História O Park e a Russel. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin
Tags Bts, Crystal, J-hope, Park Jimin
Visualizações 25
Palavras 765
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Ficção, Hentai, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oieh gente! Espero que gostem, beijos de Toddynho. (ノ◕ヮ◕)ノ*:・゚✧

B
O
A

L
E
I
T
U
R
A

Capítulo 1 - Consulta Médica.


Fanfic / Fanfiction O Park e a Russel. - Capítulo 1 - Consulta Médica.

O som agudo do salto alto da Russel batendo contra o chão de mármore denunciava sua inquietude. O chá, já morno, não conseguia servir de consolo para sua impaciência. Sobre sua mesa, diversos papeis, raios-x e qualquer coisa relacionada ao hospital, pessoas doentes, problemas e apenas uma loira para solucioná-los. Crystal sentia-se cansada, de uma forma anormal. Seus ombros estavam tensos e sua cabeça latejava com certa frequência, resultado de 12 horas diárias naquele hospital super movimentado.

— Você precisa de descanso, Crystal. — Sussurrou para si mesma enquanto se levantava e direcionava sobre a luz do telão, o raio-x de um rapaz que havia fraturado uma parte da coluna torácica.

A doutora já estava acostumada com aquele tipo de trabalho e gostava do mesmo, realizando-o sempre com amor e dedicação. Afinal, sempre que se lembrava que havia sido escolhida a dedo pela grande dona do hospital Choi, a loira se enchia de orgulho e de certa forma, até se sentia melhor.

O som de leves batidas em sua porta, a retirou de seus longos devaneios.

— Entre. — Pediu educadamente sem deixar de realizar o que fazia.

— Crystal, tenho alguém que quer lhe ver. — Uma voz conhecida da Russel lhe falara com o mesmo tom autoritário e já conhecido, era a senhora Eubin, a doutora mais renomada do país, dona de todos os hospitais Choi e ex-professora de Crystal.

— Peça para entrar por favor, Dra. Choi.

E dito isso, Eubin deu passagem para uma senhora muito bonita, e também conhecida por toda Coréia do Sul, que no momento, possuía uma expressão abatida e preocupada.

Assim que a porta foi fechada, Crystal a olhou cuidadosamente e pediu que a senhora se sentasse na cadeira à sua frente, iniciando uma conversa tranquila após oferece-la o que beber e deixa-la mais à vontade.

— Senhora Park, é uma honra recebe-la aqui em minha sala.              

— Não seja modesta, querida. — Disse rindo. — Sua indicação veio diretamente de Eubin, ela mesma me disse para lhe procurar, afinal, você ficou como sua sucessora, deve ser uma ótima profissional.

Crystal sorriu orgulhosa. Depois de tanto trabalho, esforço e dedicação, seu mérito havia finalmente chegado. Só ela sabia o quanto era gratificante ouvir tais palavras de seus pacientes.

— A Dra. Choi me deixou uma grande missão, e pretendo executa-la da melhor maneira possível. — Crystal sorriu tranquila. — Bem senhora Park... Se veio à minha procura, presumo que algo lhe aflige, não é mesmo?

— Por favor, me chame apenas de Yujin. — E dito isso, Yujin sorriu tristonha, dando continuidade em sua fala. — Crystal, eu tenho tido alguns sintomas, e o estado é alarmante. Como já sabe, sou uma senhora e não tenho mais fertilidade, entretanto, a mais de um mês, eu vendo tendo sangramentos frequentes e dores fortíssimas na região abdominal.

Era possível notar que as palavras de Yujin causavam em si mesma, um certo desespero, e uma prova disso, era suas mãos que freneticamente se massageavam, na tentativa de conter o nervosismo.

— Entendo. De início não posso diagnosticá-la, mas hoje mesmo, iniciaremos uma série de exames para o quanto antes descobrirmos o que está havendo. — A Russel falava com firmeza e seriedade, assim como tratava todos os seus pacientes. Com comprometimento.

Durante algumas horas, Yujin realizou ali mesmo, na clínica Choi, uma série de exames, em principal, o exame de sangue e análise de rotina. A mesma havia chegado de manhã e já era fim de tarde quando terminou o necessário, agora bastava ela lidar com a ansiedade em aguardar os resultados.

— Crystal, eu peço que todos esses exames fiquem em segredo entre nós duas e a clínica. Se for constatado que eu tenho alguma doença, eu já me decidi que serei tratada aqui, com você, então por favor, podemos fazer tudo em segredo?

De início, Crystal não compreendeu o pedido da Park, mas em nome da ética de sua profissão, apenas aceitou sem questiona-la nenhuma vez sequer.

Por fim, as duas se despediram e Crystal a informou quando ela deveria retornar para saber seu diagnóstico. Yujin parecia mais tranquila, a confiança e seriedade de Crystal era contagiante, mas isso não tirava totalmente a hipótese de algo perigoso estar rondando a senhora Park, e as duas sabiam disso.

Embora fosse nova, apenas com 26 anos de idade, Crystal já havia visto muita coisa e sabia perfeitamente quando deveria ficar atenta e o caso da senhora Park era um desses.

Cansada e preparada para mais algumas horas de trabalho, a doutora deu um longo gole em seu chá verde e ficou pensando em seu novo caso. Caso que respondia pelo nome de “Park Yujin”, a esposa do magnata de Seul.


Notas Finais


Espero que tenham gostado, (づ ̄ ³ ̄)づ kissus. <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...