não quero fazer o mal a quem amo! Mas parece que algo mais forte me faz ser, o que não sou ... - explica Marinette chorando desesperada .

-Venha cá amiga! - diz Lila abraçando sua amiga, compartilhando com ela sua dor ...

****

- Então é esse o motivo!

- Agora que você já sabe, vamos embora por favor! – pedi a Kwami abrindo o zíper da bolsinha, que mesmo sem querer havia escutado a historia do início ate onde se encontrava agora.

- Pois agora que eu vou continuar ate o final!

****


Notas Finais


Espero que gostaram!!! Amanhã contarei mais como está o Cat noir... A única coisa que tenho a dizer q o capítulo promete😄


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...