História O Prazer por trás dos Contos - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias 50 Tons de Cinza, A Bela e a Fera, A Rainha da Neve, Branca de Neve, Cinderela, Delírio
Personagens Personagens Originais
Visualizações 41
Palavras 374
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 26 - Capítulo 10


Mas permanência um prazer suave e persistente.
Isso era, sem dúvida, o que seu marido havia experimentado tantas vezes antes; e pensar
que ela se ressentia com ele por isso! Ela havia pensado que estava satisfazendo apenas a ele,
mas não! Todo o tempo ela estivera em busca de algo para si mesma, e agora que havia
encontrado, entendia perfeitamente por que o marido se deleitava tanto.
Ela ficou deitada imóvel, desfalecida, divertindo-se com as sensações deliciosas que
continuavam a percorrer seu corpo. O marido ainda não chegara ao seu próprio momento, mas
ela sabia que chegaria, e não tinha pressa de fazê-lo chegar lá. Em vez disso, saboreava a feliz
receptividade que sentia nele.
O príncipe se moveu lentamente para abraçar a esposa, beijando-lhe o rosto, pescoço e
lábios. Seu corpo estava fraco quando ele afastou suas pernas para descansar no meio delas.
Ela ergueu os braços para ele, que envolveu-se no abraço com um beijo profundo. Ele se
maravilhou com a inacreditável maciez e umidade onde ela o recebeu. E nem conseguia se
lembrar de quando havia se sentido tão excitado. Seu corpo inteiro sacudiu e ela se sentia
como se fosse parte dele, como se fosse inteiramente sua. Seu gozo foi mais intenso e
poderoso do que ele jamais havia experimentado, realmente trazendo. estrelas para seus olhos.
O príncipe não se mexeu por alguns instantes, simplesmente segurou Cinderela em seus
braços, enquanto continuava preenchendo-a. Sua mente revivia. os acontecimentos da noite,
detalhadamente, como,' se tentassem revelar um mistério. Uma luz estranha; veio aos seus
olhos.


Porque ele nunca havia pensado em atrair seus sentidos, provocando seu corpo para se
abrir para ele, em vez de meramente possuí-la? Como ele pôde ser tão arrogante a ponto de
descartar os segredos de dar prazer ao corpo dela? Seu próprio prazer aumentara dez vezes
com esse modo engenhoso de fusão; sem mencionar que sua masculinidade ia até
o céu quando ele testemunhava o poder absoluto que ele podia exercer sobre sua mente,
coração e corpo -não o poder de ter essas partes, mas o poder de excitar e emocionar. Ele
jurou a si mesmo que nunca mais perderia essa parte tão importante e extraordinariamente
prazerosa da união.
E Cinderela finalmente viveu feliz para sempre!




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...