História O policial e a secretária - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Aquarius, Elfman Strauss, Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Hibiki Lates, Ichiya Vandalay Kotobuki, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Kagura Mikazuchi, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Minerva Orland, Natsu Dragneel, Rogue Cheney, Silver Fullbuster, Sting Eucliffe, Wendy Marvell, Yukino Aguria
Tags Gajevy, Gale, Jerza, Nalu
Exibições 76
Palavras 1.279
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Luta, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi gente mais um capitulo para vocês então vamos começar

Capítulo 5 - Esta frio!


Fanfic / Fanfiction O policial e a secretária - Capítulo 5 - Esta frio!

Gajeel dirigia sem tirar os olhos da estrada Levy olhava para a janela olhando a neve cair cada vez mais rápido

       -Ei esta tudo bem baixinha

      -Esta sim só estou pensando em uma coisa!

       -Mas que coisa é essa?

       -Uma coisa no meu passado!

        -É sobre aquilo que a Lucy falou para mim mas ela não quis contar? para mim ela falou que é uma coisa muito importante para você!?

         -É isso mesmo não gosto que fala de uma certa pessoa!

       -Porque ? Ele vez alguma coisa com você?

Gajeel olhou para a azulada que abaixou a cabeça começando a chorar,Gajeel encostou o carro parando olhando Levy chorar mais,o moreno abraçou a azulada  deixando ela chorar mais

        -Vai ficar tudo bem baixinha eu estou aqui com você esta bem!

       -Muito obrigado Gajeel por isso que eu te a...

Gajeel olhou para Levy esperando sua resposta vir

         -Por isso que?

Gajeel perguntou ainda querendo ver oque a azulada iria falar para ele

      -Por isso que você é meu amigo!

Gajeel abraçou Levy apertando ela cada vez mais ate ela pode sentir os músculos definidos do moreno

          -*Porque não consegui falar para ele que eu estou apaixonada por ele? Melhor não assim não vou sofrer como antes!*

Levy pensou enquanto sentia o cheiro do moreno que soltou a azulada mas mesmo assim ela estava abraçada a ele Gajeel cutucou Levy mas nada de ela se mover

         -Ei baixinha você morreu?

        -Não porque?

       -Porque você não me solta ou iremos chegar atracados no shopping

      -É mesmo!

Levy soltou Gajeel deixando ele ligar o carro e dar partida no carro e seguindo estrada Levy olhava Gajeel raras vezes mas sempre que o moreno olhava para ela a azulada virava o rosto para a janela do carro fingindo estar vendo a neve

        -Ei baixinha eu vou dormir na sua casa hoje!

     -Oque mas e o seu gato?

      -Ele vai ficar bem ele nem fica muito em casa mesmo!

      -Mas amanha é o casamento do Natsu e da Lucy e como você vai se trocar?

         -Eu já trouxe minhas roupas então eu boi para sua casa!

    -Esta bem mas você já sabe as regras!

        -De não entrar no seu banheiro não quebrar a TV não entra no seu quarto..

     -Isso mesmo

      -E também não fazer sexo com você só se você querer!

     -Isso mesmo!

     -gihee

     -Ei você me pegou isso não vale!

     -Você quem disse não posso falar nada ! Você falou com suas próprias palavras!

     -Idiota! A final já chegamos?

     -Acabamos de chegar!

Gajeel estaciona o carro no estacionamento saindo junto com a azul da batendo a porta do carto pegando o elevador Levy estava colada em Gajeel não saia de perto dele por nada,chegando no segundo andar eles saíram do elevador Levy ficou vendo alguns sapatos em lojas mas nunca comprava nada

      -Porque você não compra nada em baixinha?

     -Porque eu não tenho dinheiro!

      -Mas você não trabalha?

       -Sim mas eu tenho que arrumar a cova da minha mãe eu sempre peço para deixar sempre arrumada! E mando resto do dinheiro ra meu que pai que me abandonou quanto minha mãe morreu mas mesmo assim mando dinheiro para ele!

       -Mas se ele de abandonou como você manda dinheiro para ele?

         -Eu sei onde ele mora eu falo para ele que eu sou uma prima de minha mãe ou coisa e tal e ele acreditou em mim!

      -Nossa você é muito esperta! Só por isso vou comprar um sapato para você!

     -Oque?

     -Isso mesmo e eu quero ver você usando ele no casamento da Lucy já que seremos padrinhos do casal!

    -Isso mesmo! Mas não precisa fazer isso!

     -Precisa sim!

Gajeel puxou a azulada pelo pulso entrando na liga de sapato,Gajeel comprou um que a Levy não tirava o olho o tempo todo era um salto alto preto com pedrinhas no salto,Depois de comprar varias coisas o casal foi assistir um filme de comedia,Levy não tirava os olhos da tela enquanto o moreno só olhava ela dar uma risada em cada cena engraçada Gajeel não parava de admirar a azulada ate ela perceber que o moreno estava olhando ela

      -Oque aconteceu? Porque esta olhando para mim?

       -Tem um pouco de refrigerante aqui!

Gajeel beijou a azulada fazendo todas as pessoas do cinema parar e olhar para o casal se beijando mas pararam de se beijar quanto uma criança passou

      -Nossa que nojo!

O casal se separou Levy estava extremamente vermelha com o que acabou de acontecer a azulada bebeu um pouco do refrigerante abaixando a cabeça enquanto o moreno olhava para ela

      -Oque foi?

Levy perguntou olhando para o moreno que não parava de encarar a azulada

       -Você é mais bonita do que eu pensei!

      -Ga..jeel..tem muita gente aqui!

      -Que olhem!

Gajeel deu um selinho na azulada depois esquentando mais o beijo

     -Ei vão logo para a cama!

Um homem do fundo da sala falou fazendo o casal se separar e voltar a assistir o filme mas já estava no final, acabou o filme Gajeel e Levy voltaram para o carro e saindo do shopping no caminho para voltar Gajeel estava dirigindo

        -Ei Gajeel podemos ir ali? Tando tempo que não como algodão doce!

Levy apontou para o parque que estava aberto ainda todo iluminado chamando a atenção de quem passava pelo local,Levy saiu dok carro correndo comprando um algodão doce e comendo algumas partes,Gajeel pegou um pedaço ouvindo a azulada reclamando por ter pego o algodão doce.

          -Gajeel estou com frio!

Levy falou se encolhendo no banco do parque

        -Então vamos embora estou morrendo de sono!

Levy e Gajeel estava andando quanto o moreno puxou a azulada para perto dele enrolando seu sobre tudo  na baixinha deixando ela mais quente,Gajeel e Levy entraram no carro rumo a casa da azulada auto chegaram Gajeel pegou todas as coisas do carto levando para dentro da casa da azulada

        -Você já pode ir!

        -Eu disse eu vou dormir aqui com você!

       -Esta bem! Vou ligar o ar condicionado!

A azulada saiu  de perto indo para seu quarto ligando o ar condicionado,Gajeel estava na sala vendo TV quanto ouviu algo

         -Gajeel vem aqui!

A azulada chamou  o moreno que foi para seu quarto encontrando a azulada de quatro enquanto ele se aproximava da garota

     -Le..vy..oque você tem?

       -Meu ar condicionado quebrou e eu estou com muito frio!

       Levy virou para o moreno que estava de olhos fechados

       -Oque esta fazendo?

      -Me controlando! ver você de quatro me deixou excitado!

      -Desculpa! Por isso mas como vamos fazer com o ar condicionado estou com frio!

       -Eu posso dormir com você mas não vai rolar nada!

      -Eu topo!

      -A Menos que você queira que eu de coma!

      -Eu já disse quanto isso acontecer eu peço para você!

      -Então eu como você e você não vai se arrepender!

     -Você é gostoso assim?

      -Quer experimentar?

      -Não sei mas agora eu quero dormir!

Levy entrou no banheiro para trocar de roupa enquanto Gajeel só colocou a calça moletom ficando sem camisa deitando na cama,a azulada saiu do banheiro vendo o maior sem camiseta ficando corada ao ver seus músculos não pode impedir mordeu o lábio fazendo o moreno olhar para ela

      -Você esta bem?

     -Estou sim só quero dormir!

Levy deitou na cama virada para o moreno que chegou por traz da menor pegando em sua cintura a  trazendo ela para mais perto do moreno

       -Você é quente!

      -E você é bem macia! Pena que um dia eu vou de machucar fazendo sexo com você!

       -Mas não é para me machucar é para você ser carinhoso com migo!

      -Esta bem baixinha!

Levy virou para Gajeel que beijou a mesma ela virou e adormeceu nos braços do moreno

       -Quem de vez mal bainha?

Continua...

   


Notas Finais


É isso gente ate mais!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...