História O segredo das montanhas - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Temari
Tags Mistério, Montanha, Morte, Narusaku, Naruto, Neve, Revelaçao, Romance, Sakura, Sasuke, Sasusaku, Segredo, Sexo, Suspense, Temari, Terror
Exibições 117
Palavras 1.155
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi ^^

Capítulo 8 - As palavras de um irmão


Fanfic / Fanfiction O segredo das montanhas - Capítulo 8 - As palavras de um irmão

O despertador, ainda que com um volume baixo, despertou Naruto de seu sono na cama de Sakura, a baixa temperatura das montanhas fez seu corpo estremecer abaixo do edredom, suas mãos buscaram o despertador na escrivaninha ao lado da cama, em seguida o desligou assim que o sentiu entre seus dedos. Seus pés tocaram o chão gelado da cabana, seu corpo estremeceu novamente, após um longo bocejo colocou um fim a sua missão de se levantar.

Eu não programei esse despertador, pensou Naruto encarando o mesmo sobre a escrivaninha, em seguida calçou seus tênis e saiu do quarto, se deparou com Sakura e Temari se enfrentando em um jogo de xadrez, seus olhares sobre o tabuleiro exerciam uma pressão incrível no ambiente, como se duas tigresas estivessem disputando pelo tigre mais forte.

- Boa tarde senhor bicho preguiça - disse Sakura enquanto retirava as chaves do carro de seu bolso e as arremessava para Naruto.

- Não sabia que vocês jogavam xadrez - disse Naruto após agarrar as chaves.

- Somos horríveis - disse Temari rindo.

- Bom, eu adoraria continuar assistindo mas tenho que buscar uma certa pessoa nas montanhas - disse Naruto.

- Já estamos nas montanhas - disse Sakura.

- Você me entendeu - disse Naruto pouco antes de deixar a cabana.

Sakura estacionou o carro corretamente, o que é por si só uma raridade, suas habilidades com a direção de veículos classe A e B são questionáveis, afinal ela foi reprovada quatro vezes no teste de direção, fato que Naruto sempre repudiou por achar o teste algo simplório.

Naruto deixou a cabana e segui estrada a cima, como de manhã a pista estava coberta de neve, porém conseguiu reduzir o tempo de percurso para pouco mais de uma hora, se aproximou da estação de esqui e estacionou em uma das várias vagas livres no estacionamento, Sasuke já o esperava encostado em uma das barras de segurança próximas da entrada da estação.

- Está atrasado - disse Sasuke após adentrar o carro.

- Não, é você que está adiantado, ainda são cinco horas - disse Naruto.

- Você sabe que sempre chego nesse horário - disse Sasuke.

- E vou continuar chegando no horário combinado até você aprender a marcar hora - disse Naruto enquanto manobrava o carro. Após deixar o estacionamento iniciou a descida pela montanha, neste instante uma neve fraca começou a cair.

- Hoje de manhã o céu escureceu, você chegou a enfrentar outra tempestade? - disse Naruto.

- Não, subi a montanha sem grandes problemas - disse Sasuke.

- E conseguiu encontrar algo? - disse Naruto.

- Não, desci boa parte do penhasco, mas não encontrei nada - disse Sasuke.

-Eu já te disse, ele morreu, foi soterrado pela neve - disse Naruto.

- Amanhã eu tento de novo - disse Sasuke.

- Qual é cara, vamos curtir a virada do nosso jeito, não adianta subir essas montanhas de novo - disse Naruto.

- Eu só vou tentar mais uma vez, me leva amanhã de manhã no mesmo horário - disse Sasuke.

Naruto balançou sua cabeça negativamente enquanto fazia uma curva, Sasuke passou a encarar o retrovisor.

- Eu me declarei para a Sakura de novo - disse Naruto.

- E o que ela disse? - respondeu Sasuke quase que instantaneamente.

- Que não queria destruir nossa amizade, cara, eu não consigo entender ela - disse Naruto.

Sasuke se manteve inerte durante vários minutos enquanto Naruto descrevia sua conversa com Sakura durante a manhã, o loiro suspirou e apertou forte o volante várias vezes enquanto tentava se manter razoavelmente calmo.

- Pare o carro - disse Sasuke, Naruto o encarou intrigado.

- Parar o carro? - disse Naruto.

- Isso, agora - disse Sasuke, o loiro então estacionou próximo das árvores.

- O que houve, você está passando mal? - disse Naruto.

- Desliga o carro - disse Sasuke, Naruto o encarou durante alguns segundos, em seguida o obedeceu.

- Será que dá para me falar o que houve? - disse Naruto.

- Nós somos praticamente irmãos - disse Sasuke, Naruto arqueou uma de suas sobrancelhas ainda o encarando, Sasuke voltou seu olhar para a estrada, a observou durante alguns segundos, passou sua mão por seu rosto e voltou a fitar o retrovisor.

- Cara, me fala de uma vez - disse Naruto.

- Eu não fui sincero com você - disse Sasuke.

- O que quer dizer? - disse Naruto.

- Olha, você me conhece desde garoto, nossos pais sempre foram amigos, crescemos juntos, por isso quando soube que você gostava dela eu tentei me afastar - disse Sasuke, Naruto permaneceu inerte, apenas o encarando.

- Eu e a Sakura estamos juntos já faz um tempo - disse Sasuke.

Naruto se endireitou no banco e tentou segurar o volante, porém suas mãos retornaram para seu colo, o silêncio então reinou durante os segundos subsequentes, os dedos do loiro se fecharam em um punho e foram de encontro ao rosto de Sasuke, o mesmo não revidou o golpe.

Naruto em silêncio abriu a porta e caminhou até a frente do carro, levou suas mãos até sua nuca, cerrou os punhos, voltou seu corpo para o carro e acertou o capô com ambos os punhos, em seguida o socou mais algumas vezes enquanto uivava em fúria.

Sasuke o observou contornar o carro e esperar alguns segundos em frente a porta até finalmente entrar, em silêncio deu a partida e seguiu pela estrada.

- Olha... - disse Sasuke.

- Fica quieto, pelo amor de Deus cara, apenas cala essa boca - disse Naruto.

A descida até a cabana levou mais tempo do que a subida, com ambos em silêncio, Naruto estacionou e saiu do carro às pressas, adentrou a cabana, avistou Sakura escolhendo um livro na estante da sala, Temari cortando alguns legumes na cozinha, as ignorou e seguiu para o quarto, Sakura o estranhou, porém decidiu não o incomodar.

Sasuke entrou na cabana e fechou a porta, Sakura o fitou e sorriu, porém não recebeu outro sorriso como resposta.

- Como foi lá em cima? - disse Sakura enquanto se aproximava.

Sasuke caminhou pela sala e sentou no sofá de frente para a lareira.

- Não sei exatamente, me faz um café? - disse Sasuke, Sakura assentiu e seguiu para a cozinha.

Temari terminou de cortar os legumes, os colocou dentro de uma das panelas juntamente com outros ingredientes, em seguida iniciou o corte dos salames italianos, porém acabou cortando seu dedo indicador, após um pequeno gemido de dor largou a faca sobre a pia, abriu a torneira e jogou água por cima do machucado.

- Droga - disse Temari, em seguida fitou a janela, a escuridão da noite estava começando a tomar conta do lugar, se juntando a sombra das árvores, e foi entre elas que algo chamou sua atenção, ali inerte, fez seu corpo estremecer.

- Mais o que...? - disse Temari enquanto se afastava da pia.


Notas Finais


Tchau ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...