História O Segredo da Vida após a Morte é... FAIRY TAIL? - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Acnologia, Aquarius, Aries, Cana Alberona, Câncer, Capricórnio, Carla (Charle), Charlie, Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Happy, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Laxus Dreyar, Lector, Leon, Loki, Lucy Heartfilia, Natsu Dragneel, Rogue Cheney, Sting Eucliffe, Zeref
Tags Zoeira
Visualizações 45
Palavras 1.456
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Ecchi, Fantasia, Festa, Harem, Hentai, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


ME DESCULPE! Eu sei que não ando postando com a mesma frequência que antes, mas é por causa de ser final de anos e tals. Tenho muitos trabalhos e provas a serem feitos, que não tenho tempo (nem de responder os comentários, não estou dando gelo okay?). E por causa do estresse, eu não tenho toda a animação para fazer os capítulos mais... engraçados.

Era só isso! Espero que entendam ^-^

Boa leitura paçocas do meu Cú ❤

Capítulo 14 - Concentre o chakra


Fanfic / Fanfiction O Segredo da Vida após a Morte é... FAIRY TAIL? - Capítulo 14 - Concentre o chakra

Leia as notas aí jão!


~Droga é coisa de genin fracassado, você nunca vai libertar seu chakra se estiver chapado. Proerd, drogado é tudo baka.

Filósofa o Leão do Proerd~


~Sarah~

- Concentre o chakra nox pés e sobe na porra da árvore. – Camilli sai correndo em direção a árvore.

- Camilli, para antes que se arrepende.

- EU CONSIGO! – continua correndo até bater com a face na árvore e cair com o traseiro no chão – EU TO BEM! – levanta fazendo joinha com uma cara de retardada e a testa sangrando.

- Anime errado Camilli.

- Pelo menos eu tentei. Para de comer e vem tentar.

- Como tu é chata.

Erza estava nos ensinado magia, depois de horas de meditação, a mesma nos dá um tempo. Camilli começou a tentar subir em árvores estilo naruto. Enquanto eu fiquei comendo pipoca assistindo a Ameba fazendo amebadisse.

Ficamos praticamente a manhã inteira treinando, sem nenhum progresso. Erza até chegou a desistir de nós, fazendo Lucy começar a dar nossa aula. Lucy também desistiu e invocou Capricorn para nos ajudar.

- Concentra. – a cabra ficava repetindo.

- Não dá. – eu respondia.

- Então tenta pelo menos.

- Tentar da preguiça.

- Você nunca vai aprender se não tentar.

- Eu só queria ser uma garçonete, servir os outros é tão fácil.

- Você não consegue andar sem cair, imagina andar segurando uma bandeja cheia de pratos e copos. – Ameba se intromete.

- Ninguém pediu sua opinião!

- Minha opinião eu dou de graça.

- A bunda também?

- Não sou igual você.

- Eu não dou, eu vendo. Se for para sair distribuindo, prefiro ganhar algo com isso.

- Vai trabalhar no cabaré então.

- Não posso trabalhar em um lugar em que sou dona.

- Me arruma um emprego então.

- Com essa rabeta! Não precisa de mais nenhuma puta, você da conta do recado sozinha.

- Faz filinha.

- Promoção todas as terças.

- Foda uma bunda e ganhe desconto na xavasca.

- Compre um pac- Ameba me interrompe.

- Ué? Cadê o bezerro?

- Ele deve ter se interessado pelo cabaré e ter ido para lá.

- Que horas são? Está escuro. – Anã diz me fazendo perceber que o sol já havia ido embora.

- Tenho cara de relógio?

- De relógio não. De puta sim. – Camilli levanta começando a andar para o meio da floresta.

- Onde você está indo? – pergunto seguindo-a.

- Para a casa, acho que é por aqui.

- Você acha? – pergunto desconfiada.

- Tenho certeza!

Começamos a andar pela floresta, cai 5 vezes e a Ameba bateu 7 vezes a cara nas árvores. Ficamos andando por horas e parecia que estávamos dando voltas e voltas pelo mesmo lugar.

- Acho que não é por aqui. – Falo para a baixinha.

- CALA A SUA BOCA! EU NÃO CONSIGO ME CONCENTRAE COM VOCÊ FALANDO O TEMPO INTEIRO!

- NÃO PRECISA GRITAR! Cacete, quero ver se tiver algum animal selvagem aqui e ele venha nos atacar pensando que você é um bezerro.

- Bezerro é teu pai.

- Teu cú.

- O teu.

-.... Sabe o que seria bem legal? – Pergunto animada para a sombra

- Não sei, não quero saber e tenho raiva de quem sabe. – Responde Grossa.

- Se acontecesse igual a última temporada de Fairy Tail. Andamos no meio da floresta, vamos para o rio e lá encontramos o dolosa do Zeref tomando banho peladin.

- Nossa man! Isso seria muito foda! – Ameba começa a se empolgar.

- Daí ao invés de desviar o olhar igual a tonta da Mavis, eu iria é ficar encarando até o último minuto.

- Daí ele poderia nos ensinar magia.

- Ou nos ensinar o sistema reprodutor. – digo com aquela carinha.

- Com prática. – Camilli diz fazendo a mesma carinha, ou tentando, e começamos a rir igual duas hienas dando cria.

- BORA ACHAR UM RIO MANOOOOO! – Saio gritando pela floresta.

Corremos nós duas pelo mato estilo Tarzan. Até que sem perceber, Ameba tropeça em uma pedra fazendo nós duas sair rolando. Rolamos por alguns minutos, quando finalmente pensamos que tinha acabado, caímos de um barranco.

Escuto o som de um rio, levanto e percebo que a baixinha tinha sumido (socourro! Perdi minha Ameba). Até que vejo a mesma saindo de dentro do rio.

- ZEREF CHEGAY!... Eita! Cadê ele? – começa a procura-lo.

- Acho que viajamos nessa ideia. – começo a chorar.

- PUTA MERDA SARAH! NÃO OLHE PARA TRÁS! – Camilli aponta para algo atrás de mim.

- Se for o Zeref, eu juro que enlouqueço. – Ameba não faz nada, apenas fica com uma cara de assustada.

Me viro lentamente para trás e...

- MINHA SANTA DA BICICRETINHHA! O QUE É ISSO? – Vejo um enorme minotauro (?) com uma comprida espada de ferro em mãos (N/A: sabe aquele primeiro boss de SAO? Então, é ele. Se você não sabe, vai ter uma imagem nas notas finais).

O bixão loko tenta me acertar, mas com meu super treinamento de chineladas de mãe, eu consigo desviar no último instante.

- PORRA MEU! – Ameba grita.

- ME AJUDA RAPARIGA!

- Nai. – A morena de senta no chão e começa a me assistir.

- É SÉRIO ISSO? – fico indignada com as atitudes da minha cria.

- CUIDADO! – Me alerta.

Olho para cima e vejo a espada do bixão vindo em minha direção, como eu sou muito inteligente (sqn), eu fecho meus olhos e espero a morte.

- CARAI BORRACHA! PENSEI QUE EU QUE ERA A SOMBRA! – Ameba.

Abro os olhos e percebo que continuo inteirinha.

- O que aconte- sou interrompida por outra espadada do tiu loko.

Percebo que eu usava praticamente a mesma magia do Rogueixon, me transformando em sombra e impedindo que o inimigo conseguisse me acertar. Assim, comecei a dar uns olé no touro.

- Para de brincar e acaba logo com isso. Quero voltar para casa e dormir.- Camilli fala.

- To tentando! Você que fica igual uma inútil aí sentada... comendo batatinhas... – a mesma estava comendo um pacote de batatas que tirou do fiofó.

- CONCENTRE O CHAKRA! - Camilli me dava "dicas".

O bixo continuava me atacando e a Ameba continuava insistindo em eu ataca-lo. Mas não lembrava de nenhuma magia do Batman, enquanto assistia Fairy tail eu não prestava atenção no nome das macumba, e sim na beleza do Mozaum.

- SAI EM NOME DA SANTA PACOQUITA! MORRE CRIA DO CAPIROTO! – comecei a gritar enquanto fazia uns movimentos mucho lokos com as mãos, que mais parecia um gay espantando mosquito.

Até que, ao monstro tentar pisar em minha pessoa, eu coloco as mãos acima da cabeça e acabo congelando o pé do mesmo.

- PITI QUI PIRINI! VIROU A ELSA AGORA! – A inútil grita me olhando.

- HAHAHAHAH! – Rio igual uma égua com asma – LERIGOU! LERIGOU! – canto começando a pular e jogar gelinho pelos cantos.

Estava tão entretida me fingindo de Frozen, que sem perceber a um foguinho me salva de ser esmagada pela mão do marginal (por que marginal?).

- KARYUU NO TEKKEN! – olho para cima e vejo...

- Camilli? – ela dá um soco na face do bixin.

- suprise mothafuka! – Ameba diz logo dando um Hakuryu no Hoko (Rugido do Dragão Branco). Derrubando o minotauro.

- *-* Que inc- sou interrompida.

- QUE INCRÍVEL! – Lucy chega, sendo seguida pelos outros.

- Eu não sabia que você era uma Dragon Slayer de fogo também. – Natsu chega todo felizão abraçando a minha Ameba.

- E parece que da luz também. – Erza brota do meu lado.

- Eita capiroto! – falo um pouco alto demais, fazendo a ruiva me olhar mortalmente.

- Eu não escutei direito. Pode repetir? – diz ameaçadora.

- Tá com piolho! É isso! A Camilli tem piolho! – digo rápido com medo.

- Você é Dragon Slayer de gelo? – Gray vem até mim.

- Acho que sim.

- Que legal! Não sabia que isso existia! – fala um pouco animado.

- Eu sou cheia de surpresas! Xablau! – tiro uma paçoca do meio do meu cabelo.

- Isso foi um pouco bizarro.

- Eu sei. – começo a comer.

Depois de tudo isso, voltamos para a casa, conversando sobre as nossas magias e como será o treinamento nos próximos dias.

- Vocês não acham isso meio improvável? – Lucy diz.

- Como assim? – Erza.

- A Camilli tem, tanto na personalidade quanto na aparência, de quem teria um poder das sombras. E a mesma coisa com a Sarah, que dá a impressão de que teria um poder da luz. Mas foi totalmente o contrário.

- Agora que eu parei para pensar... Até que faz sentido! – tiu do picolé diz.

- Mas não importa. O que importa é que senpai vai me treinar. Assim passaremos mais tempo juntos ^-^ - Eu (só podia ser né?)

- Yandere. – Pedra sem sentimentos.


Notas Finais


Foi isso jão! Não deu tempo de fazer revisão.
Não sei quando sairá o próximo mano! Pd pa? Moro

Bixão:
http://pinterest.com/pin/851391504528330345/?source_app=android

Bjs no cú para todos ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...