História O Prazer por trás dos Contos - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias 50 Tons de Cinza, A Bela e a Fera, A Rainha da Neve, Branca de Neve, Cinderela, Delírio
Personagens Personagens Originais
Visualizações 32
Palavras 538
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 29 - Capitulo 3


Desesperada para ter o coração de Branca de Neve, ela concordou. 
O príncipe encontrou Branca de Neve trabalhando na cozinha, mas o gentil rapaz não tinha 
qualquer intenção de prejudicá-la. Em vez disso, ele a levou para a floresta para se esconder 
em segurança; depois, ao encontrar uma ovelha, ele matou o animal e cuidadosamente 
embrulhou seu coração. Contente por ter feito a coisa certa, regressou à rainha e lhe 
apresentou o coração falso. 
A rainha não perdeu tempo em cozinhá-lo em óleo não-saturado, de baixo teor de 
calorias, rico em ômega-3, e depois tentou comer um pedaço. Ela não conseguia detectar nada 
de diferente no gosto, mesmo assim, foi preciso cada milésimo de sua força de vontade para 
engoli-lo. A maldição cruel que a atormentava fezcom que comesseaté o último pedacinho. 
Depois, a rainha estava ansiosa para pôr-se diante do espelho e ver os resultados, mas o 
príncipe logo lembrou-lhe de sua promessa de passar a noite com ele, insistindo que partissem 
imediatamente, de modo que chegassem ao destino antes do cair da noite. A determinação do 
príncipe acabou vencendo, e os dois finalmente saíram juntos. 
Eles viajaram para a floresta, bem longe da maldição das terras da rainha, rumo à matas 
encantadas, até que finalmente chegaram a uma casinha de pedras quase escondida por 
inúmeras plantas trepadeiras com roseira de aroma mágico. Os galhos se sobrepunham às 
pedras e seguiam acima, quase cobrindo o telhado. Ao se aproximar, o casal sentiu o aroma 
exalado, e este os envolveu. Não se sabe ao certo se era o encantamento das flores que o 
cercavam, ou se por pertencer ao príncipe, mas a verdade é que nem o chalé, nem seu interior 
foram tocados pela maldição do feiticeiro.
No instante em que a rainha entrou pela pequena porta, ela se sentiu maravilhosamente 
bela e estimada. As próprias paredes pareciam abraçá-la, e ela foi tomada de felicidade. Ela 
pensou que isso só poderia ser o efeito da recuperação de sua beleza por ter comido o 
coração de Branca de Neve, mas, na verdade, se sentia como se sentiria todos os dias de sua 
vida, se não estivesse sob o poder de um feitiço. 
A rainha se voltou para o príncipe com um sorriso radiante. Ele a olhou e pensou que 
jamais a vira tão bela. Pegou-lhe a mão e a conduziu por uma escada estreita até um quarto 
aconchegante. No meio dele havia um espelho imenso. 
O príncipe gentilmente colocou a rainha diante do espelho. Não era encantado, portanto, 
pela primeira vez, a rainha se viu como realmente era, e não segundo os padrões mantidos fora 
das paredes do chalé. Ela se olhava impressionada. 
O príncipe pôs-se atrás da rainha e observou. Ele logo viu que seu plano havia dado certo 
e que a ela finalmente se via com o olhar dele. Depois viu os olhos dela encontrarem os seus. 
Subitamente, a obsessão da rainha por sua própria aparência sumiu, e ela percebeu o 
quanto seu criado era belo. Mas que casal extraordinário eles formavam, percebeu ela, 
olhando os dois pelo espelho! Ela se perguntava como seria possível nunca ter notado os seus 
cabelos escuros e cacheados nas pontas. Ou como sua pele morena e macia iluminava seus 
olhos azuis.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...