História O Outro Lado - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Naruto Sasusaku
Exibições 26
Palavras 688
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi geente linda!!! Estou sem criatividade, então:
Espero que gostem e Boa Leitura!!

Capítulo 2 - Isso não pode acontecer.....pelo menos não agora!


Fanfic / Fanfiction O Outro Lado - Capítulo 2 - Isso não pode acontecer.....pelo menos não agora!

Sakura:

Ele me olhou confuso e eu tive que rir da sua cara

- Do que tá rindo rosada?

- não é óbvio? Da sua cara ridícula oras!!

- ha.ha.ha, muuuuito engraçado _ foi só eu que senti a ironia?

- por acaso eu sou palhaça pra ter que te fazer rir idiota?

- gostei de você _ disse ele do nada, me fazendo ficar um pouco constrangida

- então se gostou mesmo de mim, me faça um favor....me deixa ir embora porque eu quero CO.MER!!

- tudo bem, eu só queria te lhe dizer uma coisa : você não me engana.

Dito isso ele saiu, me deixando surpresa e totalmente confusa _ só tem doido nessa colégio?. Finalmente pude ir comer e logo o sinal tocou me fazendo jogar pragas eternas pra aqueles infelizes que fizeram eu perder meu precioso tempo.

Assim que entrei na sala, me joguei na carteira e pensei em tirar um cochilo, mas assim que deito a cabeça escuto alguém me gritando

“ Minha paciência já tá acabando velho, esse povo não percebeu que eu quero mais é que eles se ferrem não?!”

Olho para frente e vejo uma loira, muito bonita por sinal, com um jeito todo extrovertido e gentil, mas como já disse, estava sem paciência

- Que é bagaça?

- Calma, eu só queria conversar com você....Sakura não é mesmo?

- Sim, mas até onde eu sei, eu pedi para não se darem o trabalho de lembrarem meu nome, então é o seguinte: fale o que você quer e depois se manda okay?

- Credo grossa!! Eu só estou aqui porque sou a representante de classe e responsável por lhe apresentar o colégio depois da aula, mas saiba que depois disso, não vamos precisar nem olhar uma na cara da outra _ disse a loira irritada ........... eu já disse que amo ver as pessoas ficarem irritadas?

- Pelo menos uma notícia boa nessa merda de dia _ fiquei lhe encarando esperando que ela fosse embora, mas não! Ela ficou lá parada, olhando para o nada _ vamos fia!! Tá esperando o que pra sair daqui? Eu quero dormir, então vaza!

- Aff garota ridícula!! _ e depois ela saiu pisando forte e vermelha de raiva kkkk

[...]

- finalmente garota!! Onde você tava? _ perguntou a loira sem paciência

- calma aí loirinha, eu tenho mais o que fazer sabia? Então bora!

- Por que você é assim? _ perguntou enquanto andávamos pelos corredores do colégio

- Assim como?

- Assim ué! Tratando as pessoas mal e não estando nem aí pra nada...desse jeito você vai acabar sozinha

- Acho que você não entendeu uma coisa loirinha...é isso que eu quero!

Após o isso o caminho todo foi em silencio, a não ser nas horas em que ela parava pra me explicar algo que eu não prestava atenção.

Voltei para casa já a tarde, mal cheguei já saí rumo ao hospital. Essa seria minha nova rotinha, por mais que fosse dolorosa essa era minha realidade.

Quando entrei naquele quarto branco e gélido, meu coração se apertou ao vê – la naquela cama, tão pálida e magra

- Oi mamãe! _ me sentei na beirada da cama e segurei firme em sua mão _ já se passaram dois meses não é mesmo? Quando irá acordar? Eu sinto saudades, mesmo sabendo que você me odeia, mas tudo bem, você tem razão para isso. Mas eu estou cansada de sentir tanta dor, eu não posso viver com mais esse peso, então por favor acorde! _ nesse momento lágrimas já escorriam sem permissão pelo meu rosto

Fiquei ao seu lado por mais alguns minutos, até o médico vir chamar minha atenção. Caminhava para casa já durante a noite. Estava tão distraída com meus pensamentos no passado, que nem percebi quando dois caras se aproximaram e me agarraram. Tentei gritar ou me debater para sair correndo mas eles eram bem mais fortes que eu e acabaram me levando para uma parte mais escura e pouco movimentada e foi quando o desespero bateu forte

“ Senhor me ajuda, por favor.....isso não pode acontecer....pelo menos não agora”


Notas Finais


Bom é isso, e só digo uma coisa: ainda há muita coisa por vir MUAHAAHAAHAAA!!! (tentativa falha de risada do mal kkk)
Mas okay neh, até o próximo!!
Bjs <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...