História O Poder do Amor. - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Camila Cabello, Camren, Casamento Camren, Lauren Jauregui, Lgbt
Exibições 563
Palavras 5.750
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Festa, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu coloquei uma música no capítulo e quem tiver interesse em ouvir o link está aqui,obrigada por acompanhar a história e boa leitura!

https://youtu.be/TapXs54Ah3E

Capítulo 12 - CAPÍTULO 12-PELEAS


Fanfic / Fanfiction O Poder do Amor. - Capítulo 12 - CAPÍTULO 12-PELEAS

Continuação/Lauren :


-Mamãe !

Gritou minha filha correndo em direção a Camila que não se importou em pega-la mesmo estando toda suja de farinha.Sarah se levantou de cima de mim e por fim eu sair do chão.

-Mila que bom que chegou!Peço desculpas por essa sujeira toda mas vamos limpar.

Disse Ally indo até ela é dando um beijo em sua bochecha.

-Qual é o motivo da festa?

Ela perguntou segurando Bella no colo mas com o olhar fixo em mim.

-Ah e por que ontem durante o jantar Bella conversando com Sarah disse que amava bolo de chocolate, e ai ela disse que fazia um delicioso e  Bella pediu para que vinhesse hoje fazer,por isso a bagunça.

Explicou Ally.

-Nós começamos a brincar e ai quando percebemos estávamos sujos,e eu acabei me desiquilibrando porque Lauren e as crianças fazia cosquinhas em mim por isso eu estava em cima dela.

Sarah terminou a explicação,Camila finalmente desviou o olhar de mim e sorriu forçado pra Sarah:

-Ah ta entendi.

-Mamãe eu tava com tanta saudades da senhora.

Disse Bella se apertando mais no pescoço da mãe que sorriu, mas dessa vez foi sinceridade.

-Eu também meu amor,mas então terminaram o bolo?

Perguntou irônica olhando pra mim,puts deu merda!

-Meu Deus a cobertura!

Gritou Ally correndo pro fogão.

-Nós vamos cobrir ele agora tia Mila.

Disse Levi.

-Tudo bem meu amor ?

Respondeu Camila  com um beijo na cabeça do pequeno que assentiu.

-Bom então eu vou deixar vocês terminarem o bolo e depois limpem a bagunça hem !

Camila colocou a Bella no chão que foi correndo para o lado de Sarah que observava tudo calada.

-Tia Sá podemos cobrir o bolo agora ?

-Vamos esperar esfriar.

Ela respondeu gentilmente.

-Bom eu vou tomar um banho to cansada.

Disse Camila voltando o olhar pra mim e saindo da cozinha.Olhei pra Ally que dizia com o olhar : Vá atrás dela e eu suspirei pesadamente .

-Bom eu vou falar com Camila,ja volto!

Enquanto subia as as escadas   fiz o sinal da cruz e caminhei até a porta que estava fechada,assim que entrei fui recebida com uma escova voando na minha direção que por sorte conseguir desviar.

-Sua puta desgramada!

Ela gritou jogando encima de mim um sapato meu ,que por sorte conseguir desviar novamente.

-Eu vou te matar Lauren.

Ela jogou o outro par em mim e eu desviei novamente,ou  Camila era  realmente ruim de mira ou eu era muito boa em desviar.

-Camila para com isso!

Ela pegou um bonequinho de ferro que decoravam o quarto e apontou pra mim.

-Você não faria isso.

Eu disse colocando as mãos na frente.

-Porque não ?O objetivo aqui é matar você.

-Camila para com isso.

É então ela jogou o objeto em mim e eu gloriosamente conseguir desviar,aquilo ja tava indo longe demais olhei com ela com tanta fúria que ela cambaleou um pouco pra trás enquanto eu ia com passos firmes até ela.Segurei seus pulsos atrás de suas costas com uma mão e com a outra apertei sua bochecha.

-Você para com essa porra agora,para com isso é foi a última vez que você jogou algo em mim ta me ouvindo Camila?!

Ela fechou os olhos pra não me ver.

-Abre a porra do olho,me olha nos olhos.

Ela balançou a cabeça negando.

-Eu to mandando você abrir a porra dos olhos.

Ela abriu os olhos que estavam marejados, descendo assim uma lágrima,ela começou a tentar se desvencilhar dos meus braços e eu a segurei firme e joguei ela na nossa cama segurando seus pulsos acima de sua cabeça e sentando sobre seus quadris.

-Sai de cima de mim agora eu vou matar ela Lauren,eu vou matar eu não to mais nem ai se a Bella ta na cozinha ou quem seja eu vou matar.

-Camila para com isso você não vai matar ninguém.Eu também queria torcer o seu pescoço por esta na praia com aquele idiota.

-Eu tava conversando com ele e nenhum momento cair encima  dele ou postei foto com ele nas redes sociais.

Eu realmente havia postado a foto para provocar Camila mas não admitiria mesmo que ela ja soubesse.

-E só uma foto e eu não tava sozinha com ela sempre estávamos acompanhadas.

-Eu também estava acompanhando Dinah e era ela que estava pegando o Léo e não eu.

-Olha a intimidade dela com o rapaz e o outro filho da puta que pediu pra olhar as coisas dele.Você desejou ele Camila ?

Perguntei me aproximando de seus lábios.

-Que ?

-Responde Camila!Você quis ele ?Se isinuou pra ele ?

-Quem você acha que eu sou sua idiota ?

-A mesma pessoa que você pensa que eu sou por estar fantasiando que eu possa ter  algo com Sarah.

-Aquela desgraçada quer você,ela quer te tirar de mim.Ela quer a minha família.Durante esses dias todos eu tentei ser compreensiva e paciente mas ver ela dentro da minha casa com minha família foi demais.

Ela disse chorando.

-Para de chorar!Para de chorar agora.

Apertei mais seus pulsos.

-Eu quero ela fora da minha casa.

Ela rugiu.

-A casa também e minha.

-Nao interessa,eu não perguntei de quem é a casa eu to mandando ela fora daqui.

Disse soluçando.

-Para de chorar.

Fui ate seus lábios e enrosquei os meus com os dela.

-Eu te amo amor,você é o meu sol sem você eu to perdida eu quero so você,só você me interessa.

Soltei seus pulsos  e segurei seu rosto limpando as lágrimas com meus polegares,dei um beijo nos seus olhos e depois em suas bochechas até chegar na sua boca.

-Você entendeu ?Eu te amo,te amo te amo ,te amo !

Eu disse enquanto dava selinhos em seus lábios até que iniciei um beijo calmo deslizei minha língua para dentro de sua boca e ela prontamente chupou e assim continuamos o beijo lento e calmalmente.

Senti  que eu a acalmava beijando ela daquela forma.Separei nosso lábios e ela abriu os olhos inebriada.

-Ta mais calma ?

Ela assentiu eu sair de cima dela e deitei na cama a puxando para deitarmos de conchinha.Nossas mãos estavam unidas e cruzadas inalei o cheiro de seu pescoço e cabelo e me acalmei.

-Minha bebê,eu te amo tanto.

Ela apertou mais minha mão e colocou mais o corpo perto de mim.

-Eu também te amo muito.

Respondeu  com a voz fraca.

-Eu não queria que sua chegada fosse esse estresse todo.

-Nem eu,Lauren eu so não fiz uma cena la embaixo por respeito as crianças.

-É eu imaginei,você entendeu que foi um acidente ?

-Você sabe que eu não gosto dela e faz essas brincadeiras com ela a convidá pra nossa casa.

-Eu não convidei Bella convidou,e foi a nossa filha que iniciou a brincadeira quando eu fui ver ja estávamos naquela situação.

-Isabella e uma criança mas você não,deveria ter evitado isso tudo sabendo da minha antipátia por ela.

-Digo o mesmo pro cara da praia.

-Tá eu deveria ter voltando da praia mas eu não vi nada demais eu nao tava fazendo nada.

-Eu também pensei da mesma forma.

Respondir respirando fundo Camila virou,me fitando com aqueles olhos castanhos que agora estavam um pouco avermelhados.

-Nós somos duas idiotas.

Ela disse com meio sorriso.

-É  somos.

-Eu não posso exigir que você não trabalhe mais com ela já que já disse que não está nas suas mãos isso,  mas quero que ela seja proibida de entrar aqui.

-Só se você prometer também parar de ver Antony.

-Como ele veio parar nessa conversa ?

-E uma mão de via dupla bebê.

-Ta eu prometo.

Subir o dedinho e ela me olhou sorrindo.

-Qual é e uma promessa séria precisa ser feita da melhor maneira possível.

Camila sorriu e subiu o dedinho e nos unimos eles é demos um selinho.

-Prometido.

-Prometido.

Roubei outro selinho e ela outro.

-Preciso tomar um banho to cansada.

Ela suspirou cansada.

-Quer que eu te acompanhe nesse banho ?

Sugerir apertando sua bunda.

-Não antes de você dispensar a sua visita indesejável.

-Ta eu vou resolver isso!Depois quer uma massagem ?

Eu disse distribuindo beijos por sua nuca,Camila riu.

-E o como eu retribuiria isso?

-So me permitindo ficar perto de você ,depois eu penso em uma maneira.

Pisquei .

-Gostei disso.

-É amanhã não vamos trabalhar.

Informei .

-Amor eu preciso ir.

-Nao,não precisa amanhã vamos ter um dia só nosso.

-Vai me da outra casa ?

Gargalhei:

-Não meu amor,  nós vamos ficar em casa uma curtindo a outra.

-Gosto disso também.

Lhe dei um selinho e levantei,indo até a cozinha que ja estava limpa e as crianças estavam terminando de comer o bolo sentadas à mesa:

-Cadê Sarah?

Questionei me apoiando no balcão onde Ally estava limpando.

-Ah ela já foi,depois que cobriu o bolo ela atendeu o celular e saiu dizendo que era uma emergência.

Respirei aliviada.

-Foi melhor assim já que vim realmente pedir pra ela ir.

Ally parou o que fazia,olhou para as crianças pra ter a certeza que elas não nos ouvia e segurou minhas mãos:

-Vocês estão bem?

-Sim conseguir acalmar ela.

-Que bom!O que eu acho bonito e isso brigam,mas no final conseguem se entender.É o poder do amor!

Sorrir.

-Haja poder nesse casamento!Deu trabalho acalma aquela ali,Camila tem rosto de anjo mas pode ser um demônio quando quer.

-Cadê a mamãe,momy?

Perguntou Bella com o rosto cheio de chocolate e eu sorrir.

-Ah meu bem ela vai banhar ela está muito cansada filha.

-Eu posso banhar com ela, momy?

-Eu acho melhor não.

-Mas eu to suja !

Olhei pra minha pequena e suspirei,contra provas não há argumentos:

-Tudo bem vamos tomar um banho eu você e a Mamãe Okay?

-Obaaaaaaa.

Ela disse levantando os bracinhos.

-Levi meu filho eu não te convido  porque você é menino.

-Tudo bem dinda.

-Mas isso não te livra do banho mocinho ,terminando ai banho !

Disse Ally séria.

-Tá mami.

-Bom eu vou subir.

-Tá vou terminar de arrumar as coisas aqui.

-Ally não precisa,depois eu arrumo.

-Ta tudo bem,pode ir tomar o banho de vocês.

Dei um beijo na bochecha da minha amiga e outro na do meu afilhado e peguei minha sujeirinha no colo e subimos as escadas.

Entramos e Camila estava de roupão com o cabelo em um coque alto.

-Olha quem vai tomar um banho com a gente.

Camila olhou sorrindo.

-Obaaaaaaaa.

Gritou Bella e Camila fez o mesmo gritinhos .Bella desceu de meu colo e foi até a mãe que começou a despi-lá. Fui no banheiro e enchi a banheira e coloquei uns sais de erva doce com lavanda.

Tirei minha roupa,fiz um coque no cabelo  e entrei  na banheira,seguida de Camila que se posicionou entre minhas pernas e Bella nas dela.

-Eu gosto muito,muito,muito desse cheiro.

Disse Bella deitando a cabeça perto  dos seios da mãe.

-Eu também adoro.

Respondeu Camila deitando a cabeça no meu ombro.

-Quando sua mãe tava grávida e ficava muito estressada ela so se acalmava se eu entrasse na banheira com ela é ficasse cantando pra  você enquanto alisava a barriga dela.

-Eu tava na barriga da mamãe?

Perguntou Bella se virando pra mim e sua mãe com curiosidade.

-Sim meu amor bem aqui dentro.

Camila respondeu colocando as mãozinhas da nossa filha na barriga dela.

-Eu não cabo mas ai ne mamãe?

Sorrimos com a pergunta.

- Não meu amor...
-E porque se a senhora viajasse de novo eu ia dentro da sua barriguinha e ai...

A voz de Bella  foi ficando longe.

Flashback On:


-Eu to me sentindo uma bola !

Disse Camila entrando no quarto bufando jogando a bolsa na cama acompanhada de umas sacolas.Eu estava sentada na cama lendo um livro que a professora da faculdade pediu estava no último semestre.

-Pensei que as compras com a Dinah fosse te deixar mas calma.

Camila estava com 8 meses de gestação e estava totalmente impaciente e estressada nos últimos dias o doutor disse que era normal.

-Eu pareço mais calma Lauren?

Ela perguntou,tirando o sobretudo Preto mostrando o vestido cinza colado que usava com botas até o joelho.

-Amor calma!

-Calma nada meus pés estão doloridos,e minhas costas estão me matando.

Disse ela tentando alcançar o pé para arracar as botas mas era impedida por conta da barriga a cena era hilária.

-Para de rir de mim e me ajuda.

Ela disse manhosa,levantei e tirei suas botas e depois as meias de bananas,levantei as meias e ela rolou os olhos.

-Eu gosto algum problema?

-Nenhum amor.

Aprendir durante esse tempo de gestação que não deveria contrariar ela em nada se não ela começava a chorar.

Um dia eu perguntei porque ela não comia mais legumes e ela chorou por 30 minutos sem parar,alegando que eu a estava chamando de gorda,quando na verdade só queria que ela ingerisse as vitaminas necessárias pro bebê.

Levantei e ajudei ela a ficar de pé e a tirar o vestido que estava bem colado.

-Isso tava me sufocando.

-Você não pode usar mais roupa apertada.

A repreendir e ela respirou fundo,ela tava fodidamente sexy com uma lingerie branca rendada,sua barriga estava rendondinha que parecia uma melancia.Passei a mão na sua barriga e logo sentir nossa filha chutar.

-Amor ela chutou !

-Sim ela passou o dia inquieta na minha barriga.

Disse Camila naturalmente, cada vez que eu sentia nossa pequena mexer era uma festa e novidade pra mim .

-Oi litter baby .

A neném chutou de novo e eu sorrir mais.

-Ta bom filha para de se mexer.

Disse Camila acariciando o pé da barriga.

-Claro que não deixa ela.

-Amor isso é tão desconfortável,quando ela começa a se mexer assim machuca e ela fez isso o dia todo.Lauren vamos banhar ?E ai você pode cantar ela fica tão mais calma.

-Ela ou você.

-Nós duas.

Sorrir e dei um beijo na barriga dela e depois em seus lábios e fui pro banheiro preparar a banheira.Em poucos minutos eu estava alisando sua barriga e cantarolando uma música.Eu amava esses momentos,meu coração ficava completo.

FlashBack Off.


-Né momy?

Perguntou Bella me tirando de minhas lembranças.

-Desculpa filha não ouvir.

-A mamãe podia colocar um bebê na barriguinha dela ne?

Sorrir e respondi:

-Filha não é tão fácil ter um bebê.

-Quem sabe mais pra frente.Tudo bem?

Disse Camila dando um beijo em Bella.

-Okay mamãe.

-Vire-se vamos lavar esse cabelo cheio de farinha feche os olhos !

Disse minha mulher jogando um pouco de água na cabeça da nossa menina que depois mergulhou dentro da banheira.Me virei para pegar o vidro de  shampoo e o condicionador para Camila que logo lavou a cabeça dela,terminamos de banhar e eu vesti um Baby doll rosa claro que ganhei da minha mãe ,e Camila optou por uma camisola branca rendada.

Minha mulher nos deixou no quarto alegando esta com fome e pelo o tempo  que demorou julguei que não estava só comendo como estava conversando com Ally.

Minutos mais tarde estávamos assistindo desenho no quarto quando ela entrou.

-Nao acha que já ta na hora dessa mocinha ir pra cama dela?

Perguntou Camila cruzando os braços perto da cama.

-Eu durmo aqui com a momy agora mamãe.

Olhei pra pequena e depois pra minha esposa que sorria.

-Nao quem dorme com a momy sou eu ,você dormiu com ela quando a mamãe estava fora e eu te agradeço muitíssimo por isso meu amor.

-Mas eu não posso dormir com vocês ?

Perguntou ela se levantando e fitando nós duas.

-Não ,a momy ta com saudades de dormir com a mamãe filha,outro dia dormimos as três Okay?

Respondi dando um beijo em sua bochecha.

-Tá bom.

-Venha eu te levo pra cama.

Disse Camila estendendo o braço pra filha,e logo à pegou no colo e saiu,alguns minutos depois ela entrou no quarto e trancou a porta..

-Espero que a massagem ainda esteja em pé porque a minha coluna já era.

Disse ela se deitando ao meu lado.Sorrir e lhe dei um selinho demorado.

-Está,e olha nos devemos parar de ficar pegando a Isabella no colo toda hora ela ja tem 4 anos e não pesa mais como uma criança de colo.

Eu disse levantando para pegar um óleo.

-É mas ela é tão fofa que se eu pudesse seria igual aquelas mães cangurus.

-Sei que sim querida,tire a camisola e deitei de  bruços.

Pedir ja com o óleo na mão.

-Você não ta com planos de fazer sexo não ne amor?Eu to tão cansada.

Ela disse tirando a camisola e deitando de bruços.

- Eu meio que tava mas eu te entendo,porém eu duvido que se eu começasse você  ia pedir pra parar.

-Convencida.

Sentei encima de sua bunda e coloquei um pouco de óleo nas mãos e comecei a espalhar e massagear as costas dela,iniciei com movimentos circulares e depois fui fazendo pequenas pressões,Camila começou começou gemer baixo.

-Nossa isso é tão bom amor.

Sorrir e continuei massageando.

-Então, tirando o dia de praia.

Dei um pequeno beliscão na sua cintura.

-Como foi o restante da convenção?

-Ai amor,foi bem ah eles passaram um desafio de fazer um projeto e quem ganhasse ganharia um prêmio em dinheiro e  o projeto divulgado em uma das melhores revistas de design.

-Que legal amor e quem ganhou ?

-Dow é claro que fui eu!

Parei de massagear suas costas.

-Sério ?

-Claro eu sou Camila Jauregui eu consigo tudo que quero.

Ela disse usando o mesmo tom que eu ultilizei,o que me fez rir.Dei um beijo em suas costas até chegar em seu rosto que estava virado de lado e lhe da alguns selinhos.

-Parabéns minha bebê fico feliz por você..

Ela sorriu e me roubou outro selinho e eu voltei para a massagem,ficamos alguns segundos em silêncio até que ela se pronunciou.

-Amor.

-Oi.

-Eu fiquei chateada por você não me falar do jantar ontem.

Respirei fundo eu não tinha contado por conta da correria e cansaço.

-Eu sei que eu não poderia ir mas fiquei chateada por você não compartilhar isso comigo.

-Amor eu juro que foi por conta da correria e apesar de eu ter subido de cargo eu não me sentia totalmente completa e feliz porque você não estava ali até falei isso no meu pequeno discurso.

Camila sorriu.

-Tá perdoada e eu to muito orgulhosa de você.

-Obrigada amor.Quer que eu continue ou já ta bom ?

Camila abriu a boca em um bocejo.

-Já ta bom agora eu quero dormir agarradinha com você.

Dei um beijo em suas costas e desci de cima dela para apagar a luz e guardar o óleo,me deitei e ela se aproximou de mim colocando as pernas sobre as minhas e eu coloquei minhas mãos em seus seios.

-Amor....

Ela disse em tom de reprovação.

-Eu sentir sua falta só quero tocar sua pele posso?

Camila riu.

-Eu sou toda sua amor me toque onde você quiser.Pensei que você estava com segundas intenções.

-Nao vou mentir eu estou mas sei o quanto ta cansada.

Camila começou a beijar minha nuca

-Amanhã eu que vou comandar o dia.

Ela disse sonolenta.

-Como assim?

-Ue amanhã nós não vamos trabalhar ne? E tampouco vamos ficar aqui dentro de casa.

-Eu tava planejando ficar trancada com você aqui.

Respondir sorrindo .

-Sinto muito em frustrar seus planos amor.

-Tudo bem.

-Você não irá se arrepender.

Fiquei mexendo no cabelo dela até ela dormir e eu ser também vencida pelo o sono.

Quarta-feira  09:45 AM


-Bom dia dorminhoca.

Ouvir a voz de Camila e fui abrindo os olhos lentamente contemplando a visão dela me dando selinho.

-Bom dia bebê.

-Senta pra tomar café.

Ainda sonolenta olhei pro relógio do lado da cama e o pânico me atacou.

-Meu Deus a Bella,não levei ela na escola!

Me sentei na cama.

-Calma eu acordei e levei tanto ela quanto Levi,Ally foi ajudar normani em algumas coisas na academia hoje cedo.

-Ah ta.

-Você nem viu a bandeija de café da manhã que eu trouxe.

Disse manhosa,olhei para o lado e vi uma bandeija com salada de fruta,torradas,cookies,geléia,iorgute, granola e um cappuccino.Sorrir.

-Oh meu amor que coisa linda !Obrigada.

Ela pegou a bandeija e colocou nas minhas pernas me dando um selinho,de pronto comecei a comer algumas coisas.

-Nao tem aquele bolo?

Camila me olhou  e pegou a pequena faca  de serra e apontou pra mim :

-Nao vem não ja basta a minha filha ter comido aquele bolo....

-Mas eu nem experimentei.

Disse com a boca cheia.

-Você quer bolo?eu faço agora pra você,quantos você quiser do sabor que você quiser.Mas você vai comer o meu bolo e não o dela.

Sorrir.

-Abaixa essa faca mulher,quer ainda me matar?

Perguntei tomando  um gole do meu cappuccino.

- Nao.

Ela disse abaixando a faca e devolvendo pra bandeija.

-Mas ainda tem muito bolo la embaixo então eu pensei ....

-Lauren para você ta me provocando !Quer que eu faça um bolo ?Eu faço meu amor do que é que você quer?

-Não precisa amor eu só realmente pensei que por ter muito...

Camila apressou-sem em dizer:

-Não tem mais bolo!

-Você jogou fora ?Amor é pecado jogar comida fora.

-Foi o que Ally me disse,então pedir pra ela dá pra alguém e ela disse que levaria para umas crianças que ficava no sinal

-Menos mal.

Disse voltando minha atenção para a bandeija.

-Falando em bolo na reunião de pais você ao invés de fazer um com Bella comprou amor ?

Disse Camila em tom de reprovação,terminei de tomar o Iogurte.

-Eu não sei fazer bolo,Ally não tava com cabeça pra fazer isso então...perai Como descobriu?

-Bella.

-Mas eu pedir segredo.

-Isabella não me esconde nada.

-To vendo,assim como ela também me contou que você vive comprando roupa escondida pra ela quando o combinado era comprar somente o necessário.

-Roupa é uma coisa necessarissima ninguém sai na rua sem roupa!E ela cresce cada dia mais.

-Mas você exagera amor....

-Precisamos conversar com ela sobre guardar segredo. ...

Bufou Camila e eu rir.

-Sim,bom eu amei o café da manhã meu amor,obrigada mas como não sei pra onde quer me levar eu de qualquer forma vou banhar.

Meu celular tocou e eu peguei era Sarah,olhei pra Camila que viu o número e rolou os olhos tirando a bandeija da minha perna e saindo do quarto.

-Oi Sarah.

-Oi Lauren desculpe atrapalhar,Ferdinando me contou que sua esposa ligou dizendo que não viria hoje mas é porque eu não to entendendo um contrato aqui poderia passar aqui pra me explicar ?

-Qual e o número do contrato ?

-XZT4678.

-Então você vem?

Levantei da cama e desci até escritório.

-Nao eu consigo resolver daqui mesmo,espere um minuto.

Liguei o computador e loguei na minha conta já que eu e Camila ultilizavamos o mesmo espaço pra trabalhar.

-E como você vai resolver isso daí ?Acho melhor você passa aqui!

-Não eu tenho acesso remoto do meu computador do trabalho aqui em casa,tá tudo aqui me fale novamente o número do contrato.

Camila entrou no escritório sentando na cadeira em frente a mim,enquanto Sarah repetiu o código e tive acesso ao contrato.

-Me fala qual é a sua dúvida?

-Ah minha dúvida está na parte das vontades do locador.

Comecei a explicar pra ela é Camila fez sinal pra mim desligar.

-Entendeu ?

-Entendi Lauren ,obrigada .

-Nada.

-Amanhã você vem?A Bella gostou do bolo?

-Sim,depois nos falamos até mais Sarah.

Desliguei e Camila veio e se sentou no meu colo.

-Eu odeio ela.

-Amor para com essas coisas

Eu disse passando as mãos em suas cintura.

-Ela quer você eu to te falando...

-Mas quem tem meu sobrenome ?Quem mora comigo? Quem é que eu amo?Com quem tenho uma família?

Camila sorriu meiga:

-Eu!

-Exato.

-Te amo !

Ela disse e eu tomei  seus lábios para um beijo que começou lentamente mas com  as nossas línguas entrelaçadas e uma sugando a outra não teve como o clima não esquentar.

-Eu....

Camila gemeu separando nossos lábios.

-O que ?

Perguntei respirando pesado.

-Quero você agora!

Ela mal terminou frase e eu já  estava tirando sua blusa e depois sua calça,Camila estava de pé entre minhas pernas ,apoie a cabeça em sua barriga.

-Seu corpo e uma perdição.

-Você faz com que ele queime quando to perto de você.

Olhei pra ela e passei as mãos em seus quadris ,quando ela pensou que eu iria apertar sua bunda eu desci sua calcinha.

Derrubei algumas coisas da mesa e bati de leve para que ela sentasse,o que ela fez prontamente ja abrindo as pernas.

Fui ao centro de sua intimidade e passei a língua de cima pra baixo e inalei bem o seu cheiro:

-Nunca vou me cansar de comer você.

Eu disse mordendo sua coxa dos dois lados.

-E eu nunca vou cansar de ver você me comendo.

Sorrir e comecei a chupa-la fortemente como se eu precisassem daquilo pra viver,a penetrei com a língua dando longas chupadas e pequenas mordidas,Camila movia o quadril,levei minhas mãos até seus seios e comecei a massagear o direito enquanto trabalhava em sua buceta rosada.

-Amor porra isso é tão bom oh,oh ,oh.

Ela disse entre os gemidos,alguns segundos depois sentir o seu gosto escorrendo pela as suas dobras e tratei de limpa-la sugando cada gota.Limpei mina boca nas suas coxas .

-Vem rebola aqui.

Eu disse posicionando três dedos em meu colo ,eu ja tava toda molhada e com a pressão de Camila rebolando encima de mim logo eu gozaria.

-Amor 3 não.

-Você aguenta.

-2.

Ela disse mordendo os labios e fiz o que ela pediu,Camila desceu devagar sobre meus dedos e ao ver aquela cena fiquei ainda mais louca,enquanto ela rebolava sobre meus dedos eu massageava seus seios,Camila kikava no meu colo fazendo um atrito delicioso sobre minha intimidade.

-Vai continua rebolando você vai me fazer gozar sem tirar a roupa.

Eu disse falando em seu ouvido e mordendo de leve,Camila acelerou mais os movimentos e eu não resistir acabei gozando, ela kikou mais um pouco e depois sentir meus dedos sendo apertados sendo seguido de um liquido escorrendo.

-Nossa isso foi muito,muito muito bom!

Disse Camila com a voz pesada ainda no meu colo.Dei um sorriso e mordi seu ombro.

-E quando não é ?

-Sua prepotente!E o pior e que e verdade.

-Vai levantando devagar.

-Nao quero!

-A gente pode terminar no banheiro.

Sugerir movimentando meus dedos em sua intimidade.

-Gostei.

Camila se levantou devagar eu quase gozei vendo a cena dela se levantando e seu líquido transparente e grosso escorrendo.

-Droga.

Ela falou olhando pro chão.

-Depois a gente limpa.

-E se manchar meu carpete?

Coloquei os dedos na boca chupando,Camila me olhava com a boca entre aberta.

-Foda-se o carpete vamos logo pro banheiro quero sentir seu gosto e também quero brincar com o meu brinquedinho.

Disse ela se referindo ao meu piercing,levantei e peguei minha mulher no colo e subimos para o nosso quarto onde eu fui muito bem recompensada pelo os orgasmos dados.

Estávamos no carro em direção direção um lugar desconhecido,Camila dirigia e o radio estava ligado quando começou uma música que eu amava e era a cara minha e da minha esposa.

-Escucha mi  amor.

Eu disse aumentando o som e comecei a cantar pra ela :

(O link da música se encontra no início do capítulo)

"Cuando no la llamo Siempre me hace reclamos Discutimos, peleamos
Pero llego a casa en la noche La molesto y arreglamos
Ah ah ah, ah ah ah
Peleamos, nos arreglamos
Nos mantenemos en esa pero nos amamos Ay vamos
Ah ah ah, ah ah ah
Qué pena me daría
No tenerte en mi vida, vida mía, mami
Ah ah ah, ah ah ah"

Camila ria e eu continuei:

No importa si estás lejos
Siempre te siento presente
Y estoy pendiente de tí frecuentemente
Cuando estoy en la calle
Resolviendo mis problemas
Es pa' nuestro futuro
Yo no sé por qué me celas
No soy un santo Tampoco ando en cosas malas
Cuando no estoy contigo
Es porque ando con mis panas
Somos polos opuestos
Y por eso nos gustamos
Qué más le vamos a hacer
Si así nos enamoramos
Y ahí vamos Ah ah ah, ah ah ah Peleamos nos arreglamos
Nos mantenemos en esa pero nos amamos
Ay vamos Ah ah ah, ah ah ah
Qué pena me daría
No tenerte en mi vida, vida mía, mami
Todos los días yo la tengo que ver
Así peleemos primero, mi mujer Mami, no me celes tanto
Que yo siempre me conmuevo con tu llanto
Nena, nena, tranquilícese
Que en la calle a nadie besé
Yo solo tengo ojos pa' usted Relájate, despreocúpate Nena, nena, tranquilícese
Que en la calle a nadie besé
Yo solo tengo ojos pa' usted Relájate, despreocúpate
Que ahí vamos Ah ah ah, ah ah ah

A música acabou abaixei o volume e Camila ainda riando comentou:

-Você que escreveu essa música dona Lauren Michelle?

Gargalhei.

-Parece né? Não é incrível como a músicas as vezes nos descreve?

Perguntei dando um beijo em sua bochecha.

-Eu amo música,acho que nós devemos colocar a Bella em aula de música o que acha ?

Ela questionou.

-Se ela quiser porque não ?!A música so trás benefícios.

Respondir assim que paramos em um sinal,diante das minhas vistas passou uma mulher muito bonita na faixa e eu acompanhei o balançar de seus quadris,e recebi uns tapa por isso.

-Você quer descer pra ir atras dela?

Perguntou Camila me encarando,sorrir :

-Será que da tempo?

Perguntei, Camila continuou me dando uns tapa enquanto dirigia..

-Eu tava brincando,ai amor ja chega !

-Você (um tapa)para (outro tapa)de me (outro tapa)provocar (um tapa na minha testa)

Ainda sorrindo,olhei pra minha mulher e cantarolei uma parte da música.

- Nena, nena, tranquilícese
Que en la calle a nadie besé
Yo solo tengo ojos pa' usted Relájate, despreocúpate Nena, nena...

Camila revirou os olhos.

-Para com essa brincadeiras, que palhaçada!

-Desculpa bebê, me dá um beijo.

Eu disse chegando perto dela.

-Não,eu to dirigindo e você não tá merecendo.

-Ah não vai me da um beijo ?

-Nao!

Respondeu fazendo bico.

-Então eu vou atrás daquele mulher pra vê se ela me dá um.

Camila parou em outro sinal e me encarou cruzando os braços.

-Você não deveria me falar essas coisas enquanto eu estou dirigindo.

-Então me da um beijo.

Camila suspirou e apertou minhas bochechas e passou a língua no meio dos  meus lábios :

-Se você não parar com essas brincadeiras vai ficar uma semana sem sexo.

-Você não aguentaria .

Respondir como eu pude por conta das minhas bochechas apertadas.

-Me tenta pra ver ! Agora cala a boca e vem pegar o beijo que você queria.

Sorrir e avancei em sua boca  foi um beijo explosivo e totalmente sexual ouvimos os carros buzinar e sorrir em seus lábios,Camila me roubou um selinho e voltou a dirigir.

Depois de uns minutos ela estacionou em um parque que ficava perto de píer.

-Parque de diversões ?

Questionei assim que saímos do carro.

-Os lugares onde eu quero ir  fica por aqui.Mas se você quiser podemos ir em uns brinquedos.

-Podemos mesmo ?

Perguntei como se fosse uma criança,Camila sorriu:

-Podemos amor !

Puxei pela a mão de Camila para adentrarmos no parque correndo e fomos direto para a montanha russa,ela apertou minha mão quando estávamos na pequena fila.

-Que foi amor ?

Perguntei beijando sua mão.

-Eu to com medo,podemos ir em outro?

-Não bebê ja estamos aqui!Bella ia amar.

Eu disse mais que empolgada.

-Mas nunca que eu deixaria minha bebezinha ir em um trem desses ela nem tem idade.

Dei um beijo em sua bochecha dela  e logo chegou nossa vez,paguei e adentramos ,o rapaz travou as travas de segurança e Camila apertou minhas mãos.

-Calma amor ,relaxa.

-Relaxar?em uma montanha russa?

Sorrir pra ela, o brinquedo começou a andar,conforme ia subindo o frio na barriga se fazia constante, quando chegou ao topo olhei pra Camila que fechava os olhos com força.

Foi tudo muito rápido eu gritei não de medo mas de adrenalina,alguns minutos depois o brinquedo parou e as travas foram liberadas,levantei e joguei meu cabelo pro lado,Camila Continuou sentada com cara de assustada o que me fez rir :

-Camz vamos amor.

Ela me olhou pálida.

-Eu to com as pernas mole não consigo nem levantar.

-Amor olha o drama,se você não levantar vai de novo.

Camila se apavarou com a idéia e levantou prontamente.

-A ideia era eu te surpreender e não você.

Ela disse assim que saímos do brinquedo,sorrir e unir nossas mãos.

-Ah amor, eu to curiosa pra saber o que é.

-Podemos tomar uma água e sentar?

Ela disse mudando de assunto.

-Camz que bobeira.

-Eu não tenho mais idade pra ir nesses brinquedos.

-Quem ouve parece que é uma idosa,vem vamos ali tomar sua água

Ela sentou em um das cadeiras que tinha na lanchonete enquanto pegava sua água.

-Pronto.

Disse colocando a garrafinha encima da mesa e sentei,observei minha esposa beber água e respirar fundo.

-Precisamos trazer Bella aqui,já temos 3 lugares pra levar ela.

Eu disse tamborilando os dedos na mesa.

-Sim,parque de diversões,casa do lago e praia.

Respondeu Camila.

-Bom podemos fazer isso no aniversário do meu pai daqui duas semanas em Miami...

Lembrei do meu velho e sorrir.

-Oh tinha esquecido,vai dá pra gente ficar um bom tempo lá já que seu pai faz aniversário perto do feriado.

-É  o feriado é na quinta,podemos pegar um vôo na quarta-feira à noite e assim quinta já estamos la,domingo a tarde voltamos.

Sugerir e minha esposa assentiu.

-Perfeito!

Após me responder ela desviou seu olhar para atrás de mim e eu ne virei pra ver o que tinha chamado sua atenção,havia  uma tenda vermelha com dourada com uma placa "Você sabe quem foi em outras vidas?,Entre e descubra!"Sorrir do quanto patético aquilo era.

-E tem gente que acredita nisso !

Eu disse olhando pra minha esposa que me olhou com um olhar sugestivo,eu conheci aquele olhar e me apressei em dizer:

-Nem pense Camila isso é enganação amor.

-Por favor.

-Não!

-Veja como um entretenimento.

Ela insistiu !

-Nao amor,vamos no bate bate.

-Então você vai no bate bate e eu na  tenda.

Disse se levantando e caminhando em direção a tenda,rolei os olhos e corrir para acompanha-la de maneira alguma eu deixaria ela entrar ali sozinha,sabe-se lá o que fariam pra que  ela acreditar  no que eles iriam dizer .

-Você veio.

Disse Camila ao unir minha mão com a dela,bufei:

-E lá vamos nós. ....























Notas Finais


O que será que vai acontecer nessa tenda?E o que será que Camila planejou?Até amanhã!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...