História O outro lado do Satsui no Hadou - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Street Fighter
Tags Chun-li, Evil Ryu, Ryu, Satsui No Hadou, Street Fighter
Exibições 15
Palavras 924
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Artes Marciais, Ecchi, Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 6 - O prazer que domina


Fanfic / Fanfiction O outro lado do Satsui no Hadou - Capítulo 6 - O prazer que domina

Chun-Li novamente começa a chupar o pau de Evil Ryu. Ele enquanto isso, chupa sua boceta, sugando o seu grelinho. Chun-Li enlouquece. A língua de Evil Ryu passeia por toda sua buceta e se metendo em cada canto. Nesse momento Chun-Li tem outro orgasmo, que Evil Ryu, ao perceber, bebe o seu mel com gosto.

Ele volta a chupar o grelo de Chun-Li, mas dessa vez enfiando os dedos em sua boceta. Ela se contorce de prazer, gemendo, enquanto tenta continuar chupando Evil Ryu.

O vai e vem dos dedos, somado com a chupada, faz com que Chun-Li continue tendo orgasmos. “Meu Deus, ele não pára… Desse jeito, não irei aguentar” - pensou ela. Mas pedir para parar estava fora de cogitação. Cada vez mais ela o desejava. Tudo o que Chun-Li queria naquele momento era mais prazer, e ser possuída por aquele homem.

- Pare de chupar e se vire para mim.

Chun-Li, se vira, ainda ficando em cima dele. Evil Ryu acaricia o seu rosto e arranca o elástico que prendia o cabelo de Chun-Li. Ambos se beijam e rolam no chão, fazendo com que ele fique por cima.

- Agora irei te dar aquilo que tanto deseja… - sussurrou Evil Ryu no ouvido de Chun-Li.

Ele abre as pernas dela e enfia o seu membro de uma vez, com força, que desliza facilmente, até o fundo. Chun-Li geme alto e se contorce.

Sem pena, Evil Ryu começa a meter bem forte e rápido, aumentando o ritmo cada vez mais. Chun-Li fica completamente louca, ao mesmo tempo que começa a ficar sem forças pra gemer.

- Não era isso que você queria, sua putinha?

- Sim… - disse ela numa voz baixa, com um sorriso discreto no rosto.

- Então você vai aguentar até o final! - ao terminar de dizer isso, Evil Ryu, aumenta ainda mais o ritmo, fazendo Chun-Li ter um outro orgasmo.

De repente, ele pára, e pede a ela para ficar de quatro. Chun-Li obedece, ficando na posição e arrebitando bem a bunda.

- Sua bunda é magnífica! - falou Evil Ryu, lambendo a sua boceta e subindo com a língua, até o seu cu.

Evil Ryu continuou a lambe-lo e logo após, enfiou dois dedos nele, fazendo movimentos de vai e vem e circulares.

Chun-Li se assustou e instintivamente tentou tirar os dedos dele dali. Suas experiências anteriores com sexo anal, ou algo do tipo, não tinha sido das mais agradáveis.

- Quieta. Não se preocupe, serei carinhoso com o seu cuzinho… Até certo momento, claro! - ao dizer isso, seus olhos olhavam fixamente para o rosto dela, com uma expressão completamente tarada. E continuou - Você não gozou até agora? Posso te garantir que será prazeroso para nós dois…

Chun-Li, ao ouvir aquilo, consentiu. Seu corpo estava numa sintonia de completo prazer com Evil Ryu. Era como se todos os sonhos molhados que teve com Ryu, se tornassem realidade em um único dia. Então, ela relaxou e procurou se concentrar na sensação que sentia, para ver se aquilo que Evil Ryu acabou de dizer, iria acontecer.

Evil Ryu enfiou mais um dedo e continuou com o movimento. Enquanto isso, sua outra mão, ficou estimulando o clitóris de Chun-Li. Ele ficou a estimulando e “preparando” o seu cu por mais alguns minutos. Até que finalmente disse:

- Vai ser agora. Apenas relaxe…

Chun-Li sentiu a cabeça do pau dele, entrando e alargando, mais ainda, o seu cu. Gemeu sentindo um pouco de dor. Depois de ter enfiado a cabeça completamente, ele disse:

- Vou colocar o resto, bem devagar.

Conforme entrava, Chun-Li gemia, e assim que ele entrou todo, ela sentiu uma sensação diferente, nova. Seu cu estava completamente preenchido, com aquele pau completamente lá dentro.  E ela estava começando a gostar dessa sensação.

Evil Ryu começou a fazer o vai e vem, bem devagar e aos poucos, foi aumentando o ritmo. Chun-Li gemia de prazer. Enquanto metia, ele a pegou pelos cabelos, elevando a sua cabeça e disse:

- Não disse que iria ser carinhoso? Agora se prepare, porque vou acabar com o seu cu.

A partir desse momento, as estocadas começaram a ficar mais fortes  e o ritmo aumentar. Chun -Li continuava a gemer e ia sentia sua excitação aumentar, conforme ia ficando mais rápido. Evil Ryu, não tinha mais piedade e metia ferozmente, enquanto continuava a segurar os cabelos de Chun-Li. Chun-Li deu um gemido longo, revirando os olhos. Tinha acabado de ter outro orgasmo, da maneira que ela nunca imaginou ter.

Evil Ryu continuava a meter, enquanto que o corpo de Chun-Li, começa a dar sinais de esgotamento, após esse último orgasmo.

- Você quer que eu encha o seu cu de porra?

- Sim… - disse Chun-Li, numa voz baixa, indicando ao mesmo tempo satisfação e cansaço.

- Então toma!!!

Chun-Li sentiu aquele líquido quente inundando o seu cu. Enquanto gozava, Evil Ryu gemia, mantendo o seu membro inteiro dentro do cu de Chun-Li.

Assim que retirou seu pau, Chun-Li deitou no chão, esgotada. Sentia a porra escorrendo da sua bunda e trazia consigo uma expressão de satisfação.

Evil Ryu, de joelhos, ficou um tempo admirando aquela cena. “A mulher mais forte do mundo, completamente derrotada pelo desejo”, pensou. Eis que ele chegou perto dela, e a colocou em seu colo, levantando em seguida.

- Isso, descanse bastante minha vadia… A nossa noite será bem longa. Você irá se lembrar para sempre desse dia.

E assim ele a levou para dentro do dojo, indo em direção ao aposento onde Chun-Li estava hospedada.


Notas Finais


Sim, depois que eles descansam, terminam fazendo tudo novamente. Mas como aconteceu, deixarei que você leitor imagine!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...