História O ultimo ano na escola (Interativa) - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Colegial, Escolar, Interativa, John, Romance
Exibições 24
Palavras 1.923
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 11 - Chuva gelada


Fanfic / Fanfiction O ultimo ano na escola (Interativa) - Capítulo 11 - Chuva gelada

Não me segurei e comecei uma grande treta.

-Cara, o que diabos você pensa que está fazendo?! –Eu disse gritando, acordando todos do quarto.

-Aah?! Que foi?! –Scar disse quase pulando do colchão.

-Hmm...? –Clary disse abrindo os olhos e se espreguiçando.

-Estou falando com você, Alfred! –Eu disse muito bravo.

-Ahn...Treta logo pela manhã.. –Ice disse, mesmo não sabendo que eram duas da tarde.

-Que foi, cara? –Fred disse se espreguiçando e sorrindo.

-O que diabos você ta fazendo com minha irmã?!

-Vish... –Scar disse olhando pro Fred.

-O que você acha? –Fred riu. –Estávamos dormindo, até você chegar.

-Você não tem vergonha na cara?! Ela é minha irmã!

-Qual o problema? –Fred disse sorrindo ironicamente.

-É minha irmã! Não pode simplesmente pegar ela!

-Hey! –Clary disse reclamando.

-Claro que posso, dês que ela deixe. Que nem você pode pegar a minha, se ela quiser. É a vida. –Fred disse colocando a mão no ombro da Clary. –Sua irmã pega quem ela quiser, que nem você!

Não sabia exatamente como reagir, mas eu sei que eu estava vermelho de raiva. Nesta hora eu já tinha acordado todo mundo na casa, e provavelmente o Allan.

 Não me segurei de ficar ali, parado perto da porta do quarto e fui para cima do Alfred. Não consegui fazer muita coisa alem de um soco no ombro antes que o Hiro e a Clary me tiraram de perto dele.

 Ele ficou lá em cima no quarto e o pessoal me levou para a sala.

-Cara, ta tudo bem contigo? –Hiro disse sentado ao meu lado no sofá.

-Sim, tá tudo bem. E-Eu só não sei o que aconteceu comigo.

-Você estava com ciúmes da sua irmãzinha! –Emi falou rindo.

-Não sei se eu vou ter coragem de olhar na cara dele e pedir desculpas... estou arrependido.

-Tem nada não! Pode ficar tranquilo. –Melly disse sorrindo.

-Hey John! –Ice disse das escadas. –Sobe aqui!

-Ok...

-Boa sorte. –Emi disse.

Subi as escadas e entrei com a Ice no quarto da Clary.

Fred, Clary, Yumi e Scar já estavam lá, em volta do Fred.

-Ah, oi... cara.

-Hey! –Fred disse sorrindo.

-Ah... eu queria te dizer... desculpas.

-Tá tudo bem! Eu provavelmente teria um pouco dessa reação se fosse a minha irmã. –Fred disse para mim.

-Você machucou ele! –Clary disse.

-Não, tá tu- Fred tentava dizer.

-Olha o que você fez! – Clary tentou mostrar. –Assim ele não consegue ver, tira a camisa Fred.

-Hmm? Ele consegue v- Fred tentava dizer.

-Tira a camisa! –Clary dizia para o Fred.

-Ok, já que você insiste. –Fred dizia enquanto tirava uma camisa, que por sinal era minha.

-Tá vendo? –Clary apontou para o ombro dele, que estava com alguns curativos.

-É... Foi mau cara.

-De boas - Fred disse enquanto colocava a camisa de volta.

-Eu estou com fome, tem algo pra comer? –Yumi disse para mim.

-Não, mas eu posso pedir uns sushis.

-Sushi? Tem certeza? Está chovendo, é sábado. Não sei se entregam. – Yumi falou desapontada.

-É verdade. A gente pode ir lá em baixo ver se está chovendo muito, e ver se da para sair.

-Tudo bem! Vamos lá pessoal. –Clary disse puxando o Fred pras escadas enquanto saia do quarto.

-Desde quando eles estão tão próximos?

-Desde ontem à noite, quando você saiu. – Ice disse rindo.

-...Aconteceu algo entre eles? Tipo...

-Claro que não né! Que errado John! –Ice disse saindo do quarto junto com o pessoal.

 Depois de o pessoal descer eu fui logo atrás, pois não quero ficar isolado. Abri a porta da frente e vi um pouco.

-Vai lá John! –Emi disse me empurrando na chuva.

-Ei! –Eu disse na chuva.

-Vamos lá gente! –Fred disse.

-É! Vamos tomar um banho de chuva! –Melly disse subindo nas costas do Fred e vindo em minha direção.

-Vocês são loucos! –Clary disse rindo.

-Loucos, porem os melhores. –Scar disse rindo também.

-Vem comigo, Clary!

-Você é louco, mano? Não vou mesmo. –Clary disse com uma cara feia.

-Vem, Clary! –Fred disse estendendo uma mão.

-É! Vem! –Melly disse sorrindo.

-Hm..tudo bem então! –Clary disse indo perto do Fred.

-Hey... você vem? –Hiro disse para a Yumi.

-Não. –Yumi disse. –Não vou pegar essa chuva.

-Ah, qual é? –Ele disse sorrindo.

-Só se você me emprestar seu casaco. –Yumi disse sorrindo fraco.

-Ok! –Hiro disse tirando o casaco e dando nas mãos da Yumi, um tanto feliz.

-Vamos! –Hiro disse puxando a Yumi.

 Nesse momento já estávamos todos na chuva, felizes e pulando.

-Estamos todos molhados! E o que a gente faz agora?! –Ice gritava um pouco.

-A gente pode ir almoçar num restaurante aqui perto. Vem! Vamos pessoal. –Eu disse e sai correndo e o pessoal veio logo atrás.

 Entramos num restaurante. Por sorte estava vazio, somente com os funcionários. Entramos e sentamos numa mesa.

-O que vão pedir?
-Não faço ideia. Acho que devemos pedir algo quente, tipo chocolate quente. –Fred disse olhando o cardápio.

Assim que todos concordaram com o chocolate quente a Emi pediu para a garçonete.

-Isso é estranho... a gente tá tipo; de pijama, molhados num restaurante. –Ice disse.

-É... –Scar disse mexendo no pijama.

A moça chegou e serviu para todos.

-Hmm! Bem quentinho... –Melly disse tomando.

-Hmm... pessoal? –Clary disse soltando a caneca.

-O que? –Fred perguntou.

-Alguém... trouxe dinheiro? –Ela falou preocupada.

Todos se entreolharam, não sabíamos o que fazer.

-John? O que a gente faz? –Emi falou para mim, e todos me olharam.

-Que? Por que perguntar diretamente pra mim!?

-Quem teve a ideia de vir para cá? –Hiro disse rindo.

-Ok, tem razão. Bem, eu vou falar com a garçonete e vou ver o que posso fazer.

-Vou com você. –Yumi disse sorrindo.

Eu e a Yumi levantamos e fomos na direção da garçonete, que estava num barzinho.

-Ah, senhora...

-Desculpe o interromper, mas vocês poderiam se retirar do restaurante? –A garçonete falou seria para gente. –Estão molhando as cadeiras de couro.

-Ah, c-claro. Vou chamar o pessoal.

-Obrigada. –Ela agradeceu.

Eu e Yumi nós olhamos tensos. Voltamos para a mesa e falamos para o pessoal, e fomos para o lado de fora, na chuva.

-Ok, pessoal! Vamos voltar correndo pra casa!  -Clary disse e saiu correndo, e fomos logo atrás.

 Estávamos correndo para tentar não pegar muita chuva e chegar rápido, mas no meio do caminho a Yumi escorregou e caiu.

-Yumi! – Scar gritou chamando a atenção de todos. –Tá tudo bem?!

-Ah... sim, eu acho. –Ela disse com os olhos molhados. Não sei se ela estava chorando ou era a chuva.

-Machucou algo? –Hiro perguntou preocupado.

-Minha perna... –Yumi falou mostrando a perna que estava sangrando um pouco.

-Acha que consegue andar?

-Sim, com a ajuda de alguém. –Ela disse levantando.

-Deixa que eu ajudo ela pessoal. –Hiro disse colocando o braço da Yumi em volta do pescoço dele.

-Obrigada. –Ela disse sorrindo.

 Estávamos chegando em casa, até que eu vi o Allan dando um sinal para a gente.

-Pessoal, acho que o Allan está nos chamando.

-Vamos lá então. –Fred disse um tanto desanimado. Estávamos andando já faz alguns minutos e tivemos que andar mais devagar por causa da Yumi.

Quando chegamos lá o Allan mandou a gente entrar na casa dele e se secar um pouco.

-O que aconteceu com vocês? Estão quase uns mendigos. –Allan disse assustado, com uma bandeja de cookies na mão. –Parecem com fome.

Ice Emi, Melly, Clary e Scar atacaram os cookies.

-Culpe o John. – Melly falou olhando pra mim.

-Que? Culpem a Emi! Ela que me empurrou.

-Ei! Somos amigos. A culpa é de todos. –Emi disse olhando pros cookies.

Todos concordaram.

-Vou ficar bem? –Yumi perguntou para o Fred e o Hiro, que estavam com ela no sofá ajudando-a.

-Hmm... ah.. –Fred disse confuso.

-Claro que vai, só foi um machucado na perna. –Hiro disse sorrindo.

-Ah, que bom – Yumi disse sorrindo um pouco.

-Melhor vocês irem pra casa de vocês e irem tomar um banho, antes que peguem um resfriado. –Allan disse parecendo preocupado.

-Estamos sem guarda-chuva. –Scar disse.

-Podem pedir táxis.

-Tá louco? Vai ser caro demais e nem estamos com dinheiro. –Emi disse preocupada.

-Eu preciso avisar nossos pais que vamos demorar mais um pouco, devem estar preocupados. –Fred disse olhando pra Melly. –Posso usar o telefone?

-Claro. –Allan disse pro Fred. –Todos podem, à vontade.

Fred agradeceu e usou o telefone, enquanto todos ficavam em silencio.

-E então? Tá tudo de boa? –Melly perguntou pro Fred.

-Mais ou menos, eles pareciam bravos. Vão vir nos buscar. –Fred disse largando o telefone numa mesinha.

-Todos vão querer usar o telefone? –Allan perguntou.

 

 

      ~Algumas horas depois

 Cada um foi para sua casa com os pais, responsáveis ou sozinhos. Ficaram a Scar, Clary, Emi, Allan e eu.

Ficamos na casa do Allan conversando um pouco, mas depois fomos para a minha casa para eu e minha irmã tomarmos banho.

Chegando lá deixei a Clary ir primeiro, e depois que ela saiu eu fui.

 Depois de eu tomar banho coloquei meu pijama e fui para meu quarto, onde o pessoal estava.

-Vocês duas não querem tomar banho? –Clary perguntou para a Scar e a Emi.

Elas se olharam com uma cara de bunda.

-Não... valeu. –Scar disse desanimada.

-Animo pessoal! Ah, é tão engraçado aqui. Já sinto como se fosse a minha casa. –Emi disse rindo.

-É verdade! Sempre ficam aqui e comem meus doces! –Eu disse rindo.

Todos riram um pouco.

-Bem, está ficando tarde, melhor eu chamar meus pais para me buscar. –Emi disse pegando meu celular que estava no chão.

 Ela ligou e parecia que eles iam chegar logo.

-Falaram em torno de cinco minutos. –Ela disse sorrindo e largando o celular.

 Ficamos jogando conversa aleatória fora, como sempre até os pais da Emi chegarem. Quando chegaram todos desceram com ela.

-Tchau pessoal! –Emi dizia sorrindo.

-Tchau! –Clary falou.

Emi entrou no carro e conversou algo com a mãe dela. Ela tirou o sorriso do rosto e voltou perto da gente.

-Ahm... Scar... quer uma carona? Minha mãe ofereceu. –Emi falou com uma cara de bunda.

-Ah! Claro, valeu. Tchau John, Clary e Allan. –Scar falou indo pro carro com a Emi.

-Ah, tchau pessoal. Eu vou indo também. Tenho que lavar a louça e dar um pouco de atenção pro Kou. –Allan disse já caminhando.

-Ah falou cara!

-Té Al! –Clary disse.

-Al?

-Sim, eu chamo ele assim de vez em quando. –Ela disse entrando.

-Tudo bem. –Eu disse fechando a porta e me jogando no sofá. –Tá a fim de jogar algo?

-Ah, não foi mal. Inclusive vou usar a TV. Tenho que ver minha serie. –Clary disse sentando ao meu lado.

-Qual?

-Heh, eu ... eh.. não lembro o nome. Aquela que tem metanfetamina. –Clary disse já colocando o episódio.

-Bem, nunca ouvi falar, mas vou ver com você do mesmo jeito. –Eu disse rindo.

Depois de algumas horas olhando aquela serie que era bem chata por sinal alguém bateu na porta.

-Quem será a essa hora...? –Clary falou com sono.

-Não sei. Que horas são?

- Onze e vinte... e quatro. –Ela disse olhando pro celular.

Eu abri a porta e fiquei surpreso em ver o Fred e a Melly.

-Hey John! Podemos entrar? –Fred perguntou.

-Ah, cl-

-Que bom! –Melly disse entrando com o Fred.

-Mel! Fred! –Clary disse levantando e abraçando o Fred.

-Hey baixinha! –Fred disse levantando ela.

-Não me chama assim, idiota! –Ela disse rindo.

Eu e a Melly ficamos olhando para eles e rindo um pouco.

-Ok, e então? O que querem?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...