História O primeiro amor do Maknae (VKOOK) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor, Bts, Namjin, Taekook, Vkook, Yoonseok Jihope
Exibições 1.795
Palavras 1.657
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu não dessas que põe notas antes do capítulo, maaas...
CARAMBA! 100 Favoritos? Gente, eu postei o prólogo dessa Fic três dias atrás era 2h da manhã e tava tremendo mais que boneco de posto, super insegura, porque pensei que ninguém fosse gostar, pelo fato da história não se passar em um universo alternativo e também que, geralmente putaria faz mais sucesso aqui, (taradões) E como eu não queria fazer isso de chegar e já jogar um sexo logo de primeira ( Não é que Não vá rolar, pq vai) Mas Não queria sem antes contar a história de amor dos personagens, de modo que o momento íntimo deles chegasse naturalmente na Fic.. Pensei que iam me achar chatona! Enfim, eu tô muito feliz e agradecida porque de fato, eu não imaginei que chegaria a 100 favoritos e sinceramente pode parecer sem importância, coisa pequena, mas muito obrigada. E tem muito mais capítulos pela frente e espero que vocês continuem gostando.
100 FAVORITOS! EU TO SUBINDO PELAS PAREDES E GIRANDO O PESCOÇO EM 360° (sangue de Jesus tem poder, saí satanás) ... PARA COMEMORAR VOU CORRER PELADA PELA VIZINHANÇA. Obg gente! Eu te amo vocês e agora VAMOS LOGO PRA ESSA BUDEGA PQ OS PROXIMOS CAPÍTULOS DARÃO OUTRO RUMO A HISTÓRIA!! Vamos ao meu bordão:

Com amor, aos Vkook shippers.

Capítulo 9 - Adivinhe ou Pergunte


Fanfic / Fanfiction O primeiro amor do Maknae (VKOOK) - Capítulo 9 - Adivinhe ou Pergunte

" Você quer

Quer jogar  comigo

Jogar comigo

Amarelinha, Monopoly, Luz vermelha,

Luz verde,  G. I. Joes e Barbies

Esconde-Esconde, Chute a lata

Cowboys e Índios

Rode a garrafa, Correios,  Beije e diga

Se Vestir Brincando de médico

Peek-a-boo, Dois mão toque, Cooties

Pequena liga,  Looney Tunes

Pedra Papel Tesoura

Você quer Jogar comigo? "

(Play With Me - Extreme)

 

                      #########

Me remexo na cama, a claridade refletia direto no meu rosto, o que me impossibilitou de permanecer com os olhos fechados.

  — Aaaah — Bocejo.

O sol já raiava.

Olho para o lado, ninguém.

Levanto rápido me dirigindo até a cozinha, de onde vinha um barulho e cheiro maravilhoso.

  — V hyung...   — Chamo enquanto coço os olhos ainda sonolento —  Por que não me acordou? Eu fiquei responsável por você hoje.

  —  Tudo bem, eu estou me sentindo um pouco melhor — disse o garoto usando o avental rosa de Seokjin —  Namjoon deixou um chá e alguns comprimidos para enjoo — Taehyung encheu dois copos com suco de laranja e tirou algo da panela  — eu fiz isso para comermos, só não sei se esta bom. — deu um riso nervoso.

  — Com certeza está — Disse tentando anima-lo.

Meu elogio foi  retribuído por ele com um sorriso carinhoso.

  — Já volto hyung.

Fui ao banheiro, fiz minhas necessidades, e ao lavar o rosto reservei uns 5 segundos para encarar meu reflexo no espelho.

— Você dormiu do lado dele. — Disse para mim mesmo, feliz.

Nós já tinhamos dormido juntos, até na mesma cama quando não havia espaço, ou em qualquer canto na volta dos shows quando o cansaço era demais. Porém, ontem foi diferente. Eu sinto isso.

Voltei para cozinha, onde V já  estava sentado na mesa mastigando. 

  — Está comível —  riu —  Você vai sobreviver.

Ri de volta me sentando no lugar em frente ao dele.

  —  Hyung — chamo enquanto tomo um gole de suco — ontem à noite você disse alguma coisa?

  — Ontem? —  responde.

  — Sim. E me sentiria horrível se estivesse com dor e ao me pedir ajuda eu não tenha acordado. Desculpa hyung. —  Digo me lamentando

Ele tomou um gole do suco, e pigarreou limpando a garganta.

  — Não.  — Disse apertando os lábios e franzindo as sobrancelhas, balançando a cabeça em negação  —  Eu não disse nada. Dormi a noite inteira.

  — Oh... — Coçei a cabeça —  Sonhei então.

  — Provavelmente  — Sorriu

  — Isso está bom pra caramba hyung! Você vai ser um bom marido um dia  — Exclamei enquanto mastigava aquela deliciosa porção de tteokbokki.

  — Então eu vou ser um bom marido?

Franzo o cenho por um segundo. Nem me toquei no que tinha falado.

  — É, sua esposa vai ser bem feliz.  — Só respondo.

A vontade era de me afogar na pia da cozinha.

  — Se você diz. — Falou erguendo o copo brindando sozinho no ar.

Dei um sorriso falso.

Se depender de mim você vai ter um marido,  isso sim!

  — O que você quer fazer hoje hyung? O dia é todo seu!  — digo levando a louça até a pia.

  — A gente pode assistir animes. Ah, Ah , Ah  — exclamou animado —  Nós podemos jogar aquele jogo de perguntas que ganhamos no fanmeeting.

  — O adivinhe ou pergunte?

  — Sim, sim! —  bateu palmas — a fã era muito simpática lembra? Eu nem abri ainda, e como nós somos viciados em jogos — ele crispou os olhos - E como sempre, eu vou ganhar.

  — Aaaah Tá bom !  — Debocho —  Quando você ganha hyung, é porque eu deixo. — Ri maleficamente.

O castanho estava com a boca aberta.

  — Você me magooa Jungkook..

Ele fez uma cara de choro — Falsa com certeza —  mas suficiente para eu não resistir e me por a bagunçar seus cabelos.

  — Bobo — digo.

  — Vai buscar seu Notebook? Nós vamos assistir nele né?

Eu odiava que mexessem no meu computador. Mas era V hyung pedindo, então..

  — Sim, vamos.  — sorrio e me apresso a buscar o que o mais velho queria.

  —  Qual vamos ver? — Pergunto.

  — Estava querendo assistir Gekkan Shoujo Nozaki-Kun. Pode ser?

  — Eu não faço ideia do que você está falando, mas pode ser sim. — aceito ligando o Note.

Passamos algumas horas largados no sofá vendo o anime – que por sinal, achei super engraçado –  Mas nada nesse mundo era mais engraçado do que olhar para Taehyung assistindo. Trocava de posição a cada cinco minutos. Sentado, de cabeça para baixo, de lado, com os pés para cima, deitado... Não parava um segundo. Sem contar as milhares expressões excêntricas nas cenas que lhe agradavam. Vez ou outra ele ria de algo engraçado proferindo algumas palavras em japonês. Só lembro de entender o "Baka" mesmo.

  — Vamos jogar agora? — Pergunta ainda animado pela maratona de episódios.

  — Vamos sim.  — Digo — Só que antes, vá  tomar seu remédio hyung.

O mais velho  –que algumas vezes jurava ser o mais novo– levantou e correu para cozinha, me obedecendo.  Aproveitei e fui para o quarto buscar o jogo que ainda estava dentro da caixa.

"Adivinhe ou pergunte"

— Nunca joguei. Parece legal. 

  — Kook.. —  Ouço-o chamar lá da cozinha — O Jimin esconde chocolate na terceira prateleira do guarda roupa dele, da direita para esquerda, na pilha de camisetas pretas, acho que entre a terceira e quarta camiseta. Traz pra mim por favor.

Fiquei surpreso e com raiva. Ele sabia tanto do Jimin.

  — Mas ele pode ficar bravo — Acuso — Não sei não hyung.

  — Eu falo pra ele depois. Eu posso mexer aí sem problemas.

Meu rosto avermelhou.

— "Eu posso mexer aí sem problemas" — Resmungo imitando-o com uma voz fina e ridícula.

  — Você falou alguma coisa Kook?

  — Não, não. Já estou levando. — respondo indo de encontro ao ladrão de chocolates.
     

  — Você começa! —  Diz

  — Ok. Vai perder mesmo — Retruco.

Os cards estavam espalhados pelo chão. O jogo funcionava mais ou menos assim:

Você jogava os dados e andava o número de casas no tabuleiro, porém para cada jogada, era feita uma pergunta de conhecimentos gerais

                       (Adivinhe)

Caso você não soubesse a resposta, o outro jogador tinha direito de fazer qualquer pergunta a você, desde as mais bobas até as de cunho pessoal. E você era obrigado responder.

                           (Responda)

Caso se negasse a responder, retrocedia 4 casas. Os cards dos pontos se dividiam em:  inteligência - para as questões de adivinhe -  E honestidade - para a sessão responda - Quanto mais cards ganhasse, maior a pontuação.

Meio bobo, mas útil para passar o tempo.

  — Jogue o dado — disse o castanho eufórico enquanto se lambuzava com o chocolate. 

Jogo os dados.

~3

Avanço três casas.

V hyung lê a pergunta:

  — Por que as folhas possuem pigmentação verde?

  — Aigoo! Odeio biologia. Não sei.  —Digo sem nem tentar pensar na resposta.

  — Por causa da Clorofila. Errou! — Aponta para mim.  —  Deixa eu pensar em uma pergunta —  Ele coloca a ponta do dedo indicador próximo ao queixo — Ficar sem TV por um ano ou só comer mostarda por uma semana, qual você escolheria?

Dou risada.

Não é a toa que dizem que Taehyung pensa em coisas que ninguém mais pensaria.

  — Ficar sem TV por um ano. — Escolho — Não sou fã de mostarda. - Entrego os dados a ele  — Sua vez hyung.

Joga os dados.

~6

Leio a pergunta:

  — Qual o maior alfabeto do mundo?

Ele franzi a testa.

  — O hebraico.  — Responde confiante.

  — Não!  — Dou risadas como quem diz: "Nossa essa até eu sabia" Só que não.  — Você errou Hyung, a resposta certa é o Khmer.

  —Aaaaah —  Lamenta jogando a cabeça para trás.

  — Você Já ficou com alguém?  —Solto a pergunta sem hesitar.

Ele me encara por alguns segundos.

  — Ficar?

  — É..tipo, ficar.. —  Me embasbaco tentando explicar minha própria pergunta.

  —Você quer dizer tipo, se eu já beijei, namorei, ou sei lá, passei a noite com alguém? Isso?

Confirmo que sim.

O castanho fica em silêncio por uns segundos.

  — Sim, já.

  — Até passar a noite com alguém? Tipo...Sabe.. —  gaguejo

  — Sim, até isso  — diz, confirmando meus pesadelos.

Com quem? Quando? Onde? Por que?

Queria perguntar tudo, entrar dentro da cabeça dele e descobrir todas as respostas. Ao invés disso digo:

  — Legal.

  — Sua vez. — Sorri.

As próximas perguntas foram fáceis. Algumas coisas estavam fresquinhas na minha memória.

Isso até errar mais uma.

  — Aaaah — Grita V hyung — Errou de novo!

  — Pergunte. —  Digo derrotado.

  — Humm.... E você? Já "passou a noite"  — Faz sinal de aspas —  Com alguém?

  — Não. Ainda não. —  Respondo meio envergonhado por admitir em voz alta.

  — Humm..

  — Vamos continuar.  — Digo entusiasmado na esperança de finalizar o assunto anterior.

~2 jogadas depois

  — E-R-R-O-U ! Nem adianta querer roubar —  Acuso o mais velho que tentava me convencer de que tinha acertado pelas beiradas.

  — Aishii — Riu — Okay, pergunte.

De vez em quando algo dentro de mim se inflama, são nestes momentos que meus pequenos lapsos de coragem aparecem.

E este seria agora.

Engatinhando, parei em frente ao hyung, me aproximei do seu rosto – cerca de quinze centímetros – coloquei uma mão no seu joelho...

  — Hyung... — senti ele estremecer —....Você beijaria um homem?

   


Notas Finais


Gentee, esse jogo não existe não. E Não me pergunte de onde eu tirei pq tenho uma mente louca.
O anime citado é muito bom ~DicaDaTia
E como sempre, obrigada por chegarem até aqui. Obrigada pela leitura e novamente pelos 100 fav. 😍😍😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...