História O Veneno Da Maçã - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias 101 Dálmatas, A Bela Adormecida, A Bela e a Fera, A Pequena Sereia, A Princesa e o Sapo, Aladdin, Alice no País das Maravilhas (Alice in Wonderland), Branca de Neve, Cinderela, Encantada, Enrolados, Frozen - Uma Aventura Congelante, Mulan, O Corcunda de Notre Dame, O Estranho Mundo de Jack, Peter Pan, Pinóquio, Rei Leão
Personagens Absolem, a Lagarta, Anita Campbell-Green Dearly, Caçador, Capitão Gancho, Chapeleiro Maluco, Coelho Branco, Cruella De Vil, Fauna, Flora, Gato de Cheshire (Gato Risonho), Gênio, Gothel, Hans, Jafar, Kovu, Lebre de Março, Madrasta, Malévola, Mufasa, Personagens Originais, Peter Pan, Primavera, Rainha (Bruxa), Rainha Vermelha, Roger Dearly, Scar, Shan Yu, Tinker Bell, Vitani, Zira
Tags Cruella, Disney, Jafar, Malévola, Vilões
Visualizações 40
Palavras 757
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Violência
Avisos: Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Segunda parte da história da Cruella De Vil. Aproveitem! 🍎🐾

Capítulo 17 - Lado Cruel - Parte 2


Fanfic / Fanfiction O Veneno Da Maçã - Capítulo 17 - Lado Cruel - Parte 2

        * 9 Anos Depois *

A pequena Cruella crescia forte e saudável, uma bela criança de bochechas rosadas e olhos penetrantes. Mas mesmo sendo aparentemente uma bela criança, ela era um pouco diferente. Tinha um ar sofisticado e gostos extremamente exóticos. Ela era curiosa igual à toda criança, tinha vontade de experimentar os prazeres da vida, porém querer não é poder. Seus pais, Ammy e Gilbert cuidavam dela com muita rigidez e disciplina, ela só podia sair de casa para ir para escola, a vida de Cruella se resumia em estudos, tarefas, e sua única diversão era desenhar diferentes modelos de roupas. Cruella estudava em uma das melhores escolas de Londres, e lá compartilhava segredos e emoções com a sua adorada amiga, Anita:

Anita: Cruella! - Gritou Anita ao ver Cruella no corredor dos armários.

Cruella: Anita, querida! - Acenou Cruella correndo até Anita em seguida.

As duas se abraçaram e depois sentaram num banco do pátio pra conversar um pouco:

Anita: Achei que hoje você não viria...

Cruella: Está brincando, não é? Sabe que o papai me mataria se eu faltasse hoje.

Anita: Você quase não sai de casa, amiga. Como consegue viver assim?

Cruella: Eu sei que meus pais fazem isso para o meu bem, só que às vezes eu sinto falta de calor humano, entende?

Anita: Oque quer dizer?

Cruella: Eu sinto falta do afeto dos meus pais, eu sinto que eles me amam de verdade, só que parecem distantes. Eles me tratam como um professor trataria um aluno, nem sequer me abraçam...

Anita: Oh Cruella, isso parece horrível. A sua mãe não te abraça?

Cruella: Não. Ela me abraçou poucas vezes, e quando ela tenta me abraçar, o papai não deixa. Eu não sei porquê ele e a mamãe se afastam de mim dessa forma. Só querem que eu estude, estude, e nada mais.

Anita: Eu não imaginava que você passava por tudo isso. Cruella...

Cruella: Diga, Anita.

Anita: Eu queria te chamar para a minha festa de aniversário, mas tenho medo que seus pais não deixem você ir...

Cruella: Tinha me esquecido da sua festa... Eu queria muito ir!

Anita: Será que não há um jeito?

Cruella: Não, creio que não há... Ou será que há? - Falou Cruella com uma carinha de quem estava tramando alguma coisa.

De repente o sinal tocou, já era hora da aula. Elas foram para a sala de aula antes que se atrasassem. Enquanto isso, na mansão de Cruella e seus pais, Gilbert e Ammy tinham uma séria conversa à respeito da educação de Cruella:

Ammy: Eu não admito que você esconda nossa filha do mundo, Gilbert. Eu amo a Ella e sei que você também ama!

Gilbert: Já disse que você não deve chamá-la de Ella! Nada de apelidos! Não podemos relaxar ou toda a educação de peso que damos para ela terá sido em vão! Cruella já tem nove anos, já é quase uma moça! Temos que prepará-la para o mundo! 

Ammy: Oque você quer dizer com relaxar?

Gilbert: Apartir de hoje, Cruella terá uma mudança em sua vida. Ela vai passar as noites no sótão estudando, receberá aulas da mais fina etiqueta... E para que essa mudança de rotina dê certo, é indispensável que você mantenha certa distância dela.

Ammy: Como você ousa pedir que eu me distancie da minha filha?! Ela é uma criança e precisa do meu amor... Do nosso amor! 

Gilbert: Seja rigída! Você é uma ótima adestradora e agora é o momento de ser uma ótima mãe! Me obedeça, Ammy!

Ammy: Eu me recuso! Eu conheço a minha filha e sei que ela precisa do nosso amor, o quanto antes!

Gilbert: Eu não falo duas vezes, Ammy!

Gilbert ficou enfurecido e partiu pra cima de Ammy, batendo nela pela primeira vez. Ele à violentou com socos e tapas, levando Ammy à se machucar. Ela chorava amargamente de dor e angústia, ela jamais esperava que Gilbert, um homem tão galante e educado fosse tão covarde ao ponto de espancá-la.

     * 40 Minutos Depois *

Cruella voltou pra casa e encontrou Ammy sentada no sofá ouvindo uma música um pouco melancólica em seu rádio enquanto colocava gelo em alguns de seus machucados:

Cruella: Mamãe! Oque houve?!

Ammy: Não houve nada, Ell... Cruella. 

Cruella: A senhora caiu da escada?

Ammy: Eu já disse que não aconteceu nada! Deixe-me só! Seu pai quer ter uma conversa com você, vá e depois estude um pouco. Você não pode pensar em perder tempo com bobagens!

Cruella: Sim senhora, te amo mãe!

Cruella tentou abraçar Ammy mas ela impediu o abraço virando-se para outro lado. Gilbert chamou Cruella até o sótão e mandou que ela se sentasse. Mal sabia Cruella que apartir dali, sua vida mudaria pra pior.


Notas Finais


Sei que o capítulo foi curto, é porquê estou sem tempo pra escrever muito. Agradeço a compreensão de vocês! Logo postarei a última parte da história da Cruella com muito requinte e capricho.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...