História O Sonho de Toda a Garota - Capítulo 2


Escrita por: ~

Exibições 43
Palavras 1.432
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Mais um captulo <3 (o final é a mlr parte)

Capítulo 2 - Quem é ela?


P.O.V Regina Mills

-Então ta,agora vai,você não pode chegar atrasado no primeiro dia de trabalho.

E então ele abriu a porta e saiu.

Eu fiquei na cama por mais alguns minutos, e depois levantei, eu tenho faculdade e não posso chegar atrasada.

Eu fui até o banheiro e lavei meu rosto com água, o enxuguei na toalha e desci para tomar café da manhã.

Eu não estava com fome, então só tomei o resto do café que Robin deixou pra mim, ele é tão fofo.

Fui em direção ao nosso quarto e me troquei de roupa, coloquei uma calça jeans e uma blusinha vermelha de seda, coloquei o meu all-star ,peguei a chave do carro e sai de casa.

A minha faculdade é um pouco longe, então eu tenho que ir de carro, já o Robin vai apé até o colégio,que fica à 3 quadras de distância.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Cheguei, estacionei o carro e entrei, faltavam 15 minutos para a aula começar, o tempo perfeito para conversar com as minhas amigas.

Ao longe pude ver as minhas melhores amigas :Ruby e Tinker.

-Oiee gente.

-Oi Regis -elas disseram juntas
-Então sobre o que vocês estavam falando?

-Sobr....

Fomos interrompidas por ninguém menos que a pessoa mais alegre do mundo,também conhecida como minha irmã, Zelena.

-Oiiiii Regis - ela me disse dando um beijo em minha bochecha.

-Oi Zelena- eu disse um pouco surpresa- nossa porque você está tão alegre?

-Mais eu estou assim sempre.

-Meu deus Regina como a sua irmã consegue ser tão bem humorada?Principalmente em uma segunda-feira- perguntou Ruby.

-Se você não sabe imagina eu- eu respondi.

Todas nós rimos.

-Olha só quem ta passando Tinker- disse a Ruby,olhando para Tinker.

-Ai meu deus Ai meu deuuusss- ela respondeu,em um tom muito animado.

Quando ele estava passando por nós eu disse:

-Olá professor.

-Bom dia meninas- ele respondeu de um jeito super educado,com um grande sorriso nos lábios.

Assim que ele passou a Tinker falou.

-AI MEU DEUS, AI MEU DEUS ELE ME DISSE BOM DIAAAAAAAAA.

-Cuidado com a iludida -Ruby disse com seu grande humor.

Todas nós rimos, exceto Zelena.

-Gente não entendi- ela disse,um tanto quanto confusa.

-A Tinker tem um crush enorme pelo nosso professor.

-Ah, ele já deu aula pra mim,eu não acho ele taaaaaao bonito.- disse a minha irmã

-O que?Como assim?-A Tinker disse indignada- Ele é Killian Jones,Killian Jones, a pessoa mais bonita do mundooooo.

-Ele é bonito,mais nem tanto- Zelena disse.

-Isso é verdade- eu disse.

-Que bom que vocês não ligam pra ele, porque ele é todo MEUUUU.

-A ilusão ta foda hoje-Ruby disse.

-Falem oque vocês quiserem, um dia a gente vai se casar e eu vou jogar na cara de vocês- a Tinker disse.

-Não se iluda Tinker- Zelena disse.

-Gente deixem ela sonhar a Ruby disse- eu já to até vendo eles se casando algum dia, algum dia tipo o dia 30 de fevereiro.

Eu e Zelena rimos.

-Estão vendo?- disse Tinker- a Ruby acredita que eu vou me cas...Pera ai, não existe dia 30 de fevereiro.

-Amém pensei que você nunca ia descobrir.

Todas nós rimos, exceto Tinker.

-Vocês são muito engraçadinhas, não vejo graça nenhuma.

Assim que ela terminou de dizer isso, o sinal tocou.

Eu peguei as minhas coisas no armário e falei.

-Vamos?

-Vamos- Tinker e Ruby responderam.

-Bem eu também já vou indo- disse Zelena- tchau pra vocês.

E ela saiu

Nós estávamos indo em direção à sala.

-Regina, o que a sua irmã faz aqui no colégio?Eu sei que ela não estuda, porque a gente tá no último ano e a sua irmã é 2 anos mais velha que você, mais eu sempre vejo ela aqui -perguntou a Ruby.

-Ela da aula para os alunos do primeiro ano.

-Ah nossa eu não sabia.

-Ela também fez direito, mas não para ir ao tribunal, só para dar aula.

-Hmm entendo.

Nós entramos na sala.
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

O sinal tocou.

Intervalo (ノ*゚ー゚)ノ

-Ai que fome eu quero uma coxinha - reclamou a Tinker.

-Então compra- eu disse.

-Mais eu não tenho dinheiro- ela respondeu.

-Eu tenho- respondeu a Ruby indo para a fila.

-AHHHHHH eu quero.

-A coxinha é minha.

-Chata.

-Pobre.

-Gorda.

-Pelo menos eu tenho uma coxinha.

-Já chega vocês duas- eu disse- eu pago uma coxinha pra você.

-Aahhh obrigada Regis.

Ela já ia pegar o dinheiro mais eu recuei.

-Você acha que eu sou Jesus pra fazer caridade? Você vai fazer a minha tarefa.

-Sério?

-Seríssimo.

-Ok- ela disse virando os olhos e pegando o dinheiro da minha mão.

-Regina,olha só quem ta lá perto do bebedouro- disse Ruby.

Eu olhei e era simplesmente a pessoa mais escrota do mundo.

Marian

-O que que tem ela?-Perguntou Tinker.

A Tinker começou a ser a minha amiga no primeiro ano da faculdade,já a Ruby estudou comigo desde sempre,mas ela só se tornou uma grande amiga minha no ensino médio.

-Ela é a pessoa mais escrota do mundo- A Ruby falou.

-O que ela fez Regis?

-Eu e ela eramos muito amigas quando eu tinha 12 anos, ela gostava de um menino, o nome dele era Robin, ela disse para mim que queria ficar com ele, então ela fez eu me aproximar dele.A gente ficou muito amigos e um dia eu perguntei para ele se ela gostava da Marian, e ele disse que não. Eu contei isso para a Marian e ela,por incrível que pareça, não ficou triste,ela nem ligou, eu continuei sendo amiga do Robin e essa amizade foi se transformando em uma paixão, até que um dia,quando eu tinha 14 anos ele me pediu em namoro, eu fiquei super feliz e eu pensei que a Marian iria ficar feliz por mim mais não, ela me xingou de tudo quanto é nome e ela espalhou para a escola inteira que eu era uma vadia que roubava namorados.Mas ela mesmo me disse que não gostava dele e eu pensava que a gente era amiga.

-E depois disso eu virei melhor amiga da Regina- a Ruby disse e seu dei um sorriso para ela.

-A Ruby me ajudou enquanto a escola toda me chamava de vadia.

SINAL TOCOU

-Droga,eu nem comprei a minha coxinha- Tinker reclamou.

Eu e Ruby rimos, e então ela também.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Depois de mais algumas horas de aula finalmente chegou a hora de ir embora.

Eu guardei meus livros no armário e fui dar tchau para as minhas amigas.

-Tchau gente.

-Você não quer ir almoçar com a gente?-Tinker perguntou

-Eu já disse para o Robin que iria almoçar com ele.

-Aff Regina trocando a gente por macho- Ruby reclamou.

-Amanhã eu almoço com vocês, eu prometo.

-Sério? - Disse Tinker .

-Serião.

-Tabom,tchau Regis - as duas disseram.

-Tchau gente.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
             Estava chegando em casa quando olho no relógio e é 12:50.

O Robin disse que saia perto das uma.

"Acho que vou fazer uma surpresa para ele e aparecer lá na escola " - pensei

E assim eu fiz, estacionei perto do grande portão da escola e o aguardei.

P.O.V. Emma Swan

Esse dia foi grande demais, muitos papéis pra assinar e fora isso,vários nadas para fazer.

Só fico pensando na vida, eu precisava arranjar alguem, sem essa coisa de casar e talz, alguém que saiba transar bem.

Oh eu não disse 

Eu sou lésbica

Me destrai dos meus pensamentos quando o sinal tocou.

Eu dei uma arrumada no lugar,peguei meus óculos, a minha bolsa, fechei a sala e sai, eu tenho 1h30 de almoço.

Desci os dois andares e eu iria sair pelo portão da frente.

Iria

Mais nessa hora tem muitos alunos que saem correndo e se empurrando, e eu não estou com paciência para isso.

Então eu resolvi sair pela porta do lado,uma portinha por onde as "tias da limpeza" saem quando acabam de limpar todo o colégio.

E assim eu fiz.

Meu carro estava um pouco depois do portão principal, então eu teria que passar por ele.

Quando eu estava me aproximando do meu carro eu vi que tinha um carro na frente do meu e, de repente uma mulher saiu do carro.

Mais não era qualquer mulher 

Era a mulher.

Eu me escondi atrás de uma árvore e eu a observei.

Ela era maravilhosa.

Seus cabelos eram de um tom escuro, um marrom escurecido, seus olhos eram castanhos e sua boca, ahh que boca.

Sua boca era carnuda e muito linda.

Seu corpo é de dar i-n-v-e-j-a 

Ela tem seios grandes, uma cintura fina e uma bunda extremamente volumosa.

Eu fiquei a admirando por alguns segundos,mas a pergunta que não quer calar é:

Quem é ela?

 


Notas Finais


Aeeeee espero q vcs tenham gostado <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...