História O que não deve ser dito - Dramione ( Em Andamento) - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter, Originais
Personagens Alvo Dumbledore, Astoria Greengrass, Bellatrix Lestrange, Cho Chang, Dobby, Dolores Umbridge, Draco Malfoy, Gina Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Lysander Scamander, Pansy Parkinson, Parvati Patil, Ronald Weasley, Severo Snape, Sibila Trelawney
Tags Amor, Draco, Dramione, Ginevra, Granger, Hermione, Malfoy
Visualizações 210
Palavras 735
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


amei escrever esse cap ( Mini, rs) AAAAAAAAAA! LEIAM AS NOTAS FINAIS AAAAAA

Capítulo 10 - Eu amo o... Kyle, ou o odeio pelo Malfoy?


Fanfic / Fanfiction O que não deve ser dito - Dramione ( Em Andamento) - Capítulo 10 - Eu amo o... Kyle, ou o odeio pelo Malfoy?

-Vingança? Não faço a mínima ideia do que você esta falando! - Ele diz se afastando tentando desconversar, porém ainda olhava meus seios descobertos, ele já os viu mesmo, não eram tão pequenos assim então acho que até eu observaria eles agora se não precisasse de informações dele nesse exato momento. 

- Não mude de assunto! Eu já sei o que você tanto queria, Malfoy! Então revele logo! - Digo ficando sem paciência e o encarando profundamente nos seus olhos cinzentos.

- Não existe nenhuma vingança! E se existisse, nunca revelaria a você, Granger! - Ele diz se abaixando para ficar na altura do meu rosto. Ele havia razão, nunca me contaria, não por livre espontânea vontade... Teria que arrancar dele por bem ou por mal. Corei só de pensar naquilo que iria ter que fazer.

-Vamos logo, tenho uma gatinha para encontr...- Eu o beijo e ponho as mãos em sua nuca. Estava quase suando de nervosismo. Ele me empurrou contra a parede e começou a beijar meu pescoço, era tão bom, me lembrava de momentos com o Rony, infelizmente. Eu dei um pequeno pulo e coloquei minhas pernas em volta de sua cintura e voltamos a nos beijar intensamente, fazíamos acrobacias com nossas línguas, elas tinham uma enorme conexão - Me causava arrepios de pensar que estava fazendo aquilo com o Malfoy, me sentia uma qualquer fazendo apenas por interesse, Suja, impura, vadia, quaisquer palavras repugnantes que você poderá imaginar irá me descrever nesse momento.-, ele me descolou da parede e acariciou minha bunda e minhas coxas e me lançou no sofá, conseguiria reconhecer aquele olhar de desejo em quilômetros de distância, principalmente vindo de Draco Malfoy. Ele desabotoou sua gravata e retirou sua camisa, seus músculos quase me fizeram babar... Foco Hermione, Foco! Ele veio para cima de mim e antes que pudesse tocar em meus seio, o virei e fiquei por cima dele, ele está sobre meu controle.

- Você não tá pronto para me Fuder? 

- Você ainda pergunta? - Ele diz com um grande sorriso malicioso

-Me conte a vingança e serei toda sua!

- O que, você está me usando? Sua desgraçada! Você agora vai me pagar todas as suas contas em dívida! - Ele diz me deixando por baixo e começar a passar as mãos nos meus seios, isso era bom e pude sentir um grande volume em sua calça, droga!

- Me solta agora, Draco! - Fui repetindo e ele estava descendo a mão lentamente até minha cintura, estava ficando mais excitante.

-Me larga, por favor, Eu faço qualquer coisa!

- Qualquer? - Ele diz me observando e erguendo uma sobrancelha - S-SIM! - concordei imediatamente!

- Ok então! - Ele disse descendo as mãos até minha calcinha e a abaixando lentamente.

-ME SOLTA SEU FILHA DA PUTA! - Gritei o empurrando, mas ele era muito mais forte que eu, e a porta do dormitório se abriu do nada e Kyle e as meninas apareceram com os olhos arregalados aos nos verem, senti o olhar de Kyle, Me surpreendi até ver que ele apontou a varinha para o Draco, me fitou e olhou para as mãos de Draco que estavam na minha cintura.

-Sectusempra - Taíssa e Brianna tentaram impedir segurando Kyle enquanto Blair se permanecia em estado de choque. A varinha se iluminou e uma bola de luz se aproximara de Draco. Ouvi gritos pelo dormitório. Sem pensar me joguei na frente de Draco e aquela enorme Luz me acertou na mesma hora e uma dor iminente circulava pelo meu corpo inteiro, da cabeça aos pés. Com o impulso voei e bati na parede e cai no chão, vários cortes em meu corpo apareceram e gritava de dor, porém me permanecia imóvel, tirando o grande fato de lágrimas e lágrimas estarem caindo de meu rosto e o fato de uma grande poça de sangue surgir e se acumular no meu tapete bege da sala era um fato horrível! Vi todos se aproximando e minha visão começar a ficar turva, escutava vozes da conversa deles, porém não entendia uma só se quer palavra e antes de tudo apagar, juro que vi ela, aquela maldita lágrima cair do rosto pálido e petrificado de Draco Malfoy. Que porra você fez? Palavrões de novo e de novo... Draco Malfoy por que queria tanto ser totalmente sua naquele momento? E então o pior aconteceu, tudo embaçou e em seguida, apagou.


Notas Finais


Mais um mini capítulo aaaaaaa, me desculpem mas são 2 hrs da manhã e preciso muito mesmo que vocês entendam <3 Preciso do apoio de vocês, milhares de ideias estão passando pela minha cabeça e preciso que comentem o que esperam da Fanfic, ok? Não vou postar na espera de pelo menos 5 comentários sobre suas expectativas!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...