História O que vc faria se entrasse em um anime 2 - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Visualizações 21
Palavras 669
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Hentai, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Cap 2


Fanfic / Fanfiction O que vc faria se entrasse em um anime 2 - Capítulo 2 - Cap 2

Pv Subaru on 

Passou dois anos desde q conhecemos os dois irmãos atualmente estou deitado na cama pensando na Misaki e no Safira q saudade da queles idiotas sou tirado dos meus pensamentos por uma risada la de baixo vou pra baixo com o Reiji e quando chegamos lá vimos um garoto rosado rindo loucamente e mais a frente uma garota parecida com a Misaki 

Kanato : QUEM SÃO VOCÊS? Grita irritado 

?????? : Sou o papai noel e ele o coelhinho da Páscoa .

Safira : somos nós Safira e Misaki . Diz olhando estranho pra Misaki 

Eu :Mais eles foram embora a muito tempo queremos uma prova . Digo irritado e eles começam a cantar uma música q só eles sabiam

Safira : Sou eu Safira e a Misaki . Diz me olhando estranho 

Subaru :Mais eles foram embora a muito tempo queremos uma prova . Diz bravo e meu irmão começa a cantar aquela música 

Safira : 

koyoi kooritsuita yaiba de
kono mi kirisaite kurenai ka
izure hagarete shimau naraba
sono te de imashimete

kageru kumogakure no tsuki ni madowasare
yami o kakete kieru hitosuji no kibou
kimi no sugata sae mo umaku egakezu ni
midarete yuku kaze no yukue oikakeru

hajimari no basho itsuwari no doujou
seou ni wa amari ni mo ookina daishou

dare mo shiranai ichibyou-saki e

chikazuite mina furete mitakerya
soko ni aru mono o subete kowashite kina

tobikonde misete ageru

koyoi kooritsuita yaiba de
kono mi kirisaite kurenai ka
izure hagarete shimau naraba
sono te de imashimete

tatoe hoshi mi mienu yami ni ochiru to mo
mune ni moetsuzukeru kurenai no honoo
yaiba motsu kono te de inochi o chirashite
motomeru hodo yume wa kanata toozakaru

usureyuku bishou furitsumoru zaishou
mi mo kokoro mo kuruwasu eigou no renjou

dare mo ikenai tsuki no mukou e

kizutsuite mina daite hoshikerya
kireigoto iwanaide honki de kina

shinobikonde misete ageru

koyoi kusarikaketa kaina ni
sono mi idakasete kurenai ka
ashita wakareru sadame naraba
ima sugu hikisaite

koyoi megurimeguru enishi ga
kono mi tsuranuite kiete yuku
yagate utsurou omoi naraba
ima dake kuchizukete

koyoi kooritsuita yaiba de
kono mi kirisaite kurenai ka
izure hagarete shimau naraba
sono te de imashimete

Eu : ou 

Com essa lâmina congelada
Você cortaria este meu corpo esta noite?
Se será arrancado uma hora ou outra
Então me prenda com suas próprias mãos

Desorientado pela lua que se esconde e escurece
Um raio de esperança corre pelas trevas e desaparece
Sem conseguir nem traçar direito a sua figura
Corro atrás do paradeiro do vento desordenado

O lugar em que tudo começou, uma falsa simpatia
Uma indenização grande demais para ser carregada

Em direção ao instante que ninguém conhece

Tente chegar perto, se quiser tocar em mim
Quebre tudo o que estiver lá e venha

Vou mostrar que posso voar até lá

Com essa lâmina congelada
Você cortaria este meu corpo esta noite?
Se será arrancado uma hora ou outra
Então me prenda com suas próprias mãos

Mesmo se eu cair nas trevas, sem conseguir ver as estrelas
A chama carmesim em meu peito continua a queimar
Tirando vidas com estas mãos que seguram uma lâmina
Quanto mais eu desejo, mais meus sonhos se distanciam

Sorrisos que desaparecem, pecados que se acumulam
Um amor eterno que enlouquece o corpo e a mente

Em direção ao outro lado da lua, onde ninguém pode ir

Tente me machucar, se quiser ser abraçada
Não diga palavras bonitas e venha com tudo

Vou mostrar que posso me esgueirar até lá

Com estes braços apodrecidos
Você abraçaria este corpo esta noite?
Se amanhã nosso destino é nos separarmos
Despedace tudo agora

Esta noite, o destino que gira e gira
Atravessa o meu corpo e desaparece
Se logo este sentimento mudará com o tempo
Me beije apenas agora

Com essa lâmina congelada
Você cortaria este meu corpo esta noite?
Se será arrancado uma hora ou outra
Então me prenda com suas próprias mãos . Quando eles terminaram a música meu coração acelerou e todos nois pulamos neles



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...