História O resultado - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Armin, Castiel, Iris, Kentin, Leigh, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Personagens Originais, Rosalya, Viktor Chavalier, Violette
Visualizações 19
Palavras 1.072
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Hentai, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oiiiiiiii gente
bem desculpemmmm
eu sei tem gente querendo me matar de todo lugar do spirit
bom em um aviso de uma fanfic minha eu disse que estava em hiatus e bom estou postando um capítulo dessa fic
então vcs devem estar whats??
bem assim
minha cabeça funciona 24 hors por dia e na maior parte penso em meninos coreanos q
em fim eu estava sem nad para fzer então me veio inspiração para essa fic entom aki estou

sorry mesmo meus linduss
mais espero os recompensar com um capítulo grande e bonitirinho

boa leitura

Capítulo 5 - Conversando


Fanfic / Fanfiction O resultado - Capítulo 5 - Conversando

Não consegui pensar em nada coerente para entender o lado dela , somente em como ela havia fugido de mim todos esse tempo como se nunca tivesse me conhecido 

olhei para ela que estava parada em minha frente  nós encarávamos com raiva um do outro 

ela parecia que ia pular em mim para me dar uns bons tapas , embora a ideia de ter em cima de mim me deixasse feliz de certa forma eu queria apenas conversar e esclarecer tudo e acabar com todas as dúvidas que me assombravam todos esses anos 

suspirei passando a mão em meu cabelo que deveria estar em um péssimo estado não que isso me importe 

_olha eu não quero brigar com você principalmente agora apenas quero conversar _

ela me olhou descrente do que havia dito e jogou os braços do lado do corpo 

_mais como você e cara de pau Lysandre , por que não conversa com aquela ruiva gostosa como você falava _

a olhei confuso 

_do que esta falando ?_

Mayumi  só pode ter ficado louca , nunca falei de nenhuma ruiva e principalmente de forma tão vulgar assim 

_não se lembra ?-uma risada irônica escapou de seus lábios - pois quando estava gemendo o nome dela parecia muito bem lembrar seu nome e ainda dizendo para ficar de quatro ! não me venha dizer que não lembra de uma mulher bonita daquela -

me assustei ao ter flashbacks rapidamente do dia em que estava em minha despedida de solteiro e acabei bebêndo algo que nem ao menos estava a fim naquela época pois ainda odiava drogas e bebidas alcoólicas 

_meu Deus -fiquei em silêncio digerindo o que tinha lembrado-Mayumi eu juro que não queria ! você sabe que eu odiava pessoa que traiam umas as outras eu nunca faria isso com você!-

_mais fez e ainda por cima na minha casa ! eu tenho nojo de você Lysandre não sei por que me deixei levar por conta da sua personalidade se pudesse voltar no tempo nunca teria ido para aquele maldito porão !-gritou 

um soco foi assim que a sensação dela falando aquilo me fez parecer que tinha levado um terrível soco bem no estômago , ela podia me bater fisicamente ou até mesmo brigar comigo mais ferir meu lado emocional me destabilizou e ela sabia disso 

fiquei tonto por conta do que ela disse 

nunca fui um menino que se metia em brigas ao algo do tipo só tinha que aguentar Castiel bêbado e o levar para casa cuidando de sua  ressaca no dia seguinte 

mais assim como eu não me machucava fisicamente qualquer pessoa que fosse importante para mim e falasse algo que eu considerava ruim logo meu emocional ia a baixo e novamente o Lysandre criança aparecia nas madrugadas dos meus dias me fazendo chorar feito um real criança 

e ouvir a mulher que eu mais amei falar que não queria ter me conhecido com certeza foi um soco e tanto para mim 

_c-como ?! _

ela levantou sua cabeça e seus bochechas estavam vermelhas por conta de sua irritação e raiva 

ainda me pergunto como ela pode  ficar bonita até em momentos como esse 

_se não tivesse indo aquele porão não teria te conhecido _

_não diga isso ....Mayumi -fiz menção de levantar mais fui impedido por suas mãos delicadas e pequenas 

_não pode levantar -suspirou- e melhor conversarmos quando tudo estiver em seu devido lugar -

segurei sua mão e a puxei para meu colo e escondi minha cabeça em seu pescoço 

_o seu lugar e do meu lado então por favor não fuja mais _

sua respiração estava descompassada assim como meu coração que batia rapidamente 

aquela sensação de nostalgia me invadiu e senti como se estivesse novamente no colegial e fosse um adolescente apaixonado 

_faz tempo que não ficamos próximos , senti saudade de você -sussurrei em seu ouvido e ela se encolheu no meu colo 

_não faça isso ..._

>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>

algumas semanas se passaram e logo me deram alta e sai do hospital direto para casa do Leigh 

durante esse tempo Mayumi não apareceu mais e sempre que perguntava sobre ela a Rosalya a mesma me dizia que ela estava ocupada cuidando da filha 

e essa simples palavra me fez arrepiar e meu sangue ferver 

ela tinha uma filha ?! a vida só podia estar querendo me ver mais fudido do que já estou 

e se vocês me perguntarem sim eu estava com raiva até o ultimo fio de cabelo , se antes eu tinha que conversar com a Mayumi agora eu necessito falar com ela 

por isso pedi a Rosa para a avisar que estaria esperando por ela em um parque perto da casa do Leigh 

me arrumei rapidamente e peguei algumas coisas as colocando no bolso do casaco e sai  com o coração a mil por respostas 

quando cheguei vi ela sentada em um balanço olhando o lago que tinha logo a frente 

me aproximei e sentei no outro balaço ao seu lado e a vi me olhar 

_parece que esta melhor _

_na medida do possível sim , mais não vim falar só sobre mim -a olhei- vim falar sobre nós -

desviou o olhar e olhou para seus pés

_o que quer saber ? _

_Mayumi sinto muito por aquele dia eu não queria ter feito e você sabe disso _

_sei ? o homem que me falou que nunca me trairia fez isso logo antes do nosso casamento e ainda por com uma conhecida _

_sinto  muito sei que isso lhe mágoo -seguro sua mão- eu sei que nunca iria querer voltar com um cara como eu e entendo mais só quero que me perdoe por tudo e voltemos ao menos a ser amigos como antes -

_não ....posso tentar o perdoar mais nunca vamos voltar a ser amigos como antes e impossível -soltou minha mão e se levantou-

me levantei e a puxei para perto de mim fazendo não somente nossos corpos ficarem colados mais como também nossos rostos que estavam  centímetros de distancia 

desci meu olhar para seus lábios que eram muito convidativos a mim 

_por que ?_

minha voz saiu rouca e calma 

segurei sua cintura e colei mais nossos corpos e ela me  olhava assustada 

_por causa da sua filha sem pai ?! responda !-apertei mais minhas mãos em seu corpo 

maldita raiva que me fez falar sem ao menos pensar 

me arrependi amargamente 

 


Notas Finais


então o que acharam ?

sei que esta pequeno mais foi o que deu para fazer na madrugada tomando meu chocolate quente

quem e essa ruiva ?
Lysandre vai tentar reconquitar Mayumi ?
o que vai acontecer com a Emi ?
Lysandre e ela vão se ver ? e como será a reação de ambos ?
Lysandre sente saudades da boca da Mayumi se e que entendem

o clima vai esquentar ?
talvez sim talvez não
rsrsrs diculpa gente não consegu evitar

em fim
teorias ?

desculpa qualquer erro
e por o capítulo ser pequeno mais e o que saiu

beiju
e
fuiiiii


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...