História O Passado Esquecido - uma história fnaf - Capítulo 15


Escrita por: ~ e ~julinhawlk

Postado
Categorias Five Nights at Freddy's
Personagens Freddy Fazbear, Golden Freddy, Nightmare, Nightmare Freddy, Personagens Originais, Purple Guy, Springtrap
Tags Fnaf, Mistério, Novela, Romance, Suspense
Exibições 15
Palavras 790
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Ficção, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Pessoal eu tive três dias para pensar nesse capítulo...BOA LEITURA!!!!

Capítulo 15 - O Ataque: Uma Luz no Fim do Túnel?


Aquela ferida me incomodava,mas Lisa tinha feito curativo mas nem isso me fazia sentir a dor de por ter que ver Leandro e Edu sendo levados por eles, tenho tanta raiva, simplesmente nunca pude fazer nada na primeira vez eu nem sabia o que iria acontecer e agora eu sei e não poderei fazer nada, eu só quero acordar é isso que eu quero a dor já foi grande e ter que ver a pessoa que eu gosto é outra.

-O que iremos fazer?-disse Lisa-não podemos mais esperar.

-Ele ainda tá lá?-perguntei

-Sim

-Talvez tentar chamar a atenção dele...mas seria arriscado demais...-eu nessa hora tentei pensar.

-Isso com certeza não será boa ideia-disse Lisa.

-Porém…é isso que tem que ser feito...não tenho outro plano-respondi.

-Davi...isso não vai dar certo...olhe em volta,perdemos nossos amigos para essas coisas, o mínimo que podemos fazer é sobreviver-respondeu Lisa e com o mesmo olhar que Edu.

  Olhei para Ana,ela estava no canto e estava procurando alguma coisa.

-O que está procurando Ana?-perguntei a ela.

-estou atrás de algo para chamar a atenção dele-respondeu Ana.

-Acabamos de dizer que ninguém vai-disse Lisa.

-Eu sei...mas quero ser pelo menos tentar ser útil

-Não podemos arriscar tanto assim Ana-disse de volta.

-Olha...eu...tenho que fazer algo, você mesmo disse Davi que não vamos sair daqui então do que adianta.

   Olhei para baixo ainda sentado e olhei para Lisa e ouvimos uns barulhos vindo do outro lado da porta e Lisa foi conferir.

-Ele saiu-disse ela bem baixinho.

-Então parece que encontramos nossa chance-disse eu.

   Elas me levantaram e gemi um pouco de dor e nos preparamos para sair.

-Qual o plano?-perguntou Ana.

-Teremos que correr...vou tentar mas se eu não consegui vocês vão, não olhem para trás.

   Elas assentiram e a cada passo sentia uma faca me perfurando, a cada segundo eu acho que tudo dessa vez irá mudar, a minha dor só aumentara quando eu acordar.

-A sala é logo no fundo desse corredor...temos que ser bem rápidos antes dele voltar-disse eu.

-Vamos...nossa última chance começa...agora!!!

    E quando saímos correndo um filme passou pela minha cabeça, quando essa visão voltou e pude ver que tive oportunidade mais uma vez meus amigos de infância e nossas travessuras de crianças.

   Nos escondemos no lado uma maquina fliperama e sei o que irá acontecer, no momento em que virei para trás só a Ana sendo puxada por Bonnie e ela estava de olhos fechados e apertados, ela não gritou e eu e Lisa ficamos olhando e, Bonnie levou ela até a escuridão e voltou olhou para nós e virou a cabeça e nos olhou com aqueles olhos sedentos de sangue.

    E saímos correndo, Lisa estava na minha frente e aquela ferida latejava a cada segundo que eu colocava o pé no chão.

    Em seguida virei para trás e vi ele...o Grande Freddy correndo atrás de nós e foi aí que eu me desesperei.

    Ele me alcançou e me puxou e abraçou forte e chamou Lisa e no momento em que ela virou pude ver que seu semblante era de medo e desespero tudo junto e Freddy me apertou mais forte em cima da ferida, gritei de dor, Freddy não parava de encarar Lisa e olhei para ela e disse:

-Tá…tudo bem...vá...salve-se.

  Quando Freddy estava virando ela o acertou com uma barra de ferro grande e grossa e Freddy caiu e me levou junto, nesse momento ele chamou seus amigos Fox,Bonnie e Chica, os barulhos metálicos dava para ouvir de longe e Lisa me segura e me puxa para cima e simoa correndo mais uma vez e pude ver todos eles juntos vindo atrás de nós,Fox era o mais rápido dentre eles e no exato momento em que alcancei Lisa ela parou e virou para eles antes de pegarem ela disse:

-EU TE AMO, DAVI!

  E nesse momento em que eu estava correndo lágrimas escorreram do meu rosto e chegando na sala Fechei as duas portas e vi no relógio eram 23:00, Meu Deus...quando isso irá acabar.

    Vi que tinha um telefone e estava piscando e apertei o botão e uma voz de um homem começou a falar:

  Horário de expediente...exatos meia noite...algumas coisas estão acontecendo no restaurante...não sei bem o que é, o que apenas sei é...eles estão vivos é só o que sei.

    O que aquele áudio tem haver com eles e a gravação continuou.

   Não sei quem projetou essa sala...pois sei que ela tem uma espécie de bateria e toda meia noite ela carrega...ela está em cima do ventilador...o que me diz que tenho que economizar para vigia-los.

   Pude ver a bateria e estava em 99% então isso ainda não acabou.

    Tenho que aguentar até 6:00 da manhã...e uma última coisa...eles vão fazer de tudo para você acabar com a bateria...tome cuidado.

 E a gravação terminou, se era isso que teria que passar...então eu farei, como em um jogo pensei.



Notas Finais


Continua.....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...