História Our sin. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Bts Incesto, Incesto Irmãos, Kim Taehyung, Taehyung
Exibições 168
Palavras 1.277
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Pessoinhas, voltei pro spirit com essa fanfic, espero que gostem.

Boa leitura ;)

Capítulo 1 - "Eu tenho nojo de você"


Fanfic / Fanfiction Our sin. - Capítulo 1 - "Eu tenho nojo de você"

Era tarde da noite, ainda estava acordada esperando ele enquanto me perguntava seguidas vezes, por que ele não me escutava?

Sempre o pedia para chegar cedo, para não beber demais nas festas, para não trazer mulheres para casa. Por que ele não entendia?

Estava sentada com as pernas em cima do sofá e coladas ao meu corpo, usava uma blusa larga e um short qualquer, meu cabelo estava amarrado em um coque quase desfeito. Estava com sono mas, não podia dormir, pelo simples motivo de o meu irmão mais velho ainda não ter chegado.

Talvez eu devesse dormir logo, mas a preocupação com aquele idiota não me deixava descansar.

Olhava para o teto enquanto minha mente estava longe, até que ouço a luz do corredor ser acesa, a porta foi destrancada. Olhei para o relógio, 02:37 da madrugada, o que ele estava pensando?

Me levantei e cruzei os braços olhando a porta ser aberta lentamente até revelar o garoto ali, seu cabelo bagunçado e sua roupa toda amassada, um leve odor de álcool vinha do garoto, ele olhou para mim e revirou os olhos.

- O que pen...- Antes que eu pudesse terminar a frase ele me interrompe.

- Não estou para brigas hoje, Sam. -Ele revira os olhos e fecha a porta.

- Sabe que horas são, Kim Taehyung? -Pergunto o olhando com raiva mas, com preocupação também.

Ele olha com os olhos baixos para o relógio da parede e volta o seu olhar para mim.

  -02:38. -Fala colocando as chaves em cima do balcão da cozinha.

-Como pode fazer isso? Chegar a esse horário, bêbado e ainda tem aula amanhã! -Falo tentando ser forte e segurando as lágrimas.

Isto sempre acontecia, ele saía pela manhã para a aula e só voltava para casa de madrugada e se voltasse antes, é apenas para pegar roupas ou coisas em seu quarto e logo sair. Estava cansada disso, desde que os nossos pais nos deixaram ele está assim, não consigo aguentar.

Eu que tinha que cuidar do garoto mesmo ele sendo o mais velho, não queria mais continuar com isso e iria esclarecer tudo com ele agora.

-Taehyung, eu estou cansada, por favor pare de fazer essas coisas, o irmão mais velho aqui é você! É você quem deveria estar cuidando de mim e sendo o responsável, Tae. -Falo fazendo de tudo para minha voz sair firme.

O garoto apenas tirou os sapatos e continuou a andar em direção ao seu quarto, chegando lá apenas entrou no lugar e trancou a porta, olhei em direção ao seu querto e não aguentei, meus olhos desabaram em lágrimas. Fui andando com passos fundos até a porta dele.

- NÃO É SÓ VOCÊ QUE SOFRE COM A MORTE DO PAPAI E DA MAMÃE! NÃO É SÓ VOCÊ QUE TEM PROBLEMAS! ENTÃO PARE DE SER EGOÍSTA E PENSAR SÓ EM SI SEU IDIOTA! -Grito e logo depois chuto sua porta com raiva, vou para o meu quarto e fecho a porta com força com o intuito de extravasar toda a minha raiva, inútil.

Me jogo na cama com os braços cobrindo o rosto, as lágrimas não paravam de sair e os soluços do choro ecoavam pelo quarto.

      ☆☆   ☆   ☆☆

Acordei com o despertador fazendo barulhos irritantes. No dia anterior chorei tanto que acabei pegando no sono, mas não havia dormido o bastante para estar disposta para hoje.

Levantei, fiz minhas higienes matinais e logo estava pronta para a escola, saí do quarto indo para a cozinha, fiz meu café da manhã como nos outros dias, sanduíche e Nescau. Mas hoje não faria o café de Kim, cansei dele achar que sou empregada dele, não vou aceitar mais isso.

Quando estava quase acabando o café, Taehyung saiu do quarto tranquilamente e sentou na mesa.

-Sam, pode pegar um remédio para a dor de cabeça, por favor? -Ele falou passando a mão por sua testa mostrando onde doía.

Levantei meu olhar do sanduíche para o rosto dele, imite sua expressão na noite passada, olhos baixos e séria. Me levantei acabando o café e peguei minha bolsa.

-Yah! Onde está indo? Cadê meu café?-Perguntou e eu ri sarcástica virando para ele.

- Se vira. -Falei e saí de casa, me senti uma nova pessoa, finalmente estava fazendo algo em relação ao garoto depois de meses.

Mas, não conseguia evitar minha preocupação com ele...aish.

        ☆☆ ☆ ☆☆    

O sinal tocou mostrando o começo do intervalo e o final da aula, o que mais se ouvia era as cadeiras se arrastando e as vozes altas conversando. Peguei meu lanche e logo me pus em direção a saída, enquanto estava andando tranquilamente pelo corredor pude sentir uma mão grande segurar meu braço e me puxar para dentro de uma sala, pensei em gritar na hora mas o dono da mão tampou minha boca e fechou a porta da sala que estava totalmente escura. Tentei me soltar daquelas mãos e logo uma luz se acendeu mostrando o rosto de Taehyung, a sala na verdade era o armário do zelador que estava cheia de produtos de limpeza.

-O que deu em você, Hum? -Ele perguntou me soltando e me olhando com raiva.

-O que deu em mim? O que deu em você? Me puxa pro armário do zelador do nada, que susto, moleque. -Falo colocando a mão no peito e sentindo meu coração bater forte por causa do susto.

-Yah! Me trate com respeito, sou mais velho que você.

-Mas não age como tal. -Falo apontando um dedo para ele.

-Por que não fez meu café hoje?

-Não sou sua empregada, mo-le-que. -Falo devagar querendo provocar o garoto.

-Pare de me chamar assim. -Ele diz se aproximando com raiva no olhar.

-Aja como o irmão mais velho e eu volto a te tratar como um. -Falo e logo cruzo os braços.

        ☆☆ ☆ ☆☆

Quando acabou a aula Lisa me chamou para ir a casa dela, afinal, tínhamos que resolver o trabalho de História. Peguei meu celular e deixei uma mensagem para Taehyung.

-- Deixe a chave debaixo do carpete, vou chegar apenas amanhã--

--Pq?--

--Vou fazer o trabalho na casa de uma amiga--

Bloqueio a tela do celular e vou junto com Lisa para sua casa.

        ☆☆ ☆ ☆☆

Estava no carro da mãe de Lisa com ela, já era tarde da noite e eu e a garota havíamos terminado o trabalho mais cedo, como ela iria ter um compromisso no dia seguinte, preferi voltar para casa.

Chegando em casa, agradeci a mãe de Lisa e me despedi das duas logo passando pela portaria do meu prédio, fui de elevador até o último andar que era onde eu e meu irmão morávamos.

Me abaixe pegando a chave debaixo do carpete e abrindo a porta, mas ao fazer isso pude escutar barulhos estranhos vindos de dentro da casa, suspeitei ser algum ladrão pois estava tarde mas, não era o horário de Taehyung estar em casa.

Entrei deixando meus sapatos na porta e me deparei com a pior cena que poderia ver. Meu irmão mais velho apenas de roupa íntima com uma mulher qualquer em cima do sofá. O garoto estava por cima da mulher seminua, enquanto beijava seu pescoço. Uma dor enorme dominou o meu peito, lágrimas vieram imediatamente aos meus olhos.

-Como pôde fazer isso comigo? -Falo olhando para o chão enquanto lágrimas caem dos meus olhos.

- Samantha, e-eu...e-eu posso explicar. -Olho para ele e vejo ele se levantar vindo em minha direção, o observo de cima a baixo e noto um volume em sua cueca e o seu corpo suado.

- Eu tenho nojo de você. -Falo o empurrando e andando para dentro do meu quarto.


Notas Finais


Gostaram? Querem mais? Comentem!!!!!

Até a próxima; )


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...