História O que nós somos? - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Romance, Suga
Exibições 27
Palavras 860
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Adivinha quem se fodeo no vestibular? ??? Isso mesmo, eu :') feels jpg.
Bom, mals demorar e espero que gostem flws <3

Capítulo 18 - Te amo


Fanfic / Fanfiction O que nós somos? - Capítulo 18 - Te amo

-Filha, isso é um assunto de família, acho melhor você levar esse garoto pra outro lugar. - O appa disse enquanto abria a porta da sala convidando o Suga para sair.

Ele me abraçou fortemente antes de se retirar, mesmo eu pedindo para que ele continuasse do meu lado. Eu sabia que naquele momento minha maior preocupação deveria ser o Kai, antes de fechar a porta eu consegui vê-lo brincando com os hyungs e senti meu coração ficar apertado.  Mesmo sendo tão novo ele conseguia ser uma das pessoas mais gentis que já conheci, modéstia a parte ele provavelmente herdou essa característica de mim.

Só que diferente de anos atrás quando ainda morava com minha família,  ele parecia mais frágil,  na verdade o Kai sempre teve uma saúde um pouco instável desde que nasceu, chegava a ser um pouco assustadora a quantidade de medicamentos que ele precisava tomar todos os dias.

- O que aconteceu com ele?- Perguntei me escorando na porta.

- Nem nós sabemos explicar direito o porquê dele ter piorado...- A omma lamentou colocando suas mãos no rosto cobrindo-o.

- Ele voltou a ter crises...- O appa respondeu tentando manter um tom autoritário. 

Por causa da imunidade baixa o Kai estava exposto à doenças que não eram registradas há décadas,  e apesar de tantos recursos disponíveis os  tratamentos costumavam não surtir tanto efeito, o que resultava em crises de tempos em tempos. 

Não dava pra continuar naquele cômodo com os dois dizendo tão pouco, eu precisava ver com meus próprios olhos se ele estava bem. Meu nervosismo começou a transparecer, minhas mãos suavam  frio então acabei saindo de lá rapidamente. 

- Hyuna, você tá bem?- O Suga me olhava preocupado enquanto enxugava minhas mãos na sua camisa.

- Cadê o Kai?- Olhei em volta mas não tinha nenhum sinal dele, do Tae e to Hobi.

- Acabaram de sair, disseram que iriam dar uma volta no quarteirão pra conhecer um pouco o lugar onde você cresceu.- Ele me encarava um pouco apreensivo enquanto íamos até a porta.

- Obrigada, oppa.- Dei um beijo na sua bochecha e saí correndo pra alcançar os 3, deixando o garoto atrás de mim surpreso com a boca entreaberta.

Acho que poucas vezes na minha eu corri tanto, o meu suor já estava escorrendo por quase toda meu rosto, demorou um pouco mas finalmente consegui encontrar eles sentados  no banco de uma praça perto de casa.

Assim que encontrei meu irmãozinho disparei novamente até ele abraçando-o com toda força que tinha restado no meu corpo.

- Saí irmã!  Você tá toda suada!- O Kai se debatia. como se não estivesse gostando mas eu sabia que era só charme :v.

- Te amo muito. - Respondi ignorando os protetos do mais novo em meus braços enquanto os hyungs assistiam a cena fazendo umas expressões fofas pra combinar com o momento. 

- Você tá bem, certo? - Nos afastamos um pouco enquanto esperava que ele dissesse alguma coisa, mas ele continuou em silêncio por um tempo.

- Eu vou ficar...- Ele respondeu forçando um pouco um sorriso.- Seu namoradinho tá chegando.- Olhei para trás e vi o Suga na esquina da praça acenando para nós com um sorriso doce no rosto. 

Os hyungs não perderam tempo e correram até ele arrastando-o até onde eu estava. O Kai voltou a me abraçar assim que percebeu que o Suga estava chegando perto.

- Ciúmes da irmã? Sério mesmo Kai?- O Hobi e o Tae já estavam até um pouco vermelhos depois de rir da cena.

O Kai apenas deu uma encarada nos dois assim que terminou de me abraçar.  Foi legal ver uma criança de 10 anos colocar medo em dois caras de 20 e poucos anos. 

Nós 5 voltamos para casa juntos conversando sobre as poucas histórias de quando ainda era criança conforme encontrava alguma coisa desse tempo nas ruas ou víamos algum prédio com algum tipo de ligação comigo.

Não demorou muito pra chegarmos, os outros hyungs preparavam alguns lanches já que o Jin se recusava a deixar de aprender alguma receita com a empregada e acabou arrastando os outros hyungs para a cozinha. 

Normalmente uma criança comum estaria pulando e destruindo coisas pela casa, como o Namjoon faz às vezes,  mas meu irmãozinho foi para seu quarto assim que chegamos já que mal conseguia ficar de pé devido ao cansaço. 

"Talvez eu tenha exagerado um pouco hoje."

Fui até o quarto dele levando um sanduíche que os hyungs tinham acabado de preparar especialmente pra ele. Perdi a conta de quantas vezes bati na porta do seu quarto sem ter alguma resposta,  então acabei forçando a porta até conseguir entrar usando minhas habilidades de espiã/assaltante. Assim que consegui arrombar a porta do quarto me deparei com ele caído no chão inconsciente,  não conseguia mais ver algum sinal que mostrasse que me tranquilizasse, minha primeira reação foi gritar por ajuda enquanto o sacudia pra ver se conseguia alguma resposta ele apenas abriu os olhos como se estivesse se despedindo de mim.

Acordei no dia seguinte do lado dele no hospital, os hyungs estavam na sala de espera junto com o appa e a omma,  mal lembrava o que tinha acontecido algumas horas antes, eu só podia esperar que ficasse tudo bem com ele.







          

Notas Finais


Obrigada por lerem até aqui <3
Espero que tenham gostado
Comentar faz bem pro corassau
Até


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...