História O que é amar, como é amar e o que é amor - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Lágrimas Salgadas ?, Romance
Visualizações 8
Palavras 543
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Poesias

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Inspirada na minha vida, amo vocês, boa leitura.

Capítulo 1 - Eu sei o que é


Fanfic / Fanfiction O que é amar, como é amar e o que é amor - Capítulo 1 - Eu sei o que é

Um dia, uma ingênua, pura, alegre e inocente garotinha me perguntou o que amar, como é amar, e o que é amor... Eu juro, que fiquei pensando nisso por dias, de noite ficava me perguntando isso, todos os dias aquela garotinha me procurava e me perguntava: "Já descobriu?", eu falava que não e saía com um sorriso triste...


Passou um ano, e em meio desse ano, eu me apaixonei, mas primeiro eu queria provar todo o amor para responder a garotinha que deve estar puta da vida comigo. (Aut: Opaa miga, ela só é uma garota de sete anos, calma/o estranho é que eu estou falando isso pra mim mesma).


Para mim, aquele garoto era o Senhor Perfeição, ele era único, ele era tudo para mim, ele me enchia de fé, mas um dia, que eu nunca esperei que iria haver... O mais temido aconteceu.


Ele me traiu


Meu mundo desmoronou, a máscara dele caíu, chorei me perguntando: "Aonde foi que eu errei?"... A culpa não foi minha mas, parecia que eu era a culpada de toda história, isso me matou.


A garotinha um dia me viu sentada chorando no por do sol em um banquinho, ela chegou, colocou a sua mão no meu ombro e falou.


" — Eu descobri o que é amar, como é amar e o que é amor... Amar é você dar o melhor de sí, lutar todos dias, se entregar de corpo e alma e dormir sorrindo por uma pessoa que você diz ser o amor da sua vida. Como é amar, isso machuca, é dolorido amar, a gente sorri enquanto chora, é confuso, meio perturbador e te tira do sério mas é bom, faz bem mesmo tendo os momentos do “eu não aguento mais”. O amor é inexplicável, indescritível, é algo mágico, um segredo, um mistério, é dolorido e majestoso, é uma escravidão misturada com vida de rainha, é se jogar de um penhasco sem paraquedas, é sair sem casaco em um dia ensolarado e voltar molhado pela chuva que deu, é viver com um amor para depois arrancá-lo das raízes mais profundas do seu coração, é mostra que mesmo longe, mesmo com todos os obstáculos, sempre vai amar essa pessoa, é sorrir e chorar, é um pecado e um alívio, é bonito, bem bobo às vezes, é engraçado e desesperador, é beijar a tela do celular, entupi a galeria de fotos, roubar beijos, dormir agarradinhos, acordar com um café da manhã, sentir o calor no inverno e o frio no verão, fazer o outro sorrir mesmo também estando triste, é pedir desculpa depois de uma briga, é passar noites em claro pensando: Ele/a está bem?, é um passa tempo favorito em uma terça-feira chuvosa, é um sorriso roubado, é um beijo risonho, é um chupão com gosto, é um bom dia e boa noite, é um "tudo vai dar certo" em momentos impossíveis, é uma loucura, é a doença e a cura, a noite e o dia, o sol e a lua, o gosto, o som e o cheiro, a lágrima salgada por um sentimento de orgulho, um beijo de boa noite, uma carta de Adeus, uma lágrima final. — "


Ela sorri depois e me deixa ali, sem palavras, sem sentimentos, sem nada, um nada envolvido em um pouco de fé.




Notas Finais


Isso 'tá uma bosta ;3; socorro, mas até que está aceitável pessoas, obrigada por ler até aqui.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...