História O sentimento. - Capítulo 39


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Colegial, Hentai, Romance, Violencia
Visualizações 17
Palavras 713
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Fantasia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura.

Capítulo 39 - Revolta..


Fanfic / Fanfiction O sentimento. - Capítulo 39 - Revolta..

Ele me olha incrédulo e vem até minha direção, então me levanta com cuidado tira o seu casaco e me cobre com ele.. logo depois Jin e Namjoon chegam.. a última coisa que eu lembro é de ver os dois me carregando para casa. Kamila e Karla me dão banho e me colocam na cama, Hope chega com alguns remédios e eu tomo e logo adormeço..

Jh:Seria bom levar ela para o hospital. Ela está com muitos cortes no rosto.. a pessoa que fez isso deve ter a espancado muito porque meu Deus..

Jm~O rosto dela tá muito machucado.. (Jimin chega perto de mim e me abraça) mas eu acho que não vai ficar nenhuma cicatriz parece que ela foi espancada por mais de um homem.. deve ter tentado fugir.. ou chamar ajuda, eu conheço minha noiva..

Tae:Ah vocês são noivos?! Por isso que eu notei a aliança no seu dedo e no dela, eu achei que eram parecidas mesmo. Felicidades ao casal (ele se curva e sorri)

Km•Acho que não é uma boa para você dizer isso né (todos me olham adormecida)

K• É melhor levar ao hospital sim! Vai que aconteceu alguma coisa mais séria..Vai que ela quebrou alguma coisa? Nunca se sabe o que esse homem maluco pode ter feito. (Karla chega perto de mim e faz carinho no meu cabelo)

Jin:Eu acho que vocês deveriam ligar para mãe dela.. afinal de contas ela tem mãe vocês sabem disso né?

Nam:Eu não sei não em.. a mãe dela vai ficar desesperada.. (ele abraça Jin)

Jk:Mano eu acho que não devemos levar ela para o hospital não.

Jm~A mãe dela me deixou como responsável por ela.. e é isso que acontece.. eu acho que devemos ficar aqui com ela e perguntar para ela quando ela acordar se ela quer ir para o hospital ou não coisa que eu acho que é muito improvável que ela queira..

-Não *abro os olhos e olho para eles que se assustam* não me leve para o hospital façam a ceia e comemorem é Natal..

Km•Mas não podemos fingir que nada aconteceu Mey, você foi espancada e abusada (ela chega perto de mim e fica parada na minha frente me olhando)

-Eu apenas quero ficar sozinha..vão lá comemorar o Natal *fecho os olhos e me cubro*

K•Mas..

Jm~Vocês escutaram ela, por favor desçam (Jimin levanta e abre a porta todas as pessoas deixam o quarto e Jimin tranca a porta)

-Jimin vá também.. *viro as costas para ele*

Jm~Nem a pau.. o que aconteceu.. Me conta amor (ele senta ao meu lado e me abraça)

-Eu.. *Começo a chorar*

Jimin fica me abraçando e me fazendo carinho enquanto isso ele sussurra que me ama em meu ouvido..

Jin e os outros meninos vão para a cozinha no pátio da casa estão Baek, Sehun e Alex.

Alex: Baek! Onde você estava quando isso tudo aconteceu?

Baek: Aqui uai.. (ele da um sorriso irônico)

Alex:Foi você não foi?!

Sh:Amor para..

Alex:A cala a boca Sehun seu chupa cu desse Baek estuprador!

Sh:Se ta muito abalado. (Sehun o abraça e puxa Alex de cima de Baek)

Alex:Desgraçado..

No quarto..

-E então eu me virei.. e foi quando tudo aconteceu.. *seguro na mão do Jimin*

Jm~Você não conseguiu ver nada?

-Amor onde o Baek estava quando isso aconteceu? *o olho*

Jm~Ele tinha.. (ele me olha) saído..

Jimin me olha e eu o encaro séria.. ele fica com um olhar de raiva..

-Amor eu não posso provar nada.. não faz nada AMOR *tento segurar o mesmo que levanta e abre a porta*

Jm~Esse desgraçado! (Jimin corre em direção ao Pátio e chega correndo no Alex e nos demais Baek o olha)

Jm~SEU FILHO DA PUTA (ele da um soco que acerta o rosto de Baek o fazendo cair no chão) 

Alex:ISSO! DA NA CARA DELE JIMIN ISSO!

Nam:Jimin! (Nam e Jin correm na direção do mesmo)

Jm~VOCÊ NÃO CHEGA PERTO DA MINHA NOIVA (ele chuta Baek o fazendo cuspir sangue)

Jin:Jimin PARA (eles puxam Jimin de cima dele e as meninas levantam Baek)

Km•Você nao pode fazer nada, ninguém sabe se foi ele! 

Jm~SE FOI VOCÊ EU VOU DESCOBRIR SEU MERDA!

Os membros tiram Jimin do Pátio e levam o mesmo para dentro.

Km•Se ta bem Baek? (Kamila o olha e ele sorri)

Baek:To sim..

Jin termina de fazer a ceia mas quase ninguém come.. o silêncio toma conta do local e Baek fica aos cuidados das meninas Jimin sobe e fica ao meu lado.. não trocamos uma palavra e assim foi nossa ceia.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...