História O Recomeço - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Exibições 14
Palavras 997
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ecchi, Escolar, Festa, Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Essa é a minha primeira fic que posto, espero que gostem, beijinho da Floquinho <3

Capítulo 1 - O Primeiro Encontro


Fanfic / Fanfiction O Recomeço - Capítulo 1 - O Primeiro Encontro

-Aish mãe, a gente realmente tem que sair do Brasil e ir morar na Coreia do Sul? – digo deitada em minha cama com travesseiro no meu rosto, impedindo que as luzes chegassem aos meus olhos.

-Senhorita Ana Clara, levante agora! – minha mãe grita tirando minhas cobertas- Você tem que terminar de arrumar suas coisas, nós vamos para o aeroporto daqui meia hora, então não enrola.

Bufo e me levanto de minha cama, vou até o banheiro e ali faço minha higiene pessoal, desço as escadas, de pijama mesmo, e me dirijo até a cozinha.

-O que está fazendo de pijama ainda? Você já terminou de arrumar suas coisas? Se você esquecer alguma coisa, não tem jeito de vim pegar de novo, então não esqueça de nada.

-Poxa mãe, acabei de acordar, calma, já faço tudo isso, e como você mesmo disse ainda temos meia hora, eu consigo arrumar tudo.

Pego uma torrada e volto a subir as escadas, arrumo minha cama e troco de roupa, coloco uma saia rodada curta preta, com uma blusa de manga comprida listrada, intercalando rosa e roxo, solto meus cabelos longos e ondulados, tento o arrumar, e por fim, coloco um tênis preto da Nike, termino de arrumar o que faltava, e desço com minhas coisas até a saída da minha casa, ou da minha ex casa.

Minha mãe me ajuda a colocar minhas malas no taxi que já nos esperava do lado de fora, antes de entrar no carro, dou uma última olhada para a casa, e ali vem todas as lembranças de minha infância que passei ali, meus olhos marejam, mas entro no carro, coloco meus fones e coloca a música Shape of You do Ed Sheeran. Seguimos até o aeroporto, chegamos lá, fizemos toda a burocracia que teríamos que fazer para poder embarcar.

-Mãe, a gente realmente tem que ir? – a olho com os olhos cheios de lágrimas

-O minha princesa, você vai gostar, o começo vai ser difícil, mas você já fez seu curso de coreano e fala fluente, você não vai ter problemas enquanto isso – ela passa a mão em meu cabelo, tentando me acalmar.

-Tomara mãe, eu estou nervosa.

Chegar em um colégio novo, no meio do ano, e ainda mais em um país mega diferente do que estava acostumada, mete medo em qualquer pessoa.

Embarcamos no avião, depois de um longo tempo esperando, finalmente decola, coloco meus fones novamente, pego um livro e tiro meus sapatos, já que a viajem seria longa, vou me sentir à vontade.

Horas depois, finalmente aquele maldito avião pousa no aeroporto internacional da Coreia, desço e vou até o lugar onde pega as bagagens, ficamos alguns minutos esperando, mas logo pegamos as malas, pegamos um taxi e seguimos até o nosso novo apartamento.

-Filha, aqui a chave, eu vou ter que arrumar algumas coisas antes de ir para a nossa nova casa, tenta levar as nossas coisas lá pra cima, e fique lá me esperando, eu chego antes de anoitecer.

Pego as chaves e as malas, e fico a olhando até o taxi sumir da minha vista, olho para o lado e percebo quantas malas eu teria que levar sozinha até nosso apartamento, que ficava no décimo andar.

-Puta merda, quanta mala. – coloco a minha mão na testa, tentando pensar como que vou levar tudo aquilo lá pra cima – Tá, vamos tentar neh, fazer o que?

Pego as malas toda desajeitada, e tento andar até o elevador, até que o porteiro vem até mim.

-Olá, boa tarde, você é a nova moradora?

O olho assustada- Sou sim- e dou um sorriso fofo- Desculpa, mas eu tenho que levar essas malas até o décimo andar, depois a minha mãe vem acertar tudo com você okay? – me viro e continuo seguindo até o elevador, aperto o botão para que o elevador pudesse parar no térreo, finalmente o maldito elevador chega, pego as trocentas malas e entro no mesmo, aperto o décimo andar e espero, quando chego no décimo andar, pego novamente as malas e procuro o apartamento 234, fui andando distraída procurando o apartamento, e alguém esbarra em mim, fazendo tudo que segurava fosse ao chão.

-Ah, meu Deus- agacho e tento pegar minhas coisas, e vejo que a pessoa também se agachou para me ajudar, e vou subindo o olhar devagar e vejo aquele garoto lindo na minha frente- o-oi, desculpa, eu estava distraída, e não vi por onde andava- sorrio sem graça- meu nome é Ana Clara, prazer

-Não foi nada, eu também estava distraído olhando para o celular, e prazer, meu nome é Jeon JungKook, mas pode me chamar só de JungKook- ele sorri, meu pai do céu, que sorriso maravilhoso- deixa eu te ajudar, qual o seu apartamento? Eu te ajudo a levas todas essas malas até la.

-M-meu apartamento é o 234, e eu não tenho a mínima ideia de onde é- fico o olhando fixamente

-Ahh, então você é a minha nova vizinha, o meu apartamento é o 235, acho que vamos nos encontrar mais vezes- ele sorri e se levanta, pegando algumas das malas- quer ajuda pra levantar?

-Não precisa- me levanto pegando as malas que faltavam- é... Acho que vamos nos encontrar bastante- dou uma risada nervosa

-Vem, vou te mostrar onde é.

O segui até meu apartamento, quando chego, pego as chaves, abro a porta e tiro meus sapatos para entrar.

-Quer entrar? Está meio bagunçado, mas eu acho que tem alguma coisa pra beber na geladeira- sorrio fofo

-Se eu não tivesse que sair pra ir no supermercado para meu pai, eu juro que ficaria, desculpa, outro dia eu aceito- ele sorri e chega mais perto de mim, meu coração acelera, e ele beija minha bochecha- se precisar de alguma coisa, só gritar, estou do lado, tenho que ir, tchau, beijos- ele se vira e segue seu caminho

Eu coloco as malas na sala, vou até meu quarto, me jogo na cama, em qustao de minutos, o sono toma conta de mim.


Notas Finais


Prometo postar o segundo capitulo mais rápido possível <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...