História O Sabor da Paixão - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Drama, Hinata, Naruhina, Naruto, Romance
Visualizações 259
Palavras 1.265
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Josei, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Visual Novel
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 7 - Sentimentos Confusos


Fanfic / Fanfiction O Sabor da Paixão - Capítulo 7 - Sentimentos Confusos

No abraço dele ela pôde sentir segurança e carinho, depois daquele beijo, ele lhe beijou novamente, mais intenso, mais amoroso, como se naquele momento sim, tivesse confiança para fazê-lo. Não foi simplesmente um beijo, para ela, foi como sair de uma gaiola, passou dois anos se prendendo e se mantendo amargurada por tudo que aconteceu, mas graças a Naruto, ela se libertou devagar, soltou a corrente que a segurava em uma lembrança horrível de uma noite importante de verão.

Ele a olhou calmamente, segurando o rosto dela com suas mãos, analisou seu rosto corado e sorriu, e foi o sorriso mais bonito que ela já tinha visto.

— Eu preciso te dizer que eu fiz uma completa loucura, e depois, gostaria que você me acompanhasse nela.

— Qual loucura?

— Uma que contarei no momento certo. - ele beijou carinhosamente o topo da cabeça dela, e afagou de leve seus cabelos - Eu vou embora, antes que faça alguma burrada e estrague tudo.

Hinata o olhou curiosa, mas não ousou perguntar qual seria a "burrada". Fez que sim que sua cabeça, e Naruto foi para a sala, sem soltar sua mão. Foram até a porta, e ele mesmo a abriu.

— Nos vemos em breve? - ele sorriu.

— Pode ser...

— Você não pode ser um pouquinho mais carinhosa? - Naruto brincou.

— Nos vemos em breve. - ela apertou carinhosamente a bochecha dele.

Ele tocou de leve a própria bochecha, ela o entendeu, com um pouco de vergonha, o obedeceu, beijando seu rosto rapidamente. Naruto sorriu e acenou com sua mão, andando em direção ao elevador.

Hinata fechou a porta, encostando-se nela. Como uma garota inocente, tocou os próprios lábios e sorriu, aquele definitivamente, fora um bom dia.

~~ X ~~

Estava almoçando com seu pai, fazia um tempo que não faziam aquilo, e ela realmente sentia sua falta.

— Eu fiquei sabendo que você anda saindo com alguém...

Hiashi perguntou de repente. Hinata arregalou seus olhos, ele estava claramente falando de Naruto, tentou pensar em como ele tinha descoberto, e logo matou a charada.

— O Neji é mesmo um fofoqueiro... - ela deu uma golada em seu suco de morango.

— Ele ficou feliz por te ver acompanhada depois de tanto tempo, não fale assim dele.

— Pai, nós não estamos saindo de verdade...

— Mas você tem interesse nele, obviamente - Hiashi foi direto ao dizer aquilo.

— Ainda não sei explicar. - Hinata fez um leve rodeio - Não me sinto pronta para encarar um relacionamento.

— E ele quer um?

— Pai, eu não perguntei. Naruto é um homem muito sutil... não sei dizer ao certo o que se passa na cabeça dele. Relacionamentos ainda são um tabu para mim...

— Sim, nesse quesito, você me lembra muito sua mãe...

Hinata absorveu cuidadosamente aquelas palavras. Aquela conversa tão aberta com ele seria impossível antes. Antigamente, seu relacionamento com Hiashi não era nada bom.

— Eu sei - ela deu a volta na mesa, e o abraçou. Dificilmente Hiashi falava da esposa.

— Eu errei muito com a sua mãe... - ele continuou se lamentando.

— Pai, ela também errou...

— Errou, mas sinto como se a culpa fosse só minha.

— A culpa foi do vício e da teimosia dela, o senhor não devia se culpar por uma coisa que ela sabia que não terminaria bem.

— Sim, mas o pior é pensar que você quase foi com ela... 

— Mas não fui. - Hinata sorriu e o apertou um pouco mais - Estou aqui, e sempre vou estar quando o senhor precisar...

Ele envolveu os braços dela com suas mãos, e ficou apenas sentado, aproveitando o abraço de sua filha. Naquele instante, ela notou que seu celular tocava, fez um sinal e foi atender a ligação.

— Oi, Sakura... - disse assim que se afastou dele.

— Atrapalho? Fazia algo de importante?

— Estou almoçando com o meu pai - Hinata sorriu, mesmo que a outra não pudesse vê-la - O que houve?

— Nada, só queria saber as novidades... Naruto?!

— Ah, ele? Passamos a tarde de domingo juntos.

— E você me diz isso assim calmamente? - Sakura pareceu realmente empolgada do outro lado da linha - Me conte o que fizeram?

— Nada de mais, ele apareceu na minha casa, Tetsuo estava comigo, depois ele me ajudou a levá-lo de volta, e nos beijamos.

— Que coisa sem graça, ficaram de babá, aposto que o Tetsuo atrapalhou e... - Sakura ficou alguns segundos muda, para depois quase gritar - SE BEIJARAM?!

— Sim, bem... ele foi muito gentil comigo, me respeitou muito - Hinata olhou para seu pai sentado mais ao longe, ele também tinha atendido uma ligação - Mas sabe, depois do beijo, e isso já tem três dias, ele sumiu.

— Como assim sumiu?

— Não não sei, ele não me liga, não aparece, não faz sinal de fumaça... talvez não tenha conseguido o que realmente queria, ou, conseguiu e se contentou só com uns beijos... - ela suspirou - é realmente triste saber que fui enganada.

— Impossível, você disse que ele te respeitou, respeitou seu espaço.

— Sim, mas ele sumiu, Sakura... não sei o que pensar. Eu o achei diferente, queria saber mais... - Hinata mordeu o lábio inferior, levemente - ter mais... me entende?

— Totalmente. Será que não aconteceu algo com ele?

— De novo? Da última vez ele estava de cama, quero só ver qual será a desculpa desta vez.

— Você já está falando como se fosse namorada dele.

Sakura deixou uma risadinha escapar. Hinata respirou fundo e revirou seu olhos, olhou para o céu.

— Faça-me o favor...

— Do jeito que você me disse que ele fica no seu pé, ele não iria largar o osso tão facilmente.

— Parece que largou...

A voz dela saiu estranha, até se espantou. Não tinha percebido o quanto estava decepcionada, até deixar aquilo sair. Respirou fundo, e ouviu Sakura dizer:

— Só espere. Não fique julgando o cara, e nem ache que a culpa é sua.

— Mas ele podia ter me dado uma satisfação, pelo menos... ele me beijou, eu não o entendo.

— Talvez ele não esteja acostumado com relacionamentos.

— Ah, aqui é que está o ponto importante, nós não temos um relacionamento.

— Então por que está reclamando tanto? A não ser, que queira ter um...

— Ainda não sei, Sakura...

— Bom, não pense por enquanto, vá ficar com seu pai.

— Sim, eu vou... - ela respirou fundo - vou desligar agora, até mais, Sakura.

Elas se despediram formalmente, e Hinata voltou para a mesa, sentou-se ao lado de seu pai.

— Era a Sakura?

— Sim, como sabe? - ela sorriu.

— É sempre ela, Sakura é uma boa amiga para você.

— Com certeza... - Hinata bebeu seu suco - quem ligou?

— Não era nada de importante. - Hiashi olhou para ela atentamente - Não vai mais me falar do Naruto?

Hinata colocou o copo calmamente sobre a mesa, e encarou seu pai. Ela entendia toda aquela curiosidade, mas não sabia se devia fazer dele um confidente de forma tão intensa.

— Pai, quando tivermos algo, eu contarei. Isso claro, se tivermos algo...- ela estendeu a mão e tocou a dele - não se preocupe com nada, e não me pressione.

— Me desculpe se te pressionei.

— Está tudo bem, sei o quanto se preocupa comigo - ela sorriu - mas preocupe-se com você também, devia arranjar uma namorada.

— Eu? - Hiashi riu - Estou velho demais para isso.

— Nada disso, está conservado e bonito, deve haver filas de mulheres bem sucedidas querendo o viúvo mais cobiçado de Konoha.

Ela riu ao vê-lo fazer novamente, enfim, tinha afastado o foco principal da conversa. Queria pensar sobre Naruto sozinha, juntar muitas informações, poderia torná-la influenciável... queria por si só, saber até onde chegaria com ele.


Notas Finais


No próximo capítulo descobriremos onde está Naruto... e acontecerá algo ruim com Hinata AAAAA


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...